Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Livre
Acesso mais rápido do que o navegador!
 

Racionalismo

Índice Racionalismo

O racionalismo é a corrente filosófica que iniciou com a definição do raciocínio como uma operação mental, discursiva e lógica que usa uma ou mais proposições para extrair conclusões, ou seja, se uma ou outra proposição é verdadeira, falsa ou provável.

34 relações: Análise, Aritmética, Órgãos dos sentidos, Baruch Espinoza, Causalidade, Cálculo, Certeza, Ciência, Dedução, Discurso sobre o Método, Doutrina, Experiência (filosofia), Filosofia, Filosofia moderna, Geometria, Georg Wilhelm Friedrich Hegel, Gottfried Wilhelm Leibniz, Idade Moderna, Immanuel Kant, Inatismo, Lógica, Liberalismo, Liberalismo clássico, Matemática, Origem do Universo, Pesquisa, Proposição, Prova matemática, Raciocínio, Razão, René Descartes, Século I a.C., Sensação, The Stanford Encyclopedia of Philosophy.

Análise

Análise (do grego ανάλυσις, transl. análysis, "dissolução") é o processo de decomposição de uma substância ou tópico complexo em seus diversos elementos constituintes, a fim de se obter uma melhor compreensão sua.

Novo!!: Racionalismo e Análise · Veja mais »

Aritmética

A aritmética (da palavra grega ἀριθμός, arithmósO termo 'aritmética' (português) provém do grego 'arithmós', que se refere aos números, enquanto o prefixo 'ar_' implica reunir, isto é, aritmética é a ciência que reúne - soma, subtrai, multiplica, divide - números. Trata-se, portanto, da parte da matemática que estuda as operações numéricas e, por extensão de sentido, significa tudo que pressupõe um cálculo qualquer., "número") é o ramo da matemática que lida com números e com as operações possíveis entre eles.

Novo!!: Racionalismo e Aritmética · Veja mais »

Órgãos dos sentidos

Órgãos dos sentidos é um conjunto de órgãos receptores externos de estímulos sensoriais.

Novo!!: Racionalismo e Órgãos dos sentidos · Veja mais »

Baruch Espinoza

Baruch de Espinoza (nascido Benedito Espinoza; 24 de novembro de 1632, Amsterdã — 21 de fevereiro de 1677, Haia) foi um dos grandes racionalistas e filósofos do século XVII dentro da chamada Filosofia Moderna, juntamente a René Descartes e Gottfried Leibniz.

Novo!!: Racionalismo e Baruch Espinoza · Veja mais »

Causalidade

Causalidade é a relação entre um evento A (a causa) e um segundo evento B (o efeito), provido que o segundo evento seja uma consequência do primeiro.

Novo!!: Racionalismo e Causalidade · Veja mais »

Cálculo

O cálculo diferencial e integral, ou simplesmente cálculo, é um ramo importante da matemática, desenvolvido a partir da Álgebra e da Geometria, que se dedica ao estudo de taxas de variação de grandezas (como a inclinação de uma reta) e a acumulação de quantidades (como a área debaixo de uma curva ou o volume de um sólido).

Novo!!: Racionalismo e Cálculo · Veja mais »

Certeza

Um argumento é uma certeza se, e somente se, a hipótese das premissas do argumento se tornou uma verdade, depois da conclusão provada.

Novo!!: Racionalismo e Certeza · Veja mais »

Ciência

Ciência (do latim scientia, traduzido por "conhecimento") refere-se a qualquer conhecimento ou prática sistemáticos.

Novo!!: Racionalismo e Ciência · Veja mais »

Dedução

Dedução: análise lógica utilizada para construir argumentos, utilizando premissas/argumentos para obter uma conclusão.

Novo!!: Racionalismo e Dedução · Veja mais »

Discurso sobre o Método

O Discurso sobre o método, por vezes traduzido como Discurso do método, ou ainda Discurso sobre o método para bem conduzir a razão na busca da verdade dentro da ciência (em francês, Discours de la méthode pour bien conduire sa raison, et chercher la verité dans les sciences) é um tratado matemático e filosófico de René Descartes, publicado em Leiden, na Holanda, em 1637.

Novo!!: Racionalismo e Discurso sobre o Método · Veja mais »

Doutrina

O termo doutrina pode ser definido como o conjunto de princípios que servem de base a um sistema religioso, político, filosófico, militar, pedagógico, entre outros.

Novo!!: Racionalismo e Doutrina · Veja mais »

Experiência (filosofia)

A experiência é parcialmente derivada de observação e da sociedade daqueles que já são sábios Em epistemologia, experiência é o contato epistêmico (geralmente perceptual) direto e característico com aquilo que se apresenta a uma fonte cognitiva de informações (faculdades mentais como a percepção, a memória, a imaginação e a introspecção).

Novo!!: Racionalismo e Experiência (filosofia) · Veja mais »

Filosofia

Filosofia (do grego Φιλοσοφία, philosophia, literalmente «amor pela sabedoria») é o estudo das questões gerais e fundamentais relacionadas com a natureza da existência humana; do conhecimento; da verdade; dos valores morais e estéticos; da mente; da linguagem, bem como do universo em sua totalidade.

Novo!!: Racionalismo e Filosofia · Veja mais »

Filosofia moderna

Filosofia Moderna é toda a filosofia que se desenvolveu durante os séculos XV, XVI, XVII, XVIII, XIX; começando pelo Renascimento e se estendendo até meados do século XIX, mas a filosofia desenvolvida dentro desse período está fragmentada em vários subtópicos, e escolas de diferentes períodos, tais como.

Novo!!: Racionalismo e Filosofia moderna · Veja mais »

Geometria

projetiva Oxyrhynchus papyrus (P.Oxy. I 29) mostrando um fragmento dos Elementos de Euclides A geometria (γεωμετρία; geo- "terra", -metria "medida") é um ramo da matemática preocupado com questões de forma, tamanho e posição relativa de figuras e com as propriedades dos espaços.

Novo!!: Racionalismo e Geometria · Veja mais »

Georg Wilhelm Friedrich Hegel

Georg Wilhelm Friedrich Hegel (Stuttgart, 27 de agosto de 1770 – Berlim, 14 de novembro de 1831) foi um filósofo alemão.

Novo!!: Racionalismo e Georg Wilhelm Friedrich Hegel · Veja mais »

Gottfried Wilhelm Leibniz

Gottfried Wilhelm Leibniz (Leipzig, — Hanôver) foi um polímata, filósofo, cientista, matemático, diplomata e bibliotecário alemão.

Novo!!: Racionalismo e Gottfried Wilhelm Leibniz · Veja mais »

Idade Moderna

A Idade Moderna é um período específico da História do Ocidente que se inicia no final da Idade Média.

Novo!!: Racionalismo e Idade Moderna · Veja mais »

Immanuel Kant

Immanuel Kant (Königsberg, 22 de abril de 1724 — Königsberg, 12 de fevereiro de 1804) foi um filósofo prussiano.

Novo!!: Racionalismo e Immanuel Kant · Veja mais »

Inatismo

Inatismo é a concepção que algumas ideias/conhecimentos advindos de conteúdos mentais estão presentes desde o nascimento, isto é, não são adquiridas ou aprendidos.

Novo!!: Racionalismo e Inatismo · Veja mais »

Lógica

Aristóteles é o autor do primeiro trabalho sobre lógica. Lógica (do grego λογική logos) tem dois significados principais: discute o uso de raciocínio em alguma atividade e é o estudo normativo, filosófico do raciocínio válido.

Novo!!: Racionalismo e Lógica · Veja mais »

Liberalismo

Liberalismo é uma filosofia política ou ideologia fundada sobre ideais que pretendem ser da liberdade individual e do igualitarismo.

Novo!!: Racionalismo e Liberalismo · Veja mais »

Liberalismo clássico

O liberalismo clássico, também referido como liberalismo tradicional, liberalismo laissez-faireIan Adams, Political Ideology Today (Manchester: Manchester University Press, 2001), 20.

Novo!!: Racionalismo e Liberalismo clássico · Veja mais »

Matemática

grego, representado por Rafael em A Escola de Atenas. A matemática (dos termos gregos μάθημα, transliterado máthēma, 'ciência', conhecimento' ou 'aprendizagem'; e μαθηματικός, transliterado mathēmatikós, 'inclinado a aprender') é a ciência do raciocínio lógico e abstrato, que estuda quantidades, medidas, espaços, estruturas, variações e estatísticas.

Novo!!: Racionalismo e Matemática · Veja mais »

Origem do Universo

Na cosmologia moderna, a origem do Universo é o instante em que surgiram toda a matéria e a energia que existem atualmente no Universo como consequência de uma grande expansão.

Novo!!: Racionalismo e Origem do Universo · Veja mais »

Pesquisa

Uma pesquisa e/ou investigação, é um processo sistemático para a construção do conhecimento humano, gerando novos conhecimentos, podendo também desenvolver, colaborar, reproduzir, refutar, ampliar, detalhar, atualizar, algum conhecimento pré-existente, servindo basicamente tanto para o indivíduo ou grupo de indivíduos que a realiza quanto para a sociedade na qual esta se desenvolve.

Novo!!: Racionalismo e Pesquisa · Veja mais »

Proposição

Proposição é um termo usado em lógica para descrever o conteúdo de asserções.

Novo!!: Racionalismo e Proposição · Veja mais »

Prova matemática

Prova do teorema de Euclides. Em matemática, uma prova é uma demonstração de que, dados certos axiomas, algum enunciado de interesse é necessariamente verdadeiro.

Novo!!: Racionalismo e Prova matemática · Veja mais »

Raciocínio

O Raciocínio (ou raciocinar) é uma operação lógica discursiva e mental.

Novo!!: Racionalismo e Raciocínio · Veja mais »

Razão

Razão é a capacidade da mente humana que permite chegar a conclusões a partir de suposições ou premissas.

Novo!!: Racionalismo e Razão · Veja mais »

René Descartes

René Descartes (La Haye en Touraine, – Estocolmo) foi um filósofo, físico e matemático francês.

Novo!!: Racionalismo e René Descartes · Veja mais »

Século I a.C.

Milénios: segundo milénio a.C. - primeiro milénio a.C. - primeiro milénio d.C. Século II a.C. - Século I a.C. - Século I.

Novo!!: Racionalismo e Século I a.C. · Veja mais »

Sensação

Em epistemologia, a sensação é o impacto de um corpo exterior ao corpo de um animal no corpo do animal.

Novo!!: Racionalismo e Sensação · Veja mais »

The Stanford Encyclopedia of Philosophy

The Stanford Encyclopedia of Philosophy (Enciclopédia de Filosofia de Stanford ou S.E.P.) é uma enciclopédia online, colaborativa e de livre acesso projetada em 1995 por John Perry, que foi diretor do Center for the Study of Language and Information (CSLI) da Universidade de Stanford.

Novo!!: Racionalismo e The Stanford Encyclopedia of Philosophy · Veja mais »

Redireciona aqui:

Racionalista.

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »