Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Livre
Acesso mais rápido do que o navegador!
 

Regeneração (história)

Índice Regeneração (história)

Regeneração é a designação dada ao período da Monarquia Constitucional portuguesa que se seguiu à insurreição militar de 1 de Maio de 1851 que levou à queda de Costa Cabral e dos governos de inspiração setembrista.

44 relações: Alexandre Herculano, Alfredo Roque Gameiro, António Bernardo da Costa Cabral, Ato Adicional de 1852, Carro americano, Carta Constitucional portuguesa de 1826, Casa de Bragança-Saxe-Coburgo-Gota, Cronologia do caminho de ferro em Portugal, Democracia, Economia, Europa, Fontes Pereira de Melo, Fontismo, Forma de governo, Gomes Freire de Andrade, Governança corporativa, Janeirinha, João Carlos de Saldanha Oliveira e Daun, Liberalismo, Maçonaria, Manuel Borges Carneiro, Manuel Fernandes Tomás, Ministério das Obras Públicas, Comércio e Indústria, Monarquia constitucional (Portugal), Panteão da Dinastia de Bragança, Partido Reformista (Monarquia), Partidocracia, Patuleia, Portugal, Reino de Portugal, Rotativismo, Setembrismo, Telecomunicações, Telefone, Telegrafia, Transporte, Universidade de Coimbra, Vintismo, 1 de maio, 1817, 1820, 1834, 1851, 1868.

Alexandre Herculano

Alexandre Herculano de Carvalho e Araújo (Lisboa, 28 de Março de 1810 — Quinta de Vale de Lobos, Azoia de Baixo, Santarém, 18 de Setembro de 1877) foi um escritor, historiador, jornalista e poeta português da era do romantismo.

Novo!!: Regeneração (história) e Alexandre Herculano · Veja mais »

Alfredo Roque Gameiro

A partida de Vasco da Gama para a Índia em 1497 A chegada de Vasco da Gama a Calecute em 1498 Praia da Adraga Alfredo Roque Gameiro (Minde, mun. Alcanena, 4 de Abril de 1864 — Lisboa, 5 de Agosto de 1935) foi um pintor e desenhador português, especializado na arte da aguarela.

Novo!!: Regeneração (história) e Alfredo Roque Gameiro · Veja mais »

António Bernardo da Costa Cabral

António Bernardo da Costa Cabral ComNSC (Fornos de Algodres, Algodres, 9 de Maio de 1803 — Porto, 1 de Setembro de 1889), o 1.º conde e 1.º marquês de Tomar, mais conhecido simplesmente por Costa Cabral, foi um político português que, entre outros cargos e funções, foi deputado, par do Reino, conselheiro de Estado efectivo, ministro da Justiça e Negócios Eclesiásticos, ministro do Reino e presidente do Conselho de Ministros.

Novo!!: Regeneração (história) e António Bernardo da Costa Cabral · Veja mais »

Ato Adicional de 1852

O Acto Adicional de 1852 representa a primeira revisão à Carta Constitucional, que vigorou de 1842 a 1910.

Novo!!: Regeneração (história) e Ato Adicional de 1852 · Veja mais »

Carro americano

Carro americano foi o nome dado em Portugal em meados do século XIX a um meio de transporte ligeiro coletivo de passageiros, precursor do carro elétrico.

Novo!!: Regeneração (história) e Carro americano · Veja mais »

Carta Constitucional portuguesa de 1826

A Carta Constitucional da Monarquia Portuguesa de 1826 foi a segunda Constituição Portuguesa.

Novo!!: Regeneração (história) e Carta Constitucional portuguesa de 1826 · Veja mais »

Casa de Bragança-Saxe-Coburgo-Gota

A Casa de Bragança-Saxe-Coburgo-Gota (também chamada Casa de Bragança-Coburgo e de Casa de Bragança-Wettin) foi a última casa real que reinou em Portugal, resultante de ramo dinástico germânico-português que teve a sua origem na união matrimonial da rainha D. Maria II de Portugal, da Casa de Bragança, com o príncipe D. Fernando de Saxe-Coburgo-Gota e Koháry, da Casa de Saxe-Coburgo-Gota – dinastia Wettin.

Novo!!: Regeneração (história) e Casa de Bragança-Saxe-Coburgo-Gota · Veja mais »

Cronologia do caminho de ferro em Portugal

A História do transporte ferroviário em Portugal iniciou-se com os primeiros projectos, em meados do Século XIX, tendo o primeiro troço, entre Lisboa e o Carregado, entrado ao serviço em 1856.

Novo!!: Regeneração (história) e Cronologia do caminho de ferro em Portugal · Veja mais »

Democracia

Democracia é um regime político em que todos os cidadãos elegíveis participam igualmente — diretamente ou através de representantes eleitos — na proposta, no desenvolvimento e na criação de leis, exercendo o poder da governação através do sufrágio universal.

Novo!!: Regeneração (história) e Democracia · Veja mais »

Economia

alt.

Novo!!: Regeneração (história) e Economia · Veja mais »

Europa

A Europa é, por convenção, um dos seis continentes do mundo.

Novo!!: Regeneração (história) e Europa · Veja mais »

Fontes Pereira de Melo

António Maria de Fontes Pereira de Melo (Santa Isabel, Lisboa, 8 de setembro de 1819 — Mercês, Lisboa, 22 de janeiro de 1887) foi um dos principais políticos portugueses da segunda metade do século XIX.

Novo!!: Regeneração (história) e Fontes Pereira de Melo · Veja mais »

Fontismo

Fontismo é a designação dada ao período que se seguiu à Regeneração, entre 1868 e 1889, e à consequente diminuição, ainda que temporária, da crónica instabilidade política em que tinha mergulhado a monarquia constitucional portuguesa.

Novo!!: Regeneração (história) e Fontismo · Veja mais »

Forma de governo

Em ciência política, chama-se forma de governo (ou sistema político) o conjunto de instituições políticas por meio das quais um Estado se organiza a fim de exercer o seu poder sobre a sociedade.

Novo!!: Regeneração (história) e Forma de governo · Veja mais »

Gomes Freire de Andrade

Gomes Freire de Andrade e Castro, Gomes Freire de Andrade ou, simplesmente, Gomes Freire (Viena, 27 de janeiro de 1757 — Oeiras, Oeiras e São Julião da Barra, Forte de São Julião da Barra, 18 de outubro de 1817), foi um general português.

Novo!!: Regeneração (história) e Gomes Freire de Andrade · Veja mais »

Governança corporativa

é o conjunto de processos, costumes, políticas, leis, regulamentos e instituições que regulam a maneira como uma empresa é dirigida, administrada ou controlada.

Novo!!: Regeneração (história) e Governança corporativa · Veja mais »

Janeirinha

O duque de Ávila e Bolama (num óleo de Miguel Lupi), o grande beneficiário político da ''Janeirinha''. Janeirinha foi o nome pelo qual ficou conhecido o movimento contestatário que eclodiu a 1 de Janeiro de 1868 como protesto às leis que criavam o imposto de consumo e procediam à reforma administrativa do território.

Novo!!: Regeneração (história) e Janeirinha · Veja mais »

João Carlos de Saldanha Oliveira e Daun

João Carlos Gregório Domingos Vicente Francisco de Saldanha Oliveira e Daun GCTE • GCC • GCSE • GCNSC (Lisboa, — Londres), 1.º conde, 1.º marquês e 1.º duque de Saldanha, também conhecido por Marechal Saldanha, foi um oficial do Exército Português, no qual atingiu o posto de marechal, diplomata e um dos políticos dominantes do século XIX em Portugal, com uma carreira política que se iniciou na Guerra Civil Portuguesa (1828-1834) e só terminou com a sua morte em 1876.

Novo!!: Regeneração (história) e João Carlos de Saldanha Oliveira e Daun · Veja mais »

Liberalismo

Liberalismo é uma filosofia política ou ideologia fundada sobre ideais que pretendem ser da liberdade individual e do igualitarismo.

Novo!!: Regeneração (história) e Liberalismo · Veja mais »

Maçonaria

Maçonaria, forma reduzida e usual de franco-maçonaria, é uma sociedade filosófica, filantrópica, iniciática e progressista.

Novo!!: Regeneração (história) e Maçonaria · Veja mais »

Manuel Borges Carneiro

Manuel Borges Carneiro (Resende, Resende, 2 de Novembro de 1774 — Cascais, Cascais, 4 de Julho de 1833) foi um magistrado, jurisconsulto e político português, deputado às Cortes Gerais e Extraordinárias da Nação Portuguesa e um dos heróis dos acontecimentos políticos de 1820 em Portugal.

Novo!!: Regeneração (história) e Manuel Borges Carneiro · Veja mais »

Manuel Fernandes Tomás

Manuel Fernandes Tomás. Manuel Fernandes Tomás (Figueira da Foz, — Lisboa), por muitos considerado a figura mais importante do primeiro período liberal, foi um magistrado e político vintista que se destacou na organização dos primeiros movimentos pró-liberalismo.

Novo!!: Regeneração (história) e Manuel Fernandes Tomás · Veja mais »

Ministério das Obras Públicas, Comércio e Indústria

O Ministério das Obras Públicas, Comércio e Indústria (1852 — 1910) foi um departamento governativo de Portugal.

Novo!!: Regeneração (história) e Ministério das Obras Públicas, Comércio e Indústria · Veja mais »

Monarquia constitucional (Portugal)

A Monarquia Constitucional em Portugal foi um sistema governativo que vigorou entre 1820 e terminou com a queda da monarquia em 1910.

Novo!!: Regeneração (história) e Monarquia constitucional (Portugal) · Veja mais »

Panteão da Dinastia de Bragança

O Panteão da Dinastia de Bragança (também chamado de Panteão Real da Dinastia de Bragança ou Panteão dos Braganças), situado no interior do mosteiro da Igreja de São Vicente de Fora em Lisboa, é o lugar onde se encontram sepultados os restos mortais de muitos dos reis, príncipes reais e infantes da quarta e última dinastia real portuguesa, a Dinastia de Bragança, ainda que a mesma tenha ascendência na Casa de Avis, a segunda dinastia real portuguesa que governou Portugal de 1385 a 1580, e descendência na Casa de Bragança-Saxe-Coburgo-Gota, a última casa real que governou Portugal de 1853 a 1910.

Novo!!: Regeneração (história) e Panteão da Dinastia de Bragança · Veja mais »

Partido Reformista (Monarquia)

O Partido Reformista, que começa por receber o vago nome de "partido popular", foi um partido político português do tempo da Monarquia Constitucional, fundado oficialmente no verão de 1870, resultante de divisões existentes no Partido Histórico desde pelo menos 1862 e agravadas em 1868 na sequência da Janeirinha.

Novo!!: Regeneração (história) e Partido Reformista (Monarquia) · Veja mais »

Partidocracia

O termo partidocracia constitui um neologismo usado para definir a liberal vontade que seja um ou mais partidos a exercerem o domínio político sobre a governação dum país ou nação e que surge do pluripartidarismo.

Novo!!: Regeneração (história) e Partidocracia · Veja mais »

Patuleia

Tropas aplicam vergastadas a um popular durante a ''Patuleia''. Patuleia ou Guerra da Patuleia, é o nome dado à guerra civil entre Cartistas e Setembristas na sequência da Revolução da Maria da Fonte.

Novo!!: Regeneração (história) e Patuleia · Veja mais »

Portugal

Portugal, oficialmente República Portuguesa, é um país soberano unitário localizado no sudoeste da Europa, cujo território se situa na zona ocidental da Península Ibérica e em arquipélagos no Atlântico Norte. O território português tem uma área total de, sendo delimitado a norte e leste por Espanha e a sul e oeste pelo oceano Atlântico, compreendendo uma parte continental e duas regiões autónomas: os arquipélagos dos Açores e da Madeira. Portugal é a nação mais a ocidente do continente europeu. O nome do país provém da sua segunda maior cidade, Porto, cujo nome latino-celta era Portus Cale. O território dentro das fronteiras atuais da República Portuguesa tem sido continuamente povoado desde os tempos pré-históricos: ocupado por celtas, como os galaicos e os lusitanos, foi integrado na República Romana e mais tarde colonizado por povos germânicos, como os suevos e os visigodos. No século VIII, as terras foram conquistadas pelos mouros. Durante a Reconquista cristã foi formado o Condado Portucalense,  estabelecido no século XI por Vímara Peres, um vassalo do rei das Astúrias. O condado tornou-se parte do Reino de León em 1097, e os condes de Portugal estabeleceram-se como governantes independentes do reino no século XII, após a batalha de São Mamede. Com o estabelecimento do Reino de Portugal em 1139, cuja independência foi reconhecida em 1143. Em 1297 foram definidas as fronteiras no tratado de Alcanizes, tornando Portugal no mais antigo Estado-nação da Europa. Nos séculos XV e XVI, como resultado de pioneirismo na Era dos Descobrimentos (ver: descobrimentos portugueses), Portugal expandiu a influência ocidental e estabeleceu um império que incluía possessões na África, Ásia, Oceânia e América do Sul, tornando-se a potência económica, política e militar mais importante de todo o mundo. O Império Português foi o primeiro império global da História e também o mais duradouro dos impérios coloniais europeus, abrangendo quase 600 anos de existência, desde a conquista de Ceuta em 1415, até à transferência de soberania de Macau para a China em 1999. No entanto, a importância internacional do país foi bastante reduzida durante o século XIX, especialmente após a independência do Brasil, a sua maior colónia. Com a Revolução de 1910, a monarquia terminou, tendo desde 1139 até 1910, 34 monarcas. A Primeira República Portuguesa foi muito instável, devido ao elevado parlamentarismo. O regime deu lugar à ditadura militar devido a um levantamento em 28 de maio de 1926. Em 1933, um novo regime autoritário, o Estado Novo, presidido por Salazar até 1968, geriu o país até 25 de abril de 1974. A democracia representativa foi instaurada após a Revolução dos Cravos, em 1974, que terminou a Guerra Colonial Portuguesa. As províncias ultramarinas de Portugal tornaram-se independentes, sendo as mais proeminentes Angola e Moçambique. Portugal é um país desenvolvido, com um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) considerado como muito elevado. O país foi classificado na 19.ª posição em qualidade de vida (em 2005), tem um dos melhores sistemas de saúde do planeta e é, também, uma das nações mais globalizadas e pacíficas do mundo. É membro da Organização das Nações Unidas (ONU), da União Europeia (incluindo a Zona Euro e o Espaço Schengen), da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO), da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Portugal também participa em diversas missões de manutenção de paz das Nações Unidas.

Novo!!: Regeneração (história) e Portugal · Veja mais »

Reino de Portugal

O Reino de Portugal era a denominação de Portugal sob a governação de um regime monárquico, e no início ainda sem o reino dos Algarves.

Novo!!: Regeneração (história) e Reino de Portugal · Veja mais »

Rotativismo

Rotativismo foi a designação dada ao sistema, dentro uma democracia político-partidária, em que apenas dois partidos se tornam mais fortes que os restantes e passam para a governação em alternância sistemática entre eles, muitas vezes apoiando-se mutuamente nos bastidores, e que não deixam aspirar à mesma os restantes partidos que eventualmente possam existir.

Novo!!: Regeneração (história) e Rotativismo · Veja mais »

Setembrismo

Setembrismo é a designação dada à corrente mais à esquerda do movimento liberal.

Novo!!: Regeneração (história) e Setembrismo · Veja mais »

Telecomunicações

Antenas de telecomunicação As telecomunicações constituem um ramo da engenharia elétrica que contempla o projeto, a implantação, manutenção e controles de redes de sistemas de comunicações (satélites, redes telefonicas, televisivas, emissora de rádio, internet, entre outros).

Novo!!: Regeneração (história) e Telecomunicações · Veja mais »

Telefone

Modelo de telefone da década de 1940. O telefone é um dos meios de telecomunicações desenhados para transmitir sons através de sinais elétricos nas vias telefônicas.

Novo!!: Regeneração (história) e Telefone · Veja mais »

Telegrafia

Samuel Morse Esquema de funcionamento do telégrafo A telegrafia foi inventada por Samuel Finley Breese Morse, nascido em 27 de abril de 1791, em Charlestown, Massachusetts, nos Estados Unidos.

Novo!!: Regeneração (história) e Telegrafia · Veja mais »

Transporte

Transporte é o movimento de mercadorias entre locais.

Novo!!: Regeneração (história) e Transporte · Veja mais »

Universidade de Coimbra

A Universidade de Coimbra (UC) GCSE é uma universidade pública localizada na cidade de Coimbra, em Portugal.

Novo!!: Regeneração (história) e Universidade de Coimbra · Veja mais »

Vintismo

Vintismo é a designação genérica dada à situação política que dominou Portugal entre Agosto de 1820 e Abril de 1823, caracterizada pelo radicalismo das soluções liberais e pelo predomínio político das Cortes Constituintes, fortemente influenciadas pela Constituição Espanhola de Cádis.

Novo!!: Regeneração (história) e Vintismo · Veja mais »

1 de maio

Sem descrição

Novo!!: Regeneração (história) e 1 de maio · Veja mais »

1817

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XIX do actual Calendário Gregoriano, da Era Cristã, e a sua letra dominical foi E (52 semanas), teve início a uma quarta-feira e terminou também a uma quarta-feira.

Novo!!: Regeneração (história) e 1817 · Veja mais »

1820

---- (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XIX do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram B e A (52 semanas), teve início a um sábado e terminou a um domingo.

Novo!!: Regeneração (história) e 1820 · Veja mais »

1834

---- 1834 (na numeração romana) foi um ano comum do do calendário gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi E (52 semanas), teve início a uma quarta-feira e terminou também a uma quarta-feira.

Novo!!: Regeneração (história) e 1834 · Veja mais »

1851

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XIX do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi E (52 semanas), teve início a uma quarta-feira e terminou também a uma quarta-feira.

Novo!!: Regeneração (história) e 1851 · Veja mais »

1868

---- 1868 (na numeração romana) foi um ano bissexto do actual Calendário Gregoriano e as suas letras dominicais foram E e D (53 semanas), teve teve início a uma quarta-feira e terminou a uma quinta-feira.

Novo!!: Regeneração (história) e 1868 · Veja mais »

Redireciona aqui:

Regeneração.

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »