Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Livre
Acesso mais rápido do que o navegador!
 

Fernando II de Leão

Índice Fernando II de Leão

Fernando II de Leão e Galiza (c. 1137 - Benavente, 21 de janeiro de 1188), foi rei de Leão e da Galiza de 1157 a 1188.

146 relações: Afonso I de Portugal, Afonso II de Aragão, Afonso IX de Leão, Afonso VI de Leão e Castela, Afonso VII de Leão e Castela, Afonso VIII de Castela, Alburquerque, Alcáçova, Alcântara (Espanha), Andaluzia, António Soares dos Reis, Arcebispo, Badajoz, Benavente (Espanha), Berengária de Barcelona, Califado Almóada, Caminhos de Santiago, Cantábria, Casamento, Castelo, Castelo de São Jorge, Castro Caldelas, Castrojeriz, Catedral, Catedral de Santiago de Compostela, Cavaleiro, Cavalo, Cáceres (Espanha), Cerco de Badajoz, Cidade, Cidade Rodrigo, Comarca, Comarca de Tierra de Campos, Conde, Coxa, Diego Lopes II de Haro, Dinastia de Borgonha, Dueñas, Efígie, Escultura, Espanha, Fernão Peres de Trava, Filiação ilegítima, Foral, Fronteira, Galiza, Guimarães, Haro, Igreja, Independência de Portugal, ..., Jacente, Jubileu Compostelano, Leão (província), Ledesma, Liberdade, Lisboa, Lista de reis de Leão, Lope Díaz I de Haro, Lugo (Galiza), Magistrado, Maioridade, Montánchez, Mosteiro, Mosteiro do Couto, Mouros, Muçulmano, Nájera, Nobreza, Noia, Nuno Peres de Lara, Ordem de Santiago, Ordem dos Templários, Padrón, Papa Alexandre III, Peregrinação, Peregrinos, Pontevedra, Portugal, Prisioneiro de guerra, Reconquista, Rei, Reino da Galiza, Reino de Aragão, Reino de Castela, Reino de Leão, Reino de Navarra, Ribadavia, Sahagún, Salamanca, Samora (Espanha), Sancho I de Portugal, Sancho III de Castela, Sancho VI de Navarra, Santa Cruz de la Sierra (Espanha), Santarém (Portugal), Santiago de Compostela, Santiago Maior, Sarracenos, Sória, Senhorio de Biscaia, Sepulcro, Teresa de Leão, Testamento, Toledo, Tordesilhas, Tratado de paz, Tratado de Sahagún (1170), Trujillo (Espanha), Tui, Uclés, Urraca de Portugal, Rainha de Leão, Urraca I de Leão e Castela, Urraca Lopes de Haro, Valladolid, 1137, 1139, 1151, 1155, 1157, 1158, 1159, 1164, 1166, 1168, 1169, 1170, 1171, 1173, 1175, 1177, 1178, 1179, 1180, 1181, 1183, 1184, 1185, 1186, 1187, 1188, 1210, 1220, 1230, 21 de agosto, 21 de janeiro, 23 de maio. Expandir índice (96 mais) »

Afonso I de Portugal

Afonso I (–), também chamado de Afonso Henriques, e apelidado de "o Conquistador", foi o primeiro Rei de Portugal de 1139 até sua morte, anteriormente servindo como Conde de Portucale de 1112 até sua independência do Reino da Galiza.

Novo!!: Fernando II de Leão e Afonso I de Portugal · Veja mais »

Afonso II de Aragão

Afonso II de Aragão, o Casto ou o Trovador (Huesca entre 1 e 25 de Março de 1157 - Perpinhã, 25 de Abril de 1196) foi rei de Aragão (1163-1196), conde de Barcelona, Girona, Osona, Besalú, Cerdanha (1162-1196), conde da Provença (1167-1173) e conde de Rossilhão (1172-1196).

Novo!!: Fernando II de Leão e Afonso II de Aragão · Veja mais »

Afonso IX de Leão

Afonso IX de Leão e da Galiza (Zamora, 15 de Agosto de 1171 - Sarria, 24 de Setembro de 1230), cognominado o Galego nas fontes da época, foi o último soberano dos reinos de Leão e de Galiza independentes de 1188 até à sua morte.

Novo!!: Fernando II de Leão e Afonso IX de Leão · Veja mais »

Afonso VI de Leão e Castela

Afonso VI de Leão e Castela o Bravo (1047–1 de julho de 1109) foi, até à sua morte, rei de Leão desde 27 de dezembro de 1065, rei de Castela desde 6 de outubro de 1072, rei da Galiza desde 1073, intitulado Imperator totius Hispaniæ (imperador de toda Hispânia) desde 1077 e rei de Toledo desde 1085.

Novo!!: Fernando II de Leão e Afonso VI de Leão e Castela · Veja mais »

Afonso VII de Leão e Castela

Brasão com as Armas de Castela. Brasão com as Armas de Leão. Afonso VII de Galiza, Leão e Castela, o Imperador (Caldas de Reis, 1 de março de 1105 - Viso del Marqués?, 21 de agosto de 1157), foi o primeiro rei da casa de Borgonha: rei da Galiza a partir de 1111, rei de Leão a partir de 1126, rei de Castela e de Toledo a partir de 1127, e imperador da Hispânia a partir de 1135.

Novo!!: Fernando II de Leão e Afonso VII de Leão e Castela · Veja mais »

Afonso VIII de Castela

Afonso VIII de Castela, chamado O Nobre ou O das Navas (Sória, — Gutierre-Muñoz), foi rei de Castela e de Toledo desde 1158 até sua morte.

Novo!!: Fernando II de Leão e Afonso VIII de Castela · Veja mais »

Alburquerque

Alburquerque é um município raiano da Espanha na província de Badajoz, comunidade autónoma da Estremadura.

Novo!!: Fernando II de Leão e Alburquerque · Veja mais »

Alcáçova

Alcáçova de Málaga, no sul da Espanha. Uma alcáçova (do árabe قصبة, transl. al-qasbah, "cidadela"), em arquitectura militar, é o nome pelo qual ficou conhecida a fortificação (castelo) árabe.

Novo!!: Fernando II de Leão e Alcáçova · Veja mais »

Alcântara (Espanha)

Alcântara (Alcántara) é um município raiano da Espanha na província de Cáceres, comunidade autónoma da Estremadura, de área.

Novo!!: Fernando II de Leão e Alcântara (Espanha) · Veja mais »

Andaluzia

A Andaluzia é uma comunidade autônoma de Espanha.

Novo!!: Fernando II de Leão e Andaluzia · Veja mais »

António Soares dos Reis

António Manuel Soares dos Reis (Vila Nova de Gaia, Mafamude, 1847 – Vila Nova de Gaia, 1889) foi um importante escultor português.

Novo!!: Fernando II de Leão e António Soares dos Reis · Veja mais »

Arcebispo

Um arcebispo (archepiskopos: "arche" - "primeiro" + "episkopos" - "supervisor") é um bispo que pode ser católico ou protestante que, normalmente, está à frente de uma arquidiocese.

Novo!!: Fernando II de Leão e Arcebispo · Veja mais »

Badajoz

Praça Alta Badajoz é uma cidade e município raiano da Espanha na província homónima, da qual é capital. Faz parte da comunidade autónoma da Estremadura e da comarca da Terra de Badajoz. Tem de área e em tinha habitantes, que representa aproximadamente 20% da população da província e 7% da Estremadura. Batizada pelos seus fundadores muçulmanos Batalyaws (ﺑﻂﻠﻴﻮﺱ), a sua designação em português vernáculo era Badalhouce até ao período da dinastia filipina, um termo que persiste ainda hoje em galego. Além de ser a maior cidade da Estremadura, é também o principal centro económico da região. Situa-se a um par de quilómetros da fronteira com a cidade portuguesa de Elvas, à beira do rio Guadiana, um dos rios mais importantes da Península Ibérica, que atravessa a cidade de leste para oeste, virando em seguida para sul. Apesar da dimensão do município ser bastante menor do que no passado, Badajoz é o terceiro maior município de Espanha em área, a seguir a Cáceres e Lorca. Tem 10 núcleos populacionais, dentre os quais se destacam, além da cidade, Gévora, Valdebótoa e Villafranco del Guadiana, todos com mais de mil habitantes. A cidade foi fundada em 892 por Ibne Maruane, durante a ocupação muçulmana da Península Ibérica, num local habitado desde os tempos pré-históricos mais remotos e sobre um povoado visigodo já então desaparecido ou pelo menos muito degradado, no cimo de uma das duas colinas que dominam a cidade: o Cabeço da Muela ou o Cabeço do Montúrio. Em frente, na margem direita do Guadiana, situam-se as Cuestas (encostas) de Orinaza ou Cerro de San Cristóbal, também conhecidas antigamente como Baxernal ou Baxarnal. A fundação da cidade é comemorada pelos seus habitantes, denominados pacenses, na festa Almossasa Batalyaws, realizada em finais de setembro. A parte mais antiga da cidade é chamada Casco Antigo ou bairro histórico. Aí se encontram vários edifícios classificados como "Bem de Interesse Cultural", nomeadamente a catedral, a alcáçova, as muralhas de estilo Vauban, a Igreja de São Domingos e o Real Mosteiro de Santa Ana. Na década de 2000, a Praça Alta (Plaza Alta) e a Praça de Espanha, dois dos locais mais emblemáticos de Badajoz, foram restauradas em larga escala. A última é onde se encontra o ayuntamiento, a catedral, o Arquivo Histórico Municipal, o Museu Catedralício, a Casa del Cordón e a Casa Buiza. Outra praça importante em termos de património é a da Soledad, onde se encontram edifícios como a La Giralda, Las Tres Campnas e o Conservatório de Música. A quarta praça monumental da cidade é a de San Andrés, onde se situam a igreja homónima, o Hotel Cervantes a Casa Regionalista e a Casa Puebla. A cidade dispõe de vários parques e jardins.

Novo!!: Fernando II de Leão e Badajoz · Veja mais »

Benavente (Espanha)

Benavente é uma cidade e município da Espanha na província de Samora, comunidade autónoma de Castela e Leão, de área 45 km² com população de 18744 habitantes (2007) e densidade populacional de 416,53 hab./km².

Novo!!: Fernando II de Leão e Benavente (Espanha) · Veja mais »

Berengária de Barcelona

Berengária de Barcelona (Berenguera ou Berenguela; Barcelona, - Palência, 15/31 de janeiro de) foi rainha consorte de Leão e de Castela (1126-1149).

Novo!!: Fernando II de Leão e Berengária de Barcelona · Veja mais »

Califado Almóada

O Califado Almóada (ou Almôada, ou Almôade) foi uma potência religiosa berbere governada pela quinta dinastia moura, tendo se destacado do até meados do.

Novo!!: Fernando II de Leão e Califado Almóada · Veja mais »

Caminhos de Santiago

A Basílica de Santiago de Compostela é o ponto final dos Caminhos de Santiago Os Caminhos de Santiago são os percursos dos peregrinos que afluem a Santiago de Compostela desde o para venerar as relíquias do apóstolo Santiago Maior, cujo suposto sepulcro se encontra na catedral de Santiago de Compostela.

Novo!!: Fernando II de Leão e Caminhos de Santiago · Veja mais »

Cantábria

Cantábria é uma comunidade autónoma monoprovincial localizada no norte de Espanha.

Novo!!: Fernando II de Leão e Cantábria · Veja mais »

Casamento

Casamento ou é um vínculo estabelecido entre duas pessoas, mediante o reconhecimento governamental, cultural, religioso (vide casamento religioso) ou social e que pressupõe uma relação interpessoal de intimidade, cuja representação arquetípica é a coabitação, embora possa ser visto por muitos como um contrato.

Novo!!: Fernando II de Leão e Casamento · Veja mais »

Castelo

O Alcázar de Segóvia, localizado na Espanha, com vista para a cidade homônima O Castelo de Bodiam, cercado por um fosso preenchido por água XV Castelo (castellum) é um tipo de estrutura fortificada, construída na Europa e Oriente Médio durante a Idade Média pelos nobres europeus.

Novo!!: Fernando II de Leão e Castelo · Veja mais »

Castelo de São Jorge

O Castelo de São Jorge localiza-se na freguesia de Santa Maria Maior (Castelo), na cidade e concelho de Lisboa, em Portugal.

Novo!!: Fernando II de Leão e Castelo de São Jorge · Veja mais »

Castro Caldelas

Localização de Castro Caldelas Castro Caldelas é um município da Espanha na província de Ourense, comunidade autónoma da Galiza, de área 87,6 km² com população de 1687 habitantes (2007) e densidade populacional de 20,86 hab/km².

Novo!!: Fernando II de Leão e Castro Caldelas · Veja mais »

Castrojeriz

Castrojeriz ou Castro Xeriz é um município da Espanha na província de Burgos, comunidade autónoma de Castela e Leão, de área 105 km² com população de 883 habitantes (2007) e densidade populacional de 7,00 hab/km².

Novo!!: Fernando II de Leão e Castrojeriz · Veja mais »

Catedral

Catedral ou Sé é o templo cristão em que se encontra a sede de um bispo e uma diocese, com seu cabido.

Novo!!: Fernando II de Leão e Catedral · Veja mais »

Catedral de Santiago de Compostela

A Catedral de Santiago de Compostela é um templo católico situada na cidade de Santiago de Compostela, capital da Galiza, Espanha.

Novo!!: Fernando II de Leão e Catedral de Santiago de Compostela · Veja mais »

Cavaleiro

Museu Metropolitano de Arte, Nova Iorque. Um cavaleiro pode ter vários significados quase sempre associado às características nobres do cavalo e ao facto de o montar.

Novo!!: Fernando II de Leão e Cavaleiro · Veja mais »

Cavalo

Cavalo (nome científico: Equus ferus caballus) é um mamífero herbívoro da ordem dos ungulados, uma das três subespécies modernas da espécie Equus ferus.

Novo!!: Fernando II de Leão e Cavalo · Veja mais »

Cáceres (Espanha)

Cáceres é um município de Espanha na província de Cáceres, comunidade autónoma da Estremadura, de área. Em tinha habitantes. A cidade está ligada à rede ferroviária portuguesa através do Ramal de Cáceres, atualmente desativado.

Novo!!: Fernando II de Leão e Cáceres (Espanha) · Veja mais »

Cerco de Badajoz

O Cerco de Badajoz ocorreu em Maio de 1169.

Novo!!: Fernando II de Leão e Cerco de Badajoz · Veja mais »

Cidade

Uma cidade ou urbe é uma área urbanizada, que se diferencia de vilas e outras entidades urbanas através de vários critérios, os quais incluem população, densidade populacional ou estatuto legal, embora sua clara definição não seja precisa, sendo alvo de discussões diversas.

Novo!!: Fernando II de Leão e Cidade · Veja mais »

Cidade Rodrigo

Cidade Rodrigo (Ciudad Rodrigo) é um município da Espanha na província de Salamanca, comunidade autónoma de Castela e Leão, de área com população de habitantes (2007) e densidade populacional de.

Novo!!: Fernando II de Leão e Cidade Rodrigo · Veja mais »

Comarca

Uma comarca (do latim commarca ou comarcha, por sua vez derivado do termo de origem germânica Mark, "confim", "limite", "marca") é um termo originalmente empregado para definir um território limítrofe ou região fronteiriça.

Novo!!: Fernando II de Leão e Comarca · Veja mais »

Comarca de Tierra de Campos

Tierra de Campos. Pórticos numa rua de ''Becerril de Campos''. Tierra de Campos é uma comarca natural de Castela e Leão que se estende pelas províncias de Zamora, Valladolid, Palencia e León.

Novo!!: Fernando II de Leão e Comarca de Tierra de Campos · Veja mais »

Conde

Conde, do latim comes, comitis, que significa «companheiro», (feminino: condessa) é um título nobiliárquico existente em muitas monarquias, sendo imediatamente superior a visconde e inferior a marquês.

Novo!!: Fernando II de Leão e Conde · Veja mais »

Coxa

Coxa é uma parte do corpo humano abaixo da virilha e acima do joelho, onde está localizado o fêmur (que é o maior osso do corpo humano) e os músculos pectíneo, iliopsoas, psoas menor, tensor da fáscia lata, sartório (que é o maior músculo do corpo humano), quadríceps femoral (compartimento anterior); adutor longo, adutor curto, adutor magno, grácil, obturador externo (compartimento medial); semitendíneo, semimembranoso e bíceps femoral.

Novo!!: Fernando II de Leão e Coxa · Veja mais »

Diego Lopes II de Haro

Diego López II de Haro (1165 – 16 de outubro de 1214) foi o 5.º Senhor da Biscaia e senhor da Casa de Haro.

Novo!!: Fernando II de Leão e Diego Lopes II de Haro · Veja mais »

Dinastia de Borgonha

A designação Dinastia de Borgonha aplica-se às casas reais de Portugal, Galiza, Leão e Castela, e que governaram estes países, respectivamente, entre 1096 e 1383, 1126 e 1230 e 1126 e 1368, ainda que não tenham uma origem comum.

Novo!!: Fernando II de Leão e Dinastia de Borgonha · Veja mais »

Dueñas

Dueñas é um município da Espanha na província de Palência, comunidade autónoma de Castela e Leão, de área 124,35 km² com população de 3007 habitantes (2007) e densidade populacional de 24,35 hab/km².

Novo!!: Fernando II de Leão e Dueñas · Veja mais »

Efígie

Efígie é uma representação de uma pessoa numa moeda, pintura ou escultura.

Novo!!: Fernando II de Leão e Efígie · Veja mais »

Escultura

Vénus de Milo, Louvre. Escultura é uma arte que representa ou ilustra imagens plásticas em relevo total ou parcial.

Novo!!: Fernando II de Leão e Escultura · Veja mais »

Espanha

Espanha (España), também conhecido como Reino de/da Espanha Reino de España é um país situado na Europa meridional, na Península Ibérica.

Novo!!: Fernando II de Leão e Espanha · Veja mais »

Fernão Peres de Trava

Fernão Peres de Trava (Fernando Pérez de Traba; c. 1100 - Santiago de Compostela, 1 de novembro de 1155) foi um nobre galego, conde de Trava e Trastâmara, amante de Teresa de Leão, condessa de Portugal e mãe do rei Afonso I Henriques.

Novo!!: Fernando II de Leão e Fernão Peres de Trava · Veja mais »

Filiação ilegítima

Filiação ilegítima é uma expressão em desuso na atualidade e que designava a prole nascida fora dos laços do matrimônio.

Novo!!: Fernando II de Leão e Filiação ilegítima · Veja mais »

Foral

Uma carta de foral, ou simplesmente foral, era um documento real utilizado em Portugal, que visava estabelecer um concelho e regular a sua administração, deveres e privilégios.

Novo!!: Fernando II de Leão e Foral · Veja mais »

Fronteira

Fronteira entre Portugal e Espanha, perto de Badajoz.Fronteira é o limite entre dois países.

Novo!!: Fernando II de Leão e Fronteira · Veja mais »

Galiza

A Galiza é uma nação organizada enquanto comunidade autónoma espanhola, com o estatuto de nacionalidade histórica.

Novo!!: Fernando II de Leão e Galiza · Veja mais »

Guimarães

Guimarães MHSE é uma cidade portuguesa situada no Distrito de Braga, região do Norte e sub-região do Ave (uma das sub-regiões mais industrializadas do país) e ainda à antiga província do Minho, com uma população de, repartidos por uma malha urbana de, em 20 freguesias e com uma densidade populacional de 2223,9 hab./km²., Direcção Geral do Ordenamento do Território e Desenvolvimento Urbano, acedido em 21 de Novembro de 2006 É sede de um município com Instituto Geográfico Português, (ficheiro Excel zipado)).

Novo!!: Fernando II de Leão e Guimarães · Veja mais »

Haro

Haro é um município da Espanha na província e comunidade autónoma de La Rioja, de área 40,53 km² com população de 11463 habitantes (2007) e densidade populacional de 251,67 hab/km².

Novo!!: Fernando II de Leão e Haro · Veja mais »

Igreja

Catedral de Notre-Dame, em Paris, na França. Igreja (do grego εκκλησία através do latim ecclesia) é uma instituição religiosa cristã separada do Estado, ou uma comunidade de fiéis ligados pela mesma fé e submetidos aos mesmos chefes espirituais.

Novo!!: Fernando II de Leão e Igreja · Veja mais »

Independência de Portugal

Em terras de Portugal habitavam em tempos remotos diversos povos: celtas, iberos, lusitanos (autóctones), romanos e árabes (invasores).

Novo!!: Fernando II de Leão e Independência de Portugal · Veja mais »

Jacente

No campo da arte tumular, o jacente é a figura esculpida em alto-relevo do falecido deitado sobre sua sepultura.

Novo!!: Fernando II de Leão e Jacente · Veja mais »

Jubileu Compostelano

Catedral de Santiago de Compostela O Ano Jubilar Compostelano - também conhecido como Jubileu ou Ano Santo (Jacobeu) - é celebrado desde a Idade Média, por disposição papal, quando o dia do apóstolo Santiago Maior (25 de julho), cujos restos mortais supostamente se encontram na catedral compostelana, coincide com um domingo, o que sucede habitualmente cada 6,5,6 e 11 anos.

Novo!!: Fernando II de Leão e Jubileu Compostelano · Veja mais »

Leão (província)

Leão (em castelhano e galego: León; em leonês: Llión) é uma província situada na parte noroeste da comunidade autónoma de Castela e Leão.

Novo!!: Fernando II de Leão e Leão (província) · Veja mais »

Ledesma

Ledesma é um município da província de Salamanca, na comunidade autónoma de Castela e Leão, na Espanha.

Novo!!: Fernando II de Leão e Ledesma · Veja mais »

Liberdade

''A Liberdade Guiando o Povo'', de Delacroix (1830): uma personificação da liberdade. A liberdade, antigamente, era vista como resultado de batalhas e de imposição de vontades e justiças. Liberdade, em filosofia, pode ser compreendida sob uma perspectiva que denota a ausência de submissão e de servidão.

Novo!!: Fernando II de Leão e Liberdade · Veja mais »

Lisboa

Lisboa GCTE é a capital de Portugal e a cidade mais populosa do país.

Novo!!: Fernando II de Leão e Lisboa · Veja mais »

Lista de reis de Leão

O reino medieval de Leão teve a sua origem na transferência da capital do reino das Astúrias de Oviedo para a cidade de Leão, nos tempos de Afonso III das Astúrias.

Novo!!: Fernando II de Leão e Lista de reis de Leão · Veja mais »

Lope Díaz I de Haro

Lope Díaz I de Haro apelidado "el de Nájera" (morto em 6 de Maio de 1170), filho de Diego Lopes I de Haro e da condessa Maria Sanches, filha do conde Sancho Sanches de Erro e a condessa Elvira Garcia - filha do conde Garcia Ordonhes - foi o quarto senhor de Biscaia entre 1124 a 1170 e tenente em Nájera e Haro.

Novo!!: Fernando II de Leão e Lope Díaz I de Haro · Veja mais »

Lugo (Galiza)

Lugo é um município e cidade da Galiza, Espanha.

Novo!!: Fernando II de Leão e Lugo (Galiza) · Veja mais »

Magistrado

O quadro ''O magistrado inglês'' de William Hogarth (1750) O magistrado (do latim magistratus, derivado de magister "chefe, superintendente") designava, em tempos passados, lato sensu, um funcionário do poder público investido de autoridade.

Novo!!: Fernando II de Leão e Magistrado · Veja mais »

Maioridade

No ordenamento jurídico de um país, a maioridade é a condição legal para a atribuição da plena capacidade de ação de uma pessoa que decorre ao se alcançar uma idade cronológica previamente estabelecida.

Novo!!: Fernando II de Leão e Maioridade · Veja mais »

Montánchez

Montánchez é um município da Espanha na província de Cáceres, comunidade autónoma da Estremadura, de área.

Novo!!: Fernando II de Leão e Montánchez · Veja mais »

Mosteiro

Santa Maria del Parral, em Segóvia, Espanha Um mosteiro é um edifício de habitação, oração e trabalho de uma comunidade de monges e freiras, e que é construído fora da malha urbana de uma cidade.

Novo!!: Fernando II de Leão e Mosteiro · Veja mais »

Mosteiro do Couto

O Mosteiro do Couto, também conhecido por Mosteiro de São Martinho de Xubia, está situado na paróquia do mesmo nome, no bairro do Couto, no concelho de Narón.

Novo!!: Fernando II de Leão e Mosteiro do Couto · Veja mais »

Mouros

"Mouriscos do Reino de Granada, passeando pelo campo com mulher e criança". Desenho de Christoph Weiditz (1529) Mouros, mauritanos, mauros ou sarracenos são considerados, originalmente, os povos oriundos do Norte de África, praticantes do Islão, nomeadamente Marrocos, Argélia, Mauritânia e Saara Ocidental, invasores da região da Península Ibérica, Sicília, Malta e parte de França, durante a Idade Média.

Novo!!: Fernando II de Leão e Mouros · Veja mais »

Muçulmano

Muçulmanos na Mesquita Azul, em Istambul, Turquia. Muçulmanos Muçulmano é todo o indivíduo que adere ao Islã, uma religião monoteísta centrada na vida e nos ensinamentos de profeta Maomé, que teria recebido revelações do Arcanjo Gabriel.

Novo!!: Fernando II de Leão e Muçulmano · Veja mais »

Nájera

Nájera é um município da Espanha na província e comunidade autónoma de La Rioja, de área 37,44 km² com população de 8073 habitantes (2007) e densidade populacional de 202,52 hab/km².

Novo!!: Fernando II de Leão e Nájera · Veja mais »

Nobreza

Nobreza é um conceito de grande antiguidade, cujos significado e atributos variaram muito ao longo do tempo e nas diferentes regiões do mundo.

Novo!!: Fernando II de Leão e Nobreza · Veja mais »

Noia

Localização de Noia Noia (em castelhano; Noya) é um município da Espanha na província da Corunha, comunidade autónoma da Galiza, de área 37,2 km² com população de 14808 habitantes (2007) e densidade populacional de 388,02 hab/km².

Novo!!: Fernando II de Leão e Noia · Veja mais »

Nuno Peres de Lara

Nuno Peres de Lara (Nuño Pérez de Lara; m. em Cuenca) foi um rico-homem de Castela pertencente a poderosa Casa de Lara, filho de Pedro Gonçalves de Lara e de Eva.

Novo!!: Fernando II de Leão e Nuno Peres de Lara · Veja mais »

Ordem de Santiago

A Ordem Militar de Santiago é uma ordem religiosa-militar de origem castelhano-leonesa, atualmente Ibérica, instituída por Afonso VIII de Castela e aprovada pelo Papa Alexandre III, mediante bula papal outorgada em 5 de Julho de 1175.

Novo!!: Fernando II de Leão e Ordem de Santiago · Veja mais »

Ordem dos Templários

A Ordem dos Pobres Cavaleiros de Cristo e do Templo de Salomão ("Ordo Pauperum Commilitonum Christi Templique Salominici"), conhecida como Cavaleiros Templários, Ordem do Templo (Ordre du Temple ou Templiers) ou simplesmente como Templários, foi uma ordem militar de Cavalaria.

Novo!!: Fernando II de Leão e Ordem dos Templários · Veja mais »

Padrón

Padrón é um município (concello em) da província da Corunha, Galiza, no noroeste de Espanha.

Novo!!: Fernando II de Leão e Padrón · Veja mais »

Papa Alexandre III

Alexandre III, nascido Rolando Bandinelli (Siena, ca. 1100 — Civita Castellana, 30 de agosto de 1181) foi Papa de 1159 até 1181.

Novo!!: Fernando II de Leão e Papa Alexandre III · Veja mais »

Peregrinação

Uma peregrinação (do latim per agros, isto é, pelos campos) é uma jornada realizada por um devoto de uma dada religião a um lugar considerado sagrado por essa mesma religião.

Novo!!: Fernando II de Leão e Peregrinação · Veja mais »

Peregrinos

Peregrinos deslocam-se para serviço religioso. Peregrinos é o nome dado aos primeiros colonos ingleses, que eram calvinistas, e que se estabeleceram na Nova Inglaterra, região que veio a ser o embrião dos Estados Unidos, em 1620.

Novo!!: Fernando II de Leão e Peregrinos · Veja mais »

Pontevedra

Pontevedra é um município (concello em galego), capital da província homónima na Galiza, noroeste de Espanha.

Novo!!: Fernando II de Leão e Pontevedra · Veja mais »

Portugal

Portugal, oficialmente República Portuguesa, é um país soberano unitário localizado no sudoeste da Europa, cujo território se situa na zona ocidental da Península Ibérica e em arquipélagos no Atlântico Norte. O território português tem uma área total de, sendo delimitado a norte e leste por Espanha e a sul e oeste pelo oceano Atlântico, compreendendo uma parte continental e duas regiões autónomas: os arquipélagos dos Açores e da Madeira. Portugal é a nação mais a ocidente do continente europeu. O nome do país provém da sua segunda maior cidade, Porto, cujo nome latino-celta era Portus Cale. O território dentro das fronteiras atuais da República Portuguesa tem sido continuamente povoado desde os tempos pré-históricos: ocupado por celtas, como os galaicos e os lusitanos, foi integrado na República Romana e mais tarde colonizado por povos germânicos, como os suevos e os visigodos. No século VIII, as terras foram conquistadas pelos mouros. Durante a Reconquista cristã foi formado o Condado Portucalense,  estabelecido no século XI por Vímara Peres, um vassalo do rei das Astúrias. O condado tornou-se parte do Reino de León em 1097, e os condes de Portugal estabeleceram-se como governantes independentes do reino no século XII, após a batalha de São Mamede. Com o estabelecimento do Reino de Portugal em 1139, cuja independência foi reconhecida em 1143. Em 1297 foram definidas as fronteiras no tratado de Alcanizes, tornando Portugal no mais antigo Estado-nação da Europa. Nos séculos XV e XVI, como resultado de pioneirismo na Era dos Descobrimentos (ver: descobrimentos portugueses), Portugal expandiu a influência ocidental e estabeleceu um império que incluía possessões na África, Ásia, Oceânia e América do Sul, tornando-se a potência económica, política e militar mais importante de todo o mundo. O Império Português foi o primeiro império global da História e também o mais duradouro dos impérios coloniais europeus, abrangendo quase 600 anos de existência, desde a conquista de Ceuta em 1415, até à transferência de soberania de Macau para a China em 1999. No entanto, a importância internacional do país foi bastante reduzida durante o século XIX, especialmente após a independência do Brasil, a sua maior colónia. Com a Revolução de 1910, a monarquia terminou, tendo desde 1139 até 1910, 34 monarcas. A Primeira República Portuguesa foi muito instável, devido ao elevado parlamentarismo. O regime deu lugar à ditadura militar devido a um levantamento em 28 de maio de 1926. Em 1933, um novo regime autoritário, o Estado Novo, presidido por Salazar até 1968, geriu o país até 25 de abril de 1974. A democracia representativa foi instaurada após a Revolução dos Cravos, em 1974, que terminou a Guerra Colonial Portuguesa. As províncias ultramarinas de Portugal tornaram-se independentes, sendo as mais proeminentes Angola e Moçambique. Portugal é um país desenvolvido, com um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) considerado como muito elevado. O país foi classificado na 19.ª posição em qualidade de vida (em 2005), tem um dos melhores sistemas de saúde do planeta e é, também, uma das nações mais globalizadas e pacíficas do mundo. É membro da Organização das Nações Unidas (ONU), da União Europeia (incluindo a Zona Euro e o Espaço Schengen), da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO), da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Portugal também participa em diversas missões de manutenção de paz das Nações Unidas.

Novo!!: Fernando II de Leão e Portugal · Veja mais »

Prisioneiro de guerra

Prisioneiro de guerra é uma pessoa, seja combatente ou não-combatente, que é mantido sob custódia por um exército durante ou imediatamente depois de um conflito armado devidamente declarado por autoridade competente, a chamada declaração de guerra.

Novo!!: Fernando II de Leão e Prisioneiro de guerra · Veja mais »

Reconquista

Reconquista é o processo histórico em que os reinos cristãos da Península Ibérica procuraram dominar a região durante o período do Alandalus.

Novo!!: Fernando II de Leão e Reconquista · Veja mais »

Rei

Um rei (no feminino: rainha) é um chefe de Estado ocupante de um trono real ou um súdito de um imperador por exemplo ou de outra espécie de soberano; ou um ex-soberano que virou escravo de um dominador.

Novo!!: Fernando II de Leão e Rei · Veja mais »

Reino da Galiza

O Reino da Galiza (Reino de Galicia ou Reino de Galiza; Galliciense Regnum; - 1833) foi uma entidade política surgida no noroeste da Península Ibérica no territorio da provincia romana da Gallaecia.

Novo!!: Fernando II de Leão e Reino da Galiza · Veja mais »

Reino de Aragão

O Reino de Aragão (em aragonês: Reino d'Aragón) foi um dos reinos cristãos que nasceram na Península Ibérica durante a Reconquista.

Novo!!: Fernando II de Leão e Reino de Aragão · Veja mais »

Reino de Castela

O Reino de Castela foi um dos antigos reinos da Península Ibérica formados durante a Reconquista.

Novo!!: Fernando II de Leão e Reino de Castela · Veja mais »

Reino de Leão

O Reino de Leão foi um dos antigos reinos ibéricos surgidos no período da reconquista cristã sendo independente durante três períodos: de 910 a 1037 (sob domínio da casa Leonesa), de 1065 a 1072 (sob o domínio da casa de Navarra) e de 1157 a 1230 (sob o domínio da casa da Borgonha).

Novo!!: Fernando II de Leão e Reino de Leão · Veja mais »

Reino de Navarra

O Reino de Navarra foi um dos reinos medievais da Europa, com território no norte da Península Ibérica e nos Pirenéus ocidentais.

Novo!!: Fernando II de Leão e Reino de Navarra · Veja mais »

Ribadavia

Localização de Ribadavia Ribadavia é um município da Espanha na província de Ourense, comunidade autónoma da Galiza, de área 25,1 km² com população de 5390 habitantes (2007) e densidade populacional de 219,78 hab/km².

Novo!!: Fernando II de Leão e Ribadavia · Veja mais »

Sahagún

Sahagún é um município da Espanha na província de León, comunidade autónoma de Castela e Leão, de área 123,6 km² com população de 2841 habitantes (2007) e densidade populacional de 23,46 hab/km².

Novo!!: Fernando II de Leão e Sahagún · Veja mais »

Salamanca

Salamanca é um município da província homônima, na comunidade autónoma de Castela e Leão, na Espanha.

Novo!!: Fernando II de Leão e Salamanca · Veja mais »

Samora (Espanha)

Samora (em Zamora, também grafado em asturo-leonês como Zamora ou Çamora) é um município e cidade espanhola situada na província homónima, pertencente à comunidade autónoma de Castela e Leão.

Novo!!: Fernando II de Leão e Samora (Espanha) · Veja mais »

Sancho I de Portugal

Sancho I (Coimbra, – Santarém), apelidado de Sancho, o Povoador, foi o Rei de Portugal de 1185 até sua morte.

Novo!!: Fernando II de Leão e Sancho I de Portugal · Veja mais »

Sancho III de Castela

Sancho III de Castela o Desejado (1134 — Toledo, 31 de Agosto de 1158) foi rei de Castela e Toledo desde 21 de Agosto de 1157 até à sua morte, pouco mais de um ano volvido.

Novo!!: Fernando II de Leão e Sancho III de Castela · Veja mais »

Sancho VI de Navarra

Sancho VI de Navarra (ca. 1133 - 27 de Junho de 1194), cognominado o Sábio, foi rei de Navarra, o primeiro a abandonar definitivamente o título de Rei de Pamplona para passar a usar o título de rei de Navarra, de 1150 até sua morte.

Novo!!: Fernando II de Leão e Sancho VI de Navarra · Veja mais »

Santa Cruz de la Sierra (Espanha)

Santa Cruz de la Sierra é um município da Espanha na província de Cáceres, comunidade autónoma da Estremadura, de área.

Novo!!: Fernando II de Leão e Santa Cruz de la Sierra (Espanha) · Veja mais »

Santarém (Portugal)

Santarém OTE • MHL é uma cidade portuguesa, capital do Distrito de Santarém, situada na província do Ribatejo e na região do Alentejo, com 29 929 habitantes no seu perímetro urbano (2012).

Novo!!: Fernando II de Leão e Santarém (Portugal) · Veja mais »

Santiago de Compostela

Santiago de Compostela é uma cidade e município (concello em) no noroeste de Espanha.

Novo!!: Fernando II de Leão e Santiago de Compostela · Veja mais »

Santiago Maior

Santiago Maior, também chamado de São Tiago Maior, Santiago Filho do Trovão (Boanerge), Tiago, filho de Zebedeu e Santiago Apóstolo o Maior, martirizado em 44 da nossa era, foi um dos doze apóstolos de Jesus Cristo.

Novo!!: Fernando II de Leão e Santiago Maior · Veja mais »

Sarracenos

Uma ilustração de "sarracenos" numa ilustração do ''Peregrinatio in terram sanctam'', de Bernardo de Breidenbach, de 1486 Sarracenos (do) era uma das formas usada pelos cristãos da Idade Média para designarem genericamente os árabes ou os muçulmanos.

Novo!!: Fernando II de Leão e Sarracenos · Veja mais »

Sória

Sória Soria é uma cidade e município da Espanha, na comunidade autónoma de Castela e Leão e da província homónima, da qual é capital.

Novo!!: Fernando II de Leão e Sória · Veja mais »

Senhorio de Biscaia

O Senhorio de Biscaia (em Castelhano Señorío de Vizcaya) foi uma forma de organização política que se manteve na actual província de Biscaia até ao ano 1876, quando foram prorrogados os foros.

Novo!!: Fernando II de Leão e Senhorio de Biscaia · Veja mais »

Sepulcro

Um Sepulcro é uma câmara mortuária.

Novo!!: Fernando II de Leão e Sepulcro · Veja mais »

Teresa de Leão

Teresa de Leão, condessa de Portugal (em galaico-português: Tarasia ou Tareja de Portugal, mais conhecida em Portugal apenas por Dona Teresa; — Póvoa de Lanhoso ou Mosteiro de Montederramo, 11 de novembro de 1130) foi condessa de Portugal de 1112 a 1128.

Novo!!: Fernando II de Leão e Teresa de Leão · Veja mais »

Testamento

Testamento é a manifestação de última vontade pelo qual um indivíduo dispõe, para depois da morte, em todo ou uma parte de seus bens.

Novo!!: Fernando II de Leão e Testamento · Veja mais »

Toledo

Toledo (Toletum) é um município da Espanha na província de Toledo, comunidade autónoma de Castela-Mancha.

Novo!!: Fernando II de Leão e Toledo · Veja mais »

Tordesilhas

Tordesilhas (em castelhano: Tordesillas) é um município da Espanha na província de Valladolid, comunidade autónoma de Castela e Leão, de área 141,95 km² com população de 8708 habitantes (2007) e densidade populacional de 57,89 hab/km².

Novo!!: Fernando II de Leão e Tordesilhas · Veja mais »

Tratado de paz

Tábua do mais antigo tratado de paz que chegou aos nossos dias, o Tratado de Kadesh, exposto no Museu Arqueológico de Istambul Um tratado de paz é um acordo entre duas partes hostis, geralmente países ou governos, que terminam formalmente um conflito armado.

Novo!!: Fernando II de Leão e Tratado de paz · Veja mais »

Tratado de Sahagún (1170)

O Tratado de Sahagún foi assinado em 1170 em Sahagún, entre Afonso VIII de Castela e Afonso I de Portugal.

Novo!!: Fernando II de Leão e Tratado de Sahagún (1170) · Veja mais »

Trujillo (Espanha)

Trujillo é um município da Espanha na província de Cáceres, comarca de Tierra de Trujillo, comunidade autónoma da Estremadura, de área.

Novo!!: Fernando II de Leão e Trujillo (Espanha) · Veja mais »

Tui

Tui (em galego: Tui) é um município raiano da Espanha que se encontra na comarca do Baixo Minho, província de Pontevedra, comunidade autónoma da Galiza.

Novo!!: Fernando II de Leão e Tui · Veja mais »

Uclés

Uclés é um município da Espanha na província de Cuenca, comunidade autónoma de Castilla-La Mancha, de área 65 km² com população de 257 habitantes (2007) e densidade populacional de 4,45 hab/km².

Novo!!: Fernando II de Leão e Uclés · Veja mais »

Urraca de Portugal, Rainha de Leão

Urraca de Portugal (Coimbra, — Valadolide, foi uma infanta portuguesa e Rainha de Leão. Era filha do Rei Afonso I de Portugal e de sua esposa Mafalda de Saboia.

Novo!!: Fernando II de Leão e Urraca de Portugal, Rainha de Leão · Veja mais »

Urraca I de Leão e Castela

Urraca I de Leão e Castela, chamada de Urraca, A Temerária (Leão, – Saldaña), foi rainha de Castela e Leão e da Galiza, aclamada suo jure como Imperatriz de Todas as Espanhas, título que equivaleria ao de Rainha da Espanha.

Novo!!: Fernando II de Leão e Urraca I de Leão e Castela · Veja mais »

Urraca Lopes de Haro

Urraca Lopes de Haro (Urraca López de Haro; —), era a filha do conde Lope Díaz I de Haro, senhor de Biscaia, e da condessa Aldonça, os fundadores do em 1169.

Novo!!: Fernando II de Leão e Urraca Lopes de Haro · Veja mais »

Valladolid

Valladolid, Valhadolid ou Valhadolide (em) é uma cidade e município da Espanha situada a noroeste da Península Ibérica e capital da província de homónima e da comunidade autónoma de Castela e Leão O município tem de área e em tinha habitantes.

Novo!!: Fernando II de Leão e Valladolid · Veja mais »

1137

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, a sua letra dominical foi C (52 semanas), teve início a uma sexta-feira e terminou também a uma sexta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1137 · Veja mais »

1139

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, a sua letra dominical foi A (52 semanas), teve início a um domingo e terminou também a um domingo.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1139 · Veja mais »

1151

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1151 · Veja mais »

1155

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, a sua letra dominical foi B (52 semanas), teve início a um sábado e terminou também a um sábado.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1155 · Veja mais »

1157

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi F (52 semanas), teve início a uma terça-feira e terminou também a uma terça-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1157 · Veja mais »

1158

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi E (52 semanas), teve início a uma quarta-feira, terminou também a uma quarta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1158 · Veja mais »

1159

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi D (53 semanas), teve início a uma quinta-feira e terminou também a uma quinta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1159 · Veja mais »

1164

---- (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram E e D (53 semanas), teve início a uma quarta-feira e terminou a uma quinta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1164 · Veja mais »

1166

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, a sua letra dominical foi B (52 semanas), teve início a um sábado e terminou também a um sábado.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1166 · Veja mais »

1168

---- (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram G e F (52 semanas), teve início a uma segunda-feira e terminou a uma terça-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1168 · Veja mais »

1169

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi E (52 semanas), teve início a uma quarta-feira, terminou também a uma quarta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1169 · Veja mais »

1170

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi D (53 semanas), teve início a uma quinta-feira e terminou também a uma quinta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1170 · Veja mais »

1171

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, a sua letra dominical foi C (52 semanas), teve início a uma sexta-feira e terminou também a uma sexta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1171 · Veja mais »

1173

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1173 · Veja mais »

1175

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi E (52 semanas), teve início a uma quarta-feira, terminou também a uma quarta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1175 · Veja mais »

1177

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, a sua letra dominical foi B (52 semanas), teve início a um sábado e terminou também a um sábado.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1177 · Veja mais »

1178

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, a sua letra dominical foi A (52 semanas), teve início a um domingo e terminou também a um domingo.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1178 · Veja mais »

1179

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1179 · Veja mais »

1180

---- (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram F e E (52 semanas), teve início a uma terça-feira e terminou a uma quarta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1180 · Veja mais »

1181

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi D (53 semanas), teve início a uma quinta-feira e terminou também a uma quinta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1181 · Veja mais »

1183

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, a sua letra dominical foi B (52 semanas), teve início a um sábado e terminou também a um sábado.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1183 · Veja mais »

1184

---- (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram A e G (52 semanas), teve início a um domingo e terminou a uma segunda-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1184 · Veja mais »

1185

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi F (52 semanas), teve início a uma terça-feira e terminou também a uma terça-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1185 · Veja mais »

1186

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi E (52 semanas), teve início a uma quarta-feira, terminou também a uma quarta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1186 · Veja mais »

1187

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi D (53 semanas), teve início a uma quinta-feira e terminou também a uma quinta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1187 · Veja mais »

1188

---- (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram C e B (52 semanas), teve início a uma sexta-feira e terminou a um sábado.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1188 · Veja mais »

1210

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XI do Calendário Juliano, da Era de Cristo, a sua letra dominical foi C (52 semanas), teve início a uma sexta-feira e terminou também a uma sexta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1210 · Veja mais »

1220

---- 1220 (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XIII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram E e D (53 semanas), teve início a uma quarta-feira e terminou a uma quinta-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1220 · Veja mais »

1230

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XIII do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi F (52 semanas), teve início a uma terça-feira e terminou também a uma terça-feira.

Novo!!: Fernando II de Leão e 1230 · Veja mais »

21 de agosto

Sem descrição

Novo!!: Fernando II de Leão e 21 de agosto · Veja mais »

21 de janeiro

Sem descrição

Novo!!: Fernando II de Leão e 21 de janeiro · Veja mais »

23 de maio

Sem descrição

Novo!!: Fernando II de Leão e 23 de maio · Veja mais »

Redireciona aqui:

Fernando II de Castela.

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »