Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Faça o download
Acesso mais rápido do que o navegador!
 

Hólmio

Índice Hólmio

O hólmio (de "Holmia", Estocolmo cidade natal do descobridor do elemento) é um elemento químico de símbolo Ho e de número atômico 67 (67 prótons e 67 elétrons) que apresenta massa atómica 164,9 u. É um elemento da série metal de transição interna do grupo dos lantanídios, relativamente macio e maleável, sólido, de aspecto branco prateado, resistente à corrosão no ar seco, em condições ambientais de temperatura.

54 relações: Atmosfera, Campo magnético, Carl Gustaf Mosander, Cálcio, Cloreto, Condições normais de temperatura e pressão, Corrosão, Elétron, Elemento (química), Espectro, Estocolmo, Ferro, Fluoreto, Gadolinita, Lantanídeo, Lantânio, Laser, Latim, Liga metálica, Magnetismo, Maleabilidade, Massa atômica, Medicina, Metabolismo, Metal, Metal de transição interna, Mineral, Monazita, Nêutron, Número atómico, Odontologia, Oxirredução, Per Teodor Cleve, Potássio, Próton, Químico, Radioisótopo sintético, Reator nuclear, Redução, Série química, Símbolo químico, Sólido, Suécia, Suíça, Túlio, Terra-rara, Toxicidade, Troca iônica, Unidade de massa atômica, Vidro, ..., 1878, 1879, 1911, 1934. Expandir índice (4 mais) »

Atmosfera

Júpiter, mostrando a grande mancha vermelha. Uma atmosfera (do grego antigo: ἀτμός, vapor, ar, e σφαῖρα, esfera) é uma camada de gases que envolve (geralmente) um corpo material com massa suficiente.

Novo!!: Hólmio e Atmosfera · Veja mais »

Campo magnético

Campos magnéticos cercam materiais em correntes elétricas e são detectados pela força que exercem sobre materiais magnéticos ou cargas elétricas em movimento.

Novo!!: Hólmio e Campo magnético · Veja mais »

Carl Gustaf Mosander

Carl Gustaf Mosander (Kalmar, 10 de Setembro de 1797 — Lovön, Condado de Estocolmo, 15 de Outubro de 1858) foi um químico sueco, que descobriu os elementos lantânio, érbio e térbio.

Novo!!: Hólmio e Carl Gustaf Mosander · Veja mais »

Cálcio

O cálcio é um elemento químico, símbolo Ca, de número atómico 20 (20 prótons e 20 elétrons) e massa atómica 40.

Novo!!: Hólmio e Cálcio · Veja mais »

Cloreto

Cloreto em química inorgânica é uma espécie iônica formada por um átomo de cloro carregado negativamente, com estado de oxidação -1.

Novo!!: Hólmio e Cloreto · Veja mais »

Condições normais de temperatura e pressão

As condições normais de temperatura e pressão (cuja sigla é CNTP no Brasil e PTN em Portugal) referem-se à condição experimental com temperatura e pressão de 273,15 K (0 °C) e (101,325 kPa.

Novo!!: Hólmio e Condições normais de temperatura e pressão · Veja mais »

Corrosão

A corrosão metálica é a transformação de um material ou liga metálica pela sua interação química ou eletroquímica num determinado meio de exposição, processo que resulta na formação de produtos de corrosão e na libertação de energia.

Novo!!: Hólmio e Corrosão · Veja mais »

Elétron

O (do grego ήλεκτρον, élektron, "âmbar") é uma partícula subatômica, de símbolo ou, com carga elétrica negativa.

Novo!!: Hólmio e Elétron · Veja mais »

Elemento (química)

Denomina-se elemento químico um conjunto de átomos que têm o mesmo número de prótons em seu núcleo atômico, ou seja, o mesmo número atômico (Z).

Novo!!: Hólmio e Elemento (química) · Veja mais »

Espectro

* Espectro (física) — acerca da intensidade de radiação em função do comprimento de onda.

Novo!!: Hólmio e Espectro · Veja mais »

Estocolmo

Estocolmo (SUECO Stockholm; PRONÚNCIA APROXIMADA stók-hôlm; IPA: ˈstɔkːˈɔlm, ˈstɔkˈhɔlm) é a capital e maior cidade da Suécia.

Novo!!: Hólmio e Estocolmo · Veja mais »

Ferro

O ferro (do latim ferrum) é um elemento químico, símbolo Fe, de número atômico 26 (26 prótons e 26 elétrons) e massa atômica 56 u. À temperatura ambiente, o ferro encontra-se no estado sólido.

Novo!!: Hólmio e Ferro · Veja mais »

Fluoreto

Em química, fluoreto é a forma iônica do fluor.

Novo!!: Hólmio e Fluoreto · Veja mais »

Gadolinita

Gadolinita ou gadolinite é um mineral de coloração quase preta com brilho vítreo, e formado principalmente de silicatos de cério, lantânio, neodímio, ítrio, berílio, e ferro, com formula: (Ce,La,Nd,Y)2FeBe2Si2O10.

Novo!!: Hólmio e Gadolinita · Veja mais »

Lantanídeo

Os lantanídeos ou lantanoides (nomenclatura IUPAC) são um grupo de elementos químicos que formam parte do período 6 da tabela periódica.

Novo!!: Hólmio e Lantanídeo · Veja mais »

Lantânio

O lantânio é um elemento químico de símbolo químico (La) de número atômico 57 (57 prótons e 57 elétrons), com massa atômica 138,9 u. É um metal de transição interna, lantanídeo, terra rara, pertencente ao grupo 3 da classificação periódica dos elementos.

Novo!!: Hólmio e Lantânio · Veja mais »

Laser

'''Lêiseres''' de diferentes cores Demonstração de um laser no laboratório Kastler-Brossel Um laser (sigla inglesa para light amplification by stimulated emission of radiation, ou seja, amplificação da luz por emissão estimulada de radiação), em português láser ou lêiser, é um dispositivo que produz radiação eletromagnética com características muito especiais: ela é monocromática (possui comprimento de onda muito bem definido), coerente (todos os fótons que compõem o feixe emitido estão em fase) e colimada (propaga-se como um feixe de ondas praticamente paralelas).

Novo!!: Hólmio e Laser · Veja mais »

Latim

A língua latina ou latim é uma antiga língua indo-europeia do ramo itálico originalmente falada no Lácio, a região do entorno da cidade de Roma.

Novo!!: Hólmio e Latim · Veja mais »

Liga metálica

Ligas metálicas são materiais com propriedades metálicas que contêm dois ou mais elementos químicos sendo que pelo menos um deles é metal.

Novo!!: Hólmio e Liga metálica · Veja mais »

Magnetismo

Símbolo internacional de alerta quanto à presença de magnetismo intenso. informações digitais encontram-se magneticamente gravadas na mídia circular, que gira em alta velocidade. O movimento da cabeça de leitura sobre a mídia é obtido mediante forças magnéticas que agem em bobinas imersas entre dois fortes ímãs, na parte anterior esquerda do disco (parte metálica com cobertura preta). Em física e demais ciências naturais, magnetismo é a denominação associada ao fenômeno ou conjunto de fenômenos relacionados à atração ou repulsão observada entre determinados objetos materiais - particularmente intensas aos sentidos nos materiais ditos ímãs ou nos materiais ditos ferromagnéticos - e ainda, em perspectiva moderna, entre tais materiais e condutores de correntes elétricas - especificamente entre tais materiais e portadores de carga elétrica em movimento - ou ainda a uma das parcelas da interação total (Força de Lorentz) que estabelecem entre si os portadores de carga elétrica quando em movimento - explicitamente a parcela que mostra-se nula na ausência de movimento de um dos dois, ou de ambos, no referencial adotado.

Novo!!: Hólmio e Magnetismo · Veja mais »

Maleabilidade

A maleabilidade é uma propriedade que junto a ductilidade apresentam os corpos ao serem moldados por deformação.

Novo!!: Hólmio e Maleabilidade · Veja mais »

Massa atômica

é a média dos números de massa molecular (representada pela letra A) do isótopos de um determinado elemento químico, ponderada pela ocorrência de cada isótopo.

Novo!!: Hólmio e Massa atômica · Veja mais »

Medicina

caduceu de Asclépio é o símbolo da medicina. A medicina é uma das muitas áreas do conhecimento ligada à manutenção e restauração da saúde.

Novo!!: Hólmio e Medicina · Veja mais »

Metabolismo

Estrutura do trifosfato de adenosina, um intermediário central no metabolismo energético. Metabolismo (do grego metabolismos, μεταβολισμός, que significa "mudança", troca) é o conjunto de transformações que as substâncias químicas sofrem no interior dos organismos vivos.

Novo!!: Hólmio e Metabolismo · Veja mais »

Metal

Em Química um metal, do grego antigo métalon pode ser chamado de várias maneiras: pode ser um elemento, uma substância ou uma liga metálica caracterizado pela sua boa condutividade térmica e elétrica, geralmente apresentando uma cor prateada ou amarelada, e uma elevada dureza.

Novo!!: Hólmio e Metal · Veja mais »

Metal de transição interna

Metais de transição interna ou elementos de transição interna são os elementos de transição que apresentam um orbital f incompleto e pertencem ao bloco '''f''' da tabela periódica.

Novo!!: Hólmio e Metal de transição interna · Veja mais »

Mineral

Mineral é um corpo natural sólido e cristalino formado em resultado da interação de processos físico-químicos em ambientes geológicos.

Novo!!: Hólmio e Mineral · Veja mais »

Monazita

Na geologia, o mineral monazita é um fosfato castanho-avermelhado conténdo metais, terras raras e uma fonte importante de tório, lantânio e cério.

Novo!!: Hólmio e Monazita · Veja mais »

Nêutron

Um é um bárion eletricamente neutro.

Novo!!: Hólmio e Nêutron · Veja mais »

Número atómico

(Z) é um termo usado na física e na química, para designar o número de, encontrados no núcleo de um átomo.

Novo!!: Hólmio e Número atómico · Veja mais »

Odontologia

é a área da saúde humana que estuda e trata do sistema estomatognático - compreende a face, pescoço e cavidade bucal, abrangendo ossos, musculatura mastigatória, articulações, dentes e tecidos.

Novo!!: Hólmio e Odontologia · Veja mais »

Oxirredução

Oxirredução é um fenômeno químico em que há produção de energia elétrica a partir da ocorrência de oxidação e redução de espécies químicas.

Novo!!: Hólmio e Oxirredução · Veja mais »

Per Teodor Cleve

Per Teodor Cleve (Estocolmo, — Uppsala) foi um químico e geólogo sueco.

Novo!!: Hólmio e Per Teodor Cleve · Veja mais »

Potássio

O potássio é um elemento químico de símbolo K (do grego κάλιο "kalium", nome original da sua base KOH), número atômico 19 (19 prótons e 19 elétrons), metal alcalino, de massa atómica 39 u, coloração branco prateado, abundante na natureza, encontrado principalmente nas águas salgadas e outros minerais.

Novo!!: Hólmio e Potássio · Veja mais »

Próton

Sem descrição

Novo!!: Hólmio e Próton · Veja mais »

Químico

Um químico é um profissional/cientista treinado no estudo da química.

Novo!!: Hólmio e Químico · Veja mais »

Radioisótopo sintético

Os radioisótopos sintéticos são radioisótopos ou isótopos radioativos que não se encontram de forma natural na terra, porém podem ser criados mediante reações nucleares.

Novo!!: Hólmio e Radioisótopo sintético · Veja mais »

Reator nuclear

Um é uma câmara de resfriamento hermética, blindada contra a radiação, onde é controlada uma reação nuclear para a obtenção de energia, produção de materiais fissionáveis como o plutônio para armamentos nucleares, radioisótopos para a medicina nuclear, propulsão de submarinos e satélites artificiais ou para pesquisas.

Novo!!: Hólmio e Reator nuclear · Veja mais »

Redução

Em Química, a redução consiste na diminuição algébrica da carga formal ou do número de oxidação de uma espécie química.

Novo!!: Hólmio e Redução · Veja mais »

Série química

Série química é um conjunto de elementos químicos cujas propriedades variam progressivamente do início ao fim da série.

Novo!!: Hólmio e Série química · Veja mais »

Símbolo químico

Cada elemento químico, natural ou sintetizado artificialmente, é representado por um símbolo que o identifica graficamente.

Novo!!: Hólmio e Símbolo químico · Veja mais »

Sólido

O gelo é o estado sólido da água. O estado sólido é um estado da matéria, cujas características são ter volume e forma definidos, isto é, a matéria resiste à deformação.

Novo!!: Hólmio e Sólido · Veja mais »

Suécia

A Suécia (SUECO Sverige; PRONÚNCIA APROXIMADA své-rié; IPA) é um país nórdico, localizado na península Escandinava na Europa do Norte. Tem fronteiras terrestres com a Noruega, a oeste, e com a Finlândia, a nordeste, além de estar ligada à Dinamarca através da Ponte de Öresund, no sul. Com km², a Suécia é o terceiro maior país da União Europeia em termos de área, e possui uma população total de cerca de milhões de habitantes. A Suécia tem uma baixa densidade populacional, com cerca de 23 habitantes por quilômetro quadrado, mas com uma densidade consideravelmente maior na metade sul do país. Cerca de 85% da população vive em áreas urbanas. A capital e maior cidade da Suécia é Estocolmo (com uma população de 1,3 milhão na área urbana e de 2 milhões na área metropolitana), centro do poder político e econômico do país. A Suécia é uma monarquia constitucional com um sistema parlamentar de governo, com uma economia altamente desenvolvida e diversificada. O país ocupa o quarto lugar do mundo no Índice de democracia, depois da Islândia, da Dinamarca e da Noruega, segundo a prestigiada revista inglesa The Economist. O país ainda é considerado um dos mais socialmente justos da atualidade, apresentando um dos mais baixos níveis de desigualdade de renda do mundo. A Suécia é membro fundador da Organização das Nações Unidas, da União Europeia desde 1 de janeiro de 1995, e da OCDE. Isso se reflete no fato da Suécia estar, desde que a ONU começou a calcular o IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) de seus membros na década de 1980, entre os mais bem colocados países do mundo de acordo com o indicador. A Suécia emergiu como um país independente e unificado durante a Idade Média. No o país expandiu seus territórios para formar o Império Sueco. A maior parte dos territórios conquistados fora da península Escandinava foram perdidos durante os séculos XVIII e XIX. A metade oriental da Suécia, o que hoje é a Finlândia, foi perdida para a Rússia em 1809. A última guerra na qual a Suécia esteve diretamente envolvida foi em 1814, quando a Suécia forçou por meios militares a Noruega a se juntar ao país e criar o Reinos Unidos da Suécia e Noruega, uma união que durou até 1905. Desde então, a Suécia ficou em paz, com a adoção de uma política externa não-alinhada em tempos de paz e de neutralidade em tempo de guerra.

Novo!!: Hólmio e Suécia · Veja mais »

Suíça

Suíça (Schweiz; em suíço-alemão: Schwyz ou Schwiiz; Suisse; Svizzera; Svizra ou), oficialmente Confederação Suíça (em alemão: Schweizerische Eidgenossenschaft; em francês: Confédération suisse; em italiano: Confederazione Svizzera; em romanche: Confederaziun svizra), é uma república federal composta por 26 estados, chamados de cantões, com a cidade de Berna como a sede das autoridades federais.

Novo!!: Hólmio e Suíça · Veja mais »

Túlio

O túlio (do grego "Thule", nome de uma ilha) é um elemento químico de símbolo Tm, número atômico 69 (69 prótons e 69 elétrons) com massa atómica igual a 168,9 u. À temperatura ambiente, o túlio encontra-se no estado sólido.

Novo!!: Hólmio e Túlio · Veja mais »

Terra-rara

As terras raras ou metais de terras raras são, de acordo com a classificação da IUPAC, um grupo relativamente abundante de 17 elementos químicos, dos quais 15 pertencem na tabela periódica dos elementos ao grupo dos lantanídeos (elementos com número atómico entre Z.

Novo!!: Hólmio e Terra-rara · Veja mais »

Toxicidade

Toxicidade ou toxidez (do latim toxĭcum, por sua vez do grego τοξικόν, «veneno») é a qualidade que caracteriza o grau de virulência de qualquer substância nociva para um organismo vivo ou para uma parte específica desse organismo (um órgão: o fígado, por exemplo), como um veneno ou uma toxina produzida por um agente microbiano.

Novo!!: Hólmio e Toxicidade · Veja mais »

Troca iônica

Troca iônica é uma troca de íons entre dois eletrólitos ou entre um eletrólito na forma de solução e um complexo.

Novo!!: Hólmio e Troca iônica · Veja mais »

Unidade de massa atômica

A unidade de massa, ou dalton é uma unidade de medida de massa utilizada para expressar a massa de partículas atômicas (massas atômicas de elementos ou compostos).

Novo!!: Hólmio e Unidade de massa atômica · Veja mais »

Vidro

Em ciência dos materiais o vidro é uma substância sólida e amorfa, que apresenta temperatura de transição vítrea.

Novo!!: Hólmio e Vidro · Veja mais »

1878

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XIX do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, a sua letra dominical foi F (52 semanas), teve início a uma terça-feira e terminou também a uma terça-feira.

Novo!!: Hólmio e 1878 · Veja mais »

1879

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XIX do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi E (52 semanas), teve início a uma quarta-feira e terminou também a uma quarta-feira.

Novo!!: Hólmio e 1879 · Veja mais »

1911

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XX do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi A (52 semanas), teve início a um domingo e terminou também a um domingo.

Novo!!: Hólmio e 1911 · Veja mais »

1934

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XX do Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: Hólmio e 1934 · Veja mais »

Redireciona aqui:

Holmio.

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »