Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Livre
Acesso mais rápido do que o navegador!
 

Juízo

Índice Juízo

Juízo é o processo que conduz ao estabelecimento das relações significativas entre conceitos, que conduzem ao pensamento lógico objetivando alcançar uma integração significativa, que dê possibilidade a uma atitude racional frente as necessidades do momento.

15 relações: Aristóteles, Atributo, Bom senso, Imaginação, Immanuel Kant, Juízo de valor, Lógica, Linguagem, Memória, Pensamento, Percepção, Predicado (gramática), Raciocínio, Senso comum, Sujeito.

Aristóteles

Aristóteles (Aristotélēs; Estagira, — Atenas) foi um filósofo grego, aluno de Platão e professor de Alexandre, o Grande.

Novo!!: Juízo e Aristóteles · Veja mais »

Atributo

* Atributo — qualidade.

Novo!!: Juízo e Atributo · Veja mais »

Bom senso

Bom senso é um conceito usado na argumentação que está estritamente ligado às noções de sabedoria e de razoabilidade, e que define a capacidade média que uma pessoa possui, ou deveria possuir, de adequar regras e costumes a determinadas realidades considerando as consequências, e, assim, poder fazer bons julgamentos e escolhas.

Novo!!: Juízo e Bom senso · Veja mais »

Imaginação

Imaginação é uma capacidade mental que permite a representação de objetos segundo aquelas qualidades dos mesmos que são dadas à mente através dos sentidos - segundo a concepção sartriana apresentada em sua obra O imaginário: psicologia fenomenológica da imaginação.

Novo!!: Juízo e Imaginação · Veja mais »

Immanuel Kant

Immanuel Kant (Königsberg, 22 de abril de 1724 — Königsberg, 12 de fevereiro de 1804) foi um filósofo prussiano.

Novo!!: Juízo e Immanuel Kant · Veja mais »

Juízo de valor

Um juízo de valor é um juízo sobre a correção ou incorreção de algo, ou da utilidade de algo, baseado num ponto de vista pessoal.

Novo!!: Juízo e Juízo de valor · Veja mais »

Lógica

Aristóteles é o autor do primeiro trabalho sobre lógica. Lógica (do grego λογική logos) tem dois significados principais: discute o uso de raciocínio em alguma atividade e é o estudo normativo, filosófico do raciocínio válido.

Novo!!: Juízo e Lógica · Veja mais »

Linguagem

Linguagem pode se referir tanto à capacidade especificamente humana para aquisição e utilização de sistemas complexos de comunicação, quanto a uma instância específica de um sistema de comunicação complexo3.

Novo!!: Juízo e Linguagem · Veja mais »

Memória

A memória é a capacidade de adquirir, armazenar e recuperar (evocar) informações disponíveis, seja internamente, no cérebro (memória biológica), seja externamente, em dispositivos artificiais (memória artificial).

Novo!!: Juízo e Memória · Veja mais »

Pensamento

O Pensador de Auguste Rodin. Pensamento e pensar são, respectivamente, uma forma de processo mental ou faculdade do sistema mental.

Novo!!: Juízo e Pensamento · Veja mais »

Percepção

A percepção de cores: um dos aspectos da percepção visual. Percepção é, em psicologia, neurociência e ciências cognitivas, a função cerebral que atribui significado a estímulos sensoriais, a partir de histórico de vivências passadas.

Novo!!: Juízo e Percepção · Veja mais »

Predicado (gramática)

Na gramática, o predicado é um dos termos essenciais da oração; é tudo aquilo que se diz ou o que se declara sobre o sujeito.

Novo!!: Juízo e Predicado (gramática) · Veja mais »

Raciocínio

O Raciocínio (ou raciocinar) é uma operação lógica discursiva e mental.

Novo!!: Juízo e Raciocínio · Veja mais »

Senso comum

Senso comum ou conhecimento vulgar é a compreensão do mundo resultante da herança fecunda baseada nas experiências acumuladas por um grupo social.

Novo!!: Juízo e Senso comum · Veja mais »

Sujeito

Em análise sintática, o sujeito é um dos termos essenciais da oração, geralmente responsável por realizar ou sofrer uma ação ou estado.

Novo!!: Juízo e Sujeito · Veja mais »

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »