Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Faça o download
Acesso mais rápido do que o navegador!
 

Qiblih

Índice Qiblih

Na Fé Bahá'í, o Qiblih refere-se a localização para onde os Bahá'ís se orientam para realizar suas orações obrigatórias, e está fixado no Santuário de Bahá'u'lláh, próximo a Acre, Israel.

9 relações: Acre (Israel), Caaba, Fé bahá'í, Mansão de Bahjí, Meca, Orações obrigatórias da fé bahá'í, Quibla, Santuário de Bahá'u'lláh, Templo de Jerusalém.

Acre (Israel)

Acre (עַכּוֹ, transl. Akko; عكّا, ʻAkkā) é uma cidade de Israel situada na região da Galileia, a norte da Baía de Haifa, na costa do Mediterrâneo e localizada num promontório próximo do Monte Carmelo.

Novo!!: Qiblih e Acre (Israel) · Veja mais »

Caaba

Um peregrino realiza uma oração perto da Caaba A Caaba ou Kaaba (também conhecido como Ka'bah ou Kabah; الكعبة, "O Cubo"), também conhecido como (الكعبة المشرفة; "O Nobre Cubo"), (البيت العتيق; "A Casa Primigênia"), ou (البيت الحرام; "A Casa Sagrada/Proibida") é uma construção em formato de cubo reverenciada pelos muçulmanos na mesquita sagrada de al Masjid Meca, e é considerado pelos devotos do Islã como o lugar mais sagrado do mundo.

Novo!!: Qiblih e Caaba · Veja mais »

Fé bahá'í

Fé bahá'í (بهائية Baha'iyyah)) é uma religião monoteísta que enfatiza a união espiritual de toda a humanidade. Três princípios básicos estabelecem a base para os ensinamentos e a doutrina bahá'i: a unidade de Deus, que há apenas um Deus que é a fonte de toda a criação; a unidade da religião, que todas as maiores religiões têm a mesma fonte espiritual e partem do mesmo Deus; e a unidade da humanidade, que todos os seres humanos foram criados igualmente e que a diversidade racial e cultural deve ser apreciada e aceita. Segundo os ensinamentos da fé bahá'i, o propósito humano é aprender a conhecer e a amar a Deus através de métodos como orações, reflexões e ajuda aos outros. A fé bahá'i foi fundada por Bahá'u'lláh na Pérsia. Bahá'u'lláh foi exilado da Pérsia para o Império Otomano devido a seus ensinamentos, falecendo enquanto ainda era oficialmente um prisioneiro. Após a morte de Bahá'u'lláh, sob a liderança de seu filho, `Abdu'l-Bahá, a religião se expandiu de suas origens persa e otomana e ganhou espaço na Europa e nas Américas, além de ter se consolidado no Irã, onde sofre intensa perseguição. Após a morte de `Abdu'l-Bahá, a liderança da comunidade bahá'i entrou numa nova fase, passando de um único líder para uma ordem administrativa com órgãos eleitos e indivíduos indicados.Smith, Peter (2008).. Cambridge: Cambridge University Press. p. 56. ISBN 0-521-86251-5 Há mais de cinco milhões de bahá'ís espalhados por mais de 200 países e territórios.Hutter, Manfred (2005). "Bahā'īs". In: Jones, Lindsay. Encyclopedia of Religion 2 (2a.

Novo!!: Qiblih e Fé bahá'í · Veja mais »

Mansão de Bahjí

Akká, Israel. A Mansão de Bahjí é um termo usado para descrever a casa de verão onde Bahá'u'lláh morreu em 1892.

Novo!!: Qiblih e Mansão de Bahjí · Veja mais »

Meca

Meca (Makka; por inteiro: lit.) é uma cidade da Arábia Saudita considerada a mais sagrada no mundo para os muçulmanos, situada na província homônima.

Novo!!: Qiblih e Meca · Veja mais »

Orações obrigatórias da fé bahá'í

Os Bahá'ís, devem de acordo com as leis bahá'ís, recitar diariamente uma oração obrigatória.

Novo!!: Qiblih e Orações obrigatórias da fé bahá'í · Veja mais »

Quibla

Quibla Quibla (al-qībla) é a palavra genérica para direção.

Novo!!: Qiblih e Quibla · Veja mais »

Santuário de Bahá'u'lláh

Localizado em Bahji, próximo à Akká, Israel, o Santuário de Bahá'u'lláh é o lugar mais sagrado para os Bahá'ís e representa o Qiblih, a direção das orações.

Novo!!: Qiblih e Santuário de Bahá'u'lláh · Veja mais »

Templo de Jerusalém

O Templo de Jerusalém (בית המקדש, beit hamiqdash) é o nome dado ao principal centro de culto do povo de Israel, onde se realizavam as diversas ofertas e sacrifícios conhecidas como o korbanot.

Novo!!: Qiblih e Templo de Jerusalém · Veja mais »

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »