Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Livre
Acesso mais rápido do que o navegador!
 

Emil Cioran

Índice Emil Cioran

Emil Cioran (Rășinari, 8 de abril de 1911 — Paris, 20 de junho de 1995) foi um escritor e filósofo romeno radicado na França.

35 relações: Albert Camus, Arthur Schopenhauer, Áustria-Hungria, Breviário de Decomposição, Budismo, Ceticismo, Charles Baudelaire, Cinismo, Diógenes de Sinope, Escritor, Fernando Savater, Fiódor Dostoiévski, Filósofo, França, Friedrich Nietzsche, Gallimard, Henri Bergson, Immanuel Kant, Jean-Paul Sartre, Manuel de Freitas, Martin Heidegger, Michel de Montaigne, Niilismo, Paris, Pessimismo, Rășinari, Romênia, Rossano Pecoraro, Søren Kierkegaard, Spengler, Stéphane Mallarmé, 1911, 1995, 20 de junho, 8 de abril.

Albert Camus

Albert Camus ((Mondovi, — Villeblevin) foi um escritor, filósofo, romancista, dramaturgo, jornalista e ensaísta francês nascido na Argélia. Ele também atuou como jornalista militante envolvido na Resistência Francesa, situando-se próximo às correntes libertárias durante as batalhas morais no período pós-guerra. Seu profícuo trabalho inclui peças de teatro, novelas, notícias, filmes, poemas e ensaios onde ele desenvolveu um humanismo baseado na consciência do absurdo da condição humana e na revolta como uma resposta a esse absurdo. Para Camus, essa revolta leva à ação e fornece sentido ao mundo e à existência, e então "Nasce então a estranha alegria que nos ajuda a viver e a morrer". Camus recebeu o Prêmio Nobel de Literatura em 1957.Olivier Truc, « Et Camus obtint enfin le prix Nobel », Le Monde, 28 dezembro 2008. A curta carreira de Camus como jornalista do Combat foi ousada. Atuando como periodista, ele tomou posições incisivas em relação a Guerra de Independência Argelina e ao Partido Comunista Francês. Ao longo de sua carreira, Camus se envolveu em diversas causas sociais, protestando veementemente contra as desigualdades que atingiam os muçulmanos no norte da África, defendendo os exilados espanhóis antifascistas e as vítimas do stalinismo. Ele ainda foi um entusiasmado defensor da objeção de consciência. À margem de outras correntes filosóficas, Camus foi, sobretudo, uma testemunha de seu tempo. Intransigente, recusou qualquer filiação ideológica. Lutou energicamente contra todas as ideologias e abstrações que deturpavam a natureza humana. Dessa maneira ele foi levado a se opor ao existencialismo e ao marxismo, discordando de Sartre e de seus antigos amigos. Camus incorporou uma das mais elevadas consciências morais do século XX; o humanismo de seus escritos foi fundamentado na experiência de alguns dos piores momentos da história. Sua crítica ao totalitarismo soviético lhe rendeu diversas retaliações e culminou na desavença intelectual com seu antigo colega Jean-Paul Sartre..

Novo!!: Emil Cioran e Albert Camus · Veja mais »

Arthur Schopenhauer

Arthur Schopenhauer (Danzig, — Frankfurt) foi um filósofo alemão do século XIX.

Novo!!: Emil Cioran e Arthur Schopenhauer · Veja mais »

Áustria-Hungria

Áustria-Hungria ou Império Austro-Húngaro foi uma união constitucional do Império Austríaco (Reinos e Terras Representados no Conselho Imperial, ou Cisleitânia) e o Reino da Hungria (Terras da Coroa de Santo Estêvão ou Transleitânia) que existiu de 1867 a 1918, quando entrou em colapso após a sua derrota na Primeira Guerra Mundial.

Novo!!: Emil Cioran e Áustria-Hungria · Veja mais »

Breviário de Decomposição

Breviário de Decomposição (Précis de Decomposition) é a primeira obra em francês do filósofo romeno Emil Cioran, publicada em 1949 pela Gallimard, depois de ter sido reescrito por quatro vezes, recebeu, em 1951, o Prêmio Rivarol.

Novo!!: Emil Cioran e Breviário de Decomposição · Veja mais »

Budismo

Budismo (páli/sânscrito: बौद्ध धर्म Buddha Dharma) é uma filosofia ou religião não teísta que surgiu originalmente na Índia por volta do século VI A.C. e abrange diversas tradições, crenças e práticas baseadas nos ensinamentos, o Darma (páli: Dhamma, sânscrito: Dharma), de Siddhartha Gautama, entitulado de Buddha.

Novo!!: Emil Cioran e Budismo · Veja mais »

Ceticismo

Cepticismo ou ceticismo é qualquer atitude de questionamento para o conhecimento, fatos, opiniões ou crenças estabelecidas como fatos.

Novo!!: Emil Cioran e Ceticismo · Veja mais »

Charles Baudelaire

Charles-Pierre Baudelaire (Paris, — Paris) foi um poeta boémio, dandy, flâneur e teórico da arte francesa.

Novo!!: Emil Cioran e Charles Baudelaire · Veja mais »

Cinismo

O cinismo (κυνισμός kynismós, em latim cinicus) foi uma corrente filosófica fundada por Antístenes, discípulo de Sócrates e como tal praticada pelos cínicos (Κυνικοί, latim: Cynici).

Novo!!: Emil Cioran e Cinismo · Veja mais »

Diógenes de Sinope

Diógenes de Sinope (em grego antigo: Διογένης ὁ Σινωπεύς; Sinope, 404 ou Teria morrido em, com a idade de "quase 90 anos", segundo Diógenes Laércio (vi. 76), o que faz com que sua data de nascimento fosse por volta de. Porém Censorino (De die natali, 15.2) afirma que teria morrido com 81 anos, e o Suda precisa a data de seu nascimento durante o período dos Trinta Tiranos, ou seja,. – Corinto, c.), também conhecido como Diógenes, o Cínico, foi um filósofo da Grécia Antiga.

Novo!!: Emil Cioran e Diógenes de Sinope · Veja mais »

Escritor

Machado de Assis, um dos grandes expoentes da literatura brasileira. Escritor é uma pessoa que utiliza palavras escritas, com várias técnicas e uso de vários estilos, para comunicar ou passar ideias.

Novo!!: Emil Cioran e Escritor · Veja mais »

Fernando Savater

Fernando Fernández-Savater Martín (São Sebastião, 21 de Junho de 1947) é um escritor e professor de filosofia espanhol, catedrático de Ética na Universidade do País Basco.

Novo!!: Emil Cioran e Fernando Savater · Veja mais »

Fiódor Dostoiévski

Fiódor Mikhailovitch Dostoiévski; AFI:.

Novo!!: Emil Cioran e Fiódor Dostoiévski · Veja mais »

Filósofo

Um filósofo é alguém que pratica a filosofia, a qual envolve investigação racional, em áreas que estão fora da teologia ou da ciência.

Novo!!: Emil Cioran e Filósofo · Veja mais »

França

França (France; 10px ouça), oficialmente República Francesa (République française) é um país, ou, mais especificamente, um Estado unitário desconcentrado, localizado na Europa Ocidental, com várias ilhas e territórios ultramarinos noutros continentes.

Novo!!: Emil Cioran e França · Veja mais »

Friedrich Nietzsche

Friedrich Wilhelm Nietzsche (Röcken, Reino da Prússia, — Weimar, Império Alemão) foi um filósofo, filólogo, crítico cultural, poeta e compositor prussiano do século XIX, nascido na atual Alemanha.

Novo!!: Emil Cioran e Friedrich Nietzsche · Veja mais »

Gallimard

Éditions Gallimard é um prestigioso grupo editorial francês, fundado em 1919 a partir da revista literária Nouvelle Revue Française.

Novo!!: Emil Cioran e Gallimard · Veja mais »

Henri Bergson

Henri Bergson (Paris, — Paris) foi um filósofo e diplomata francês.

Novo!!: Emil Cioran e Henri Bergson · Veja mais »

Immanuel Kant

Immanuel Kant (Königsberg, 22 de abril de 1724 — Königsberg, 12 de fevereiro de 1804) foi um filósofo prussiano.

Novo!!: Emil Cioran e Immanuel Kant · Veja mais »

Jean-Paul Sartre

Jean-Paul Charles Aymard Sartre (Paris, — Paris) foi um filósofo, escritor e crítico francês, conhecido como representante do existencialismo.

Novo!!: Emil Cioran e Jean-Paul Sartre · Veja mais »

Manuel de Freitas

Manuel de Freitas (Vale de Santarém, Portugal, 1972) é um poeta, editor e crítico literário português.

Novo!!: Emil Cioran e Manuel de Freitas · Veja mais »

Martin Heidegger

Martin Heidegger (Meßkirch, 26 de setembro de 1889 – Friburgo em Brisgóvia, 26 de maio de 1976) foi um filósofo, escritor, professor universitário e reitor alemão.

Novo!!: Emil Cioran e Martin Heidegger · Veja mais »

Michel de Montaigne

Michel Eyquem de Montaigne (Castelo de Montaigne, — Castelo de Montaigne) foi um jurista, político, filósofo, escritor, cético e humanista francês, considerado como o inventor do ensaio pessoal.

Novo!!: Emil Cioran e Michel de Montaigne · Veja mais »

Niilismo

Quadro ''A Niilista'', de Paul Merwart (1882) Niilismo (do latim nihil, nada) é uma doutrina filosófica que atinge as mais variadas esferas do mundo contemporâneo (literatura, arte, ciências humanas, teorias sociais, ética e moral) cuja principal característica é uma visão cética radical em relação às interpretações da realidade, que aniquila valores e convicções.

Novo!!: Emil Cioran e Niilismo · Veja mais »

Paris

Paris é a capital e a mais populosa cidade da França, bem como a capital da região administrativa de Ilha de França.

Novo!!: Emil Cioran e Paris · Veja mais »

Pessimismo

O pessimismo é um estado de espírito contrário ao otimismo, que se caracteriza por ver as coisas sempre pelo lado negativo.

Novo!!: Emil Cioran e Pessimismo · Veja mais »

Rășinari

Rășinari é uma comuna romena localizada no distrito de Sibiu, na região histórica da Transilvânia.

Novo!!: Emil Cioran e Rășinari · Veja mais »

Romênia

(România) é uma república unitária semipresidencialista localizada no centro-sudeste da Europa, no norte da península dos Bálcãs e na costa ocidental do mar Negro.

Novo!!: Emil Cioran e Romênia · Veja mais »

Rossano Pecoraro

Rossano Pecoraro (Salerno, Itália, 5 de julho de 1971) historiador da filosofia e filósofo ítalo-brasileiro.

Novo!!: Emil Cioran e Rossano Pecoraro · Veja mais »

Søren Kierkegaard

Søren Aabye Kierkegaard (/Dinamarquês:; 5 de maio de 1813 - 11 de novembro de 1855) foi um filósofo dinamarquês, teólogo, poeta, crítico social, e autor religioso que é amplamente considerado o primeiro filósofo existencialista.

Novo!!: Emil Cioran e Søren Kierkegaard · Veja mais »

Spengler

Spengler.

Novo!!: Emil Cioran e Spengler · Veja mais »

Stéphane Mallarmé

Stéphane Mallarmé, cujo verdadeiro nome era Étienne Mallarmé, (Paris, 18 de Março de 1842 - Valvins, comuna de Vulaines-sur-Seine, Seine-et-Marne, 9 de Setembro de 1898) foi um poeta e crítico literário francês.

Novo!!: Emil Cioran e Stéphane Mallarmé · Veja mais »

1911

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XX do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi A (52 semanas), teve início a um domingo e terminou também a um domingo.

Novo!!: Emil Cioran e 1911 · Veja mais »

1995

Sem descrição

Novo!!: Emil Cioran e 1995 · Veja mais »

20 de junho

Sem descrição

Novo!!: Emil Cioran e 20 de junho · Veja mais »

8 de abril

1820: Descoberta da Vênus de Milo na ilha de Milos.

Novo!!: Emil Cioran e 8 de abril · Veja mais »

Redireciona aqui:

Emil Mihai Cioran, Emil cioran, Emile Cioran, Emile cioran.

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »