Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Livre
Acesso mais rápido do que o navegador!
 

Pogrom de Istambul

Índice Pogrom de Istambul

O Pogrom de Istambul, também conhecido como Motins de Istambul ou Pogrom de Constantinopla (Σεπτεμβριανά; 6–7 Eylül Olayları) foi um pogrom dirigido especialmente contra a minoria grega de Istambul em 6 e 7 de setembro de 1955.

23 relações: Armênios, Cônsul (diplomacia), Exército da Turquia, Força especial, Gladio, Grécia, Gregos, Guerrilha, Human Rights Watch, Império Otomano, Istambul, Judeus, Muçulmano, Mustafa Kemal Atatürk, Pogrom, Radikal, Salonica, Troca de populações entre a Grécia e a Turquia, Turquia, Vatan (jornal), 1955, 6 de setembro, 7 de setembro.

Armênios

Os (em armênio: Հայեր, transl. Hayer) formam uma nação e um grupo étnico originário do Cáucaso e do Planalto Armênio.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Armênios · Veja mais »

Cônsul (diplomacia)

Modernamente, recebe o título de cônsul o funcionário de um Estado responsável, em país estrangeiro, pela proteção dos interesses dos indivíduos e empresas que sejam nacionais daquele Estado.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Cônsul (diplomacia) · Veja mais »

Exército da Turquia

O Exército da Turquia ou Forças Terrestres da Turquia (em turco: Türk Kara Kuvvetleri) formam um ramo das Forças Armadas Turcas.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Exército da Turquia · Veja mais »

Força especial

São denominadas forças especiais, as unidades militares treinadas para operações especiais (não convencionais. Militares formados em cursos de forças especiais são geralmente chamados operantes ou operadores, tendo em vista que estão capacitados a realizar operações especiais. Eventualmente são também chamados operativos, porém esta última denominação refere-se a operações fortemente apoiadas por inteligência militar.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Força especial · Veja mais »

Gladio

Gladio (em português, "gládio") é o nome dado a uma organização clandestina do tipo stay-behind ("ficar atrás"), constituída pelos serviços de informação italianos e pela OTAN à época da Guerra Fria, para contrapor-se a uma eventual invasão da Itália pela União Soviética.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Gladio · Veja mais »

Grécia

Grécia (Elláda), oficialmente República (Ellīnikī́ Dīmokratía) e conhecida desde a antiguidade como Hélade (Hellás), é um país localizado no sul da Europa.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Grécia · Veja mais »

Gregos

Os gregos ou helenos ("helenos") são uma nação e um grupo étnico que tem habitado a Grécia desde o. Atualmente eles são principalmente encontrados na península grega do sudeste da Europa, nas ilhas gregas e em Chipre.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Gregos · Veja mais »

Guerrilha

Guerrilha (sufixo) é um tipo de guerra não convencional no qual o principal estratagema é a ocultação e extrema mobilidade dos combatentes, chamados de guerrilheiros, incluindo, mas não limitado a civis armados (ou "irregulares").

Novo!!: Pogrom de Istambul e Guerrilha · Veja mais »

Human Rights Watch

Human Rights Watch (HRW, lit. Observatório dos Direitos Humanos) é uma organização internacional não-governamental que defende e realiza pesquisas sobre os direitos humanos.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Human Rights Watch · Veja mais »

Império Otomano

Império Otomano (ou عثمانلى دولتى; Osmanlı Devleti; em turco moderno: Osmanlı Devleti ou Osmanlı İmparatorluğu) também conhecido como Império Turco"The Ottoman Empire-also known in Europe as the Turkish Empire" ou Turquia Otomana, foi um império fundado no fim do no noroeste da Anatólia na vizinhança de Bilecik e de Söğüt pelo líder tribal oguz.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Império Otomano · Veja mais »

Istambul

Istambul (İstanbul), a antiga Bizâncio e Constantinopla (nome ainda usado em várias línguas, como no Κωνσταντινούπολις, Konstantinúpolis), é a maior cidade da Turquia, a quarta maior do mundo, rivalizando com Londres como a mais populosa da Europa, com habitantes na sua área metropolitana (2010). A grande maioria da população é muçulmana, mas também há um grande número de laicos e uma ínfima minoria de cristãos e judeus. É a capital da área metropolitana (büyükşehir) e da província de Istambul, a qual faz parte da região de Mármara. No passado foi a capital administrativa da Província de Istambul, na chamada Rumélia ou Trácia Oriental. Foi denominada Bizâncio até, e Constantinopla até 1453, nome bastante difundido no Ocidente até 1930. Durante o período otomano, os turcos chamavam-na de Istambul, nome oficialmente adotado em 28 de março de 1930. Foi a capital do Império Romano do Oriente e do Império Otomano até 1923, cujo governante máximo, o sultão, foi durante séculos reconhecido como califa, o chefe supremo de todos os muçulmanos, o que fazia da cidade uma das mais importantes de todo o Islão. Atualmente, embora a capital do país seja Ancara, Istambul continua a ser o principal polo industrial, comercial, cultural e universitário (aí estão sediadas mais de uma dezena de universidades) do país. É a sede do Patriarcado Ecumênico de Constantinopla, sede da Igreja Ortodoxa. A cidade ocupa ambas as margens do estreito do Bósforo e do norte do mar de Mármara, os quais separam a Ásia da Europa no sentido norte-sul, uma situação que faz de Istambul a única cidade que ocupa dois continentes. A parte central da parte europeia é por sua vez dividida pelo estuário do Corno de Ouro. É usual dizer-se que a cidade tem dois ou três centros, conforme se considere ou não que na parte asiática também existe um centro. No lado europeu há duas zonas com mais destaque em termos de movimento de pessoas e património cultural: o mais antigo, onde se situava o núcleo da antiga Bizâncio e Constantinopla, correspondente ao atual distrito de Fatih, fica a sul do Corno de Ouro, enquanto que Beyoğlu, a antiga Pera e onde se situava o bairro europeu medieval de Gálata, fica a norte. O centro da parte asiática tem contornos menos precisos, e ocupa parte dos distritos de Üsküdar e Kadıköy. Algumas zonas históricas da parte europeia de Istambul foram declaradas Património Mundial pela UNESCO em 1985. Em 2010, a cidade foi a Capital Europeia da Cultura. Devido à sua dimensão e importância, Istambul é considerada uma megacidade e uma cidade global.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Istambul · Veja mais »

Judeus

Um judeu (em hebraico: יְהוּדִי, transl. Yehudi, no singular; יְהוּדִים, Yehudim, no plural; ladino: ג׳ודיו, Djudio, sing.; ג׳ודיוס, Djudios, pl.; iídiche: ייִד, Yid, sing.; ייִדן, Yidn, pl.) é um membro do grupo étnico e religioso originado nas Tribos de Israel ou hebreus do Antigo Oriente.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Judeus · Veja mais »

Muçulmano

Muçulmanos na Mesquita Azul, em Istambul, Turquia. Muçulmanos Muçulmano é todo o indivíduo que adere ao Islã, uma religião monoteísta centrada na vida e nos ensinamentos de profeta Maomé, que teria recebido revelações do Arcanjo Gabriel.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Muçulmano · Veja mais »

Mustafa Kemal Atatürk

WikiquoteO Wikiquote tem uma coleção de citações de ou sobre: Mustafa Kemal Atatürk.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Mustafa Kemal Atatürk · Veja mais »

Pogrom

O termo pogrom (em iídiche, פּאָגראָם, do russo погром) tem múltiplos significados, mais frequentemente atribuída à perseguição deliberada de um grupo étnico ou religioso, aprovado ou tolerado pelas autoridades locais, sendo um ataque violento maciço a pessoas, com a destruição simultânea do seu ambiente (casas, negócios, centros religiosos).

Novo!!: Pogrom de Istambul e Pogrom · Veja mais »

Radikal

O Radikal é um jornal diário da Turquia sediado em Istambul.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Radikal · Veja mais »

Salonica

bizantinas Salonica, também conhecida como (Thessaloníki; "vitória sobre os tessálios") é a segunda maior cidade da Grécia e a principal cidade da região grega da Macedônia.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Salonica · Veja mais »

Troca de populações entre a Grécia e a Turquia

Órfãos gregos e arménios refugiados em Atenas em 1923 Massacre de Esmirna, também conhecido como "Massacre de Esmirna" A troca de populações entre a Grécia e a Turquia foi uma consequência da Guerra Greco-Turca, que opôs a recém-criada República da Turquia, sucessora do decrépito Império Otomano, e a Grécia, que aspirava a ficar com uma parte considerável da Anatólia.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Troca de populações entre a Grécia e a Turquia · Veja mais »

Turquia

A Turquia (Türkiye), cujo nome oficial é República da Turquia (Türkiye Cumhuriyeti), é um país euro-asiático que ocupa toda a península da Anatólia, no extremo ocidental da Ásia, e se estende pela Trácia Oriental (também conhecida como Rumélia), no sudeste da Europa.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Turquia · Veja mais »

Vatan (jornal)

O Vatan ("Pátria" em) é um jornal diário da Turquia sediado em Istambul.

Novo!!: Pogrom de Istambul e Vatan (jornal) · Veja mais »

1955

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XX do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi B (52 semanas), teve início a um sábado e terminou também a um sábado.

Novo!!: Pogrom de Istambul e 1955 · Veja mais »

6 de setembro

Sem descrição

Novo!!: Pogrom de Istambul e 6 de setembro · Veja mais »

7 de setembro

Sem descrição

Novo!!: Pogrom de Istambul e 7 de setembro · Veja mais »

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »