Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Livre
Acesso mais rápido do que o navegador!
 

Armada Espanhola

Índice Armada Espanhola

A Armada Espanhola (em espanhol: Armada Española) é o ramo naval das Forças Armadas da Espanha, uma das mais antigas forças navais ativas do mundo.

55 relações: Almirante, América, Baleares, Canárias, Caravela, Catalunha, Cádis, Classe Álvaro de Bazán, Classe Descubierta, Classe Galicia, Colonização espanhola da América, Cristóvão Colombo, Dinamarca, Ducado de Atenas, Era dos Descobrimentos, Espanha, Extremo Oriente, Forças Armadas da Espanha, Fragata, Frota da prata, Galeão de Manila, Guerra da Sucessão Espanhola, Guerra dos Cem Anos, Henrique III de Castela, Idade Média, Império Espanhol, Jean de Bettencourt, Língua castelhana, Madrid, Mar Mediterrâneo, Marinha, Mezzogiorno, Mouros, Nau, Navio de assalto anfíbio, Navio de guerra de minas, Oceano Pacífico, Portugal, Quartel Geral da Armada Espanhola, Reconquista, Reino de Aragão, Reino de Castela, República de Gênova, República de Veneza, Sardenha, Século XIII, Século XIV, Século XV, Século XVI, Século XVII, ..., Século XVIII, Sicília, Submarino, Urdaneta, 16 de julho. Expandir índice (5 mais) »

Almirante

Almirante (derivado do árabe: amir-al-bahr أمير البحر, "comandante do mar, que significa chefe de um conjunto de navios") é a designação genérica da mais alta patente de oficial general nas forças navais de muitos países.

Novo!!: Armada Espanhola e Almirante · Veja mais »

América

América (algumas vezes usado o termo Américas) (Amërika, América, Amérique, Amérika, Americas, Amerika, Amirika) é o continente localizado no hemisfério ocidental e que se estende, no sentido norte-sul, desde o oceano Ártico até o cabo Horn, ao longo de cerca de 15 mil quilômetros.

Novo!!: Armada Espanhola e América · Veja mais »

Baleares

As Ilhas Baleares (em catalão e oficialmente Illes Balears) são um arquipélago do Mediterrâneo ocidental, uma província e comunidade autónoma espanhola.

Novo!!: Armada Espanhola e Baleares · Veja mais »

Canárias

As Ilhas Canárias são um arquipélago espanhol no Oceano Atlântico, ao largo de Marrocos, constituindo uma Região Autónoma do Reino da Espanha.

Novo!!: Armada Espanhola e Canárias · Veja mais »

Caravela

A caravela é um tipo de embarcação usada pelos portugueses durante a Era dos Descobrimentos, nos séculos XV e XVI.

Novo!!: Armada Espanhola e Caravela · Veja mais »

Catalunha

Catalunha (Catalunya, Catalonha, Cataluña) é uma comunidade autônoma da Espanha localizada na extremidade leste da Península Ibérica.

Novo!!: Armada Espanhola e Catalunha · Veja mais »

Cádis

O palácio de Cádis Cádis Cádiz é uma cidade no sul de Espanha, banhada pelo Oceano Atlântico.

Novo!!: Armada Espanhola e Cádis · Veja mais »

Classe Álvaro de Bazán

A Classe Álvaro de Bazán, é uma classe de fragatas de defesa aérea da Marinha da Espanha.

Novo!!: Armada Espanhola e Classe Álvaro de Bazán · Veja mais »

Classe Descubierta

A classe Descubierta é um tipo de corveta de origem espanhola ao serviço das marinhas de Espanha, Egipto e Marrocos.

Novo!!: Armada Espanhola e Classe Descubierta · Veja mais »

Classe Galicia

A classe Galicia é uma classe de navio de assalto anfíbio da Armada Espanhola.

Novo!!: Armada Espanhola e Classe Galicia · Veja mais »

Colonização espanhola da América

A colonização espanhola na América começou com a chegada de Cristóvão Colombo às Antilhas em 1492.

Novo!!: Armada Espanhola e Colonização espanhola da América · Veja mais »

Cristóvão Colombo

Cristóvão de Colombo (Génova, entre 22 de agosto e 31 de outubro de 1451 — Valladolid, 20 de Maio de 1506) foi um navegador e explorador italiano, responsável por liderar a frota que alcançou o continente americano em 12 de Outubro de 1492, sob as ordens dos Reis Católicos de Espanha, no chamado descobrimento da América.

Novo!!: Armada Espanhola e Cristóvão Colombo · Veja mais »

Dinamarca

Dinamarca (em dinamarquês: Danmark), oficialmente Reino da Dinamarca, é um país nórdico da Europa setentrional e membro sênior do Reino da Dinamarca.

Novo!!: Armada Espanhola e Dinamarca · Veja mais »

Ducado de Atenas

O Ducado de Atenas foi um dos estados cruzados fundados na Grécia depois da tomada de Constantinopla no decurso da Quarta Cruzada em 1204.

Novo!!: Armada Espanhola e Ducado de Atenas · Veja mais »

Era dos Descobrimentos

Era dos descobrimentos (ou das Grandes Navegações) é a designação dada ao período da história que decorreu entre o e o início do, durante o qual, inicialmente, portugueses, depois espanhóis e, posteriormente, alguns países europeus exploraram intensivamente o globo terrestre em busca de novas rotas de comércio.

Novo!!: Armada Espanhola e Era dos Descobrimentos · Veja mais »

Espanha

Espanha (España), também conhecido como Reino de/da Espanha Reino de España é um país situado na Europa meridional, na Península Ibérica.

Novo!!: Armada Espanhola e Espanha · Veja mais »

Extremo Oriente

O Extremo Oriente é uma sub-região da Ásia essencialmente coincidente com o Leste da Ásia ou Ásia Oriental.

Novo!!: Armada Espanhola e Extremo Oriente · Veja mais »

Forças Armadas da Espanha

As Forças Armadas de Espanha são uma organização de caráter oficial encarregada da defesa nacional, assim como de garantir a soberania e independência da Espanha, defender a sua integridade territorial e a ordem constitucional.

Novo!!: Armada Espanhola e Forças Armadas da Espanha · Veja mais »

Fragata

Fragata é um tipo de navio de guerra.

Novo!!: Armada Espanhola e Fragata · Veja mais »

Frota da prata

A frota da prata ou frota das Índias (em espanhol: flota de Indias), popularmente denominada frota espanhola da prata foi um transporte marítimo anual de diversos metais (ouro e prata), pedras preciosas, especiarias (seda), bens agrícolas (tabaco) e outros produtos exóticos das colônias espanholas à Espanha.

Novo!!: Armada Espanhola e Frota da prata · Veja mais »

Galeão de Manila

Galeão espanhol. Os galeões de Manila eram navios comerciais espanhois que atravessavam o oceano Pacífico, uma ou duas vezes por ano, navegando entre Manila nas Filipinas e Acapulco no México, então Vice-Reino da Nova Espanha.

Novo!!: Armada Espanhola e Galeão de Manila · Veja mais »

Guerra da Sucessão Espanhola

A Guerra da Sucessão Espanhola disputou-se entre 1701 e 1714, pelo direito de sucessão da coroa espanhola, depois da morte do último monarca da Casa de Habsburgo, Carlos II de Espanha, sem deixar herdeiros da rainha Maria Luísa d'Orleães, a qual pertencia à família real francesa.

Novo!!: Armada Espanhola e Guerra da Sucessão Espanhola · Veja mais »

Guerra dos Cem Anos

Guerra dos Cem Anos foi uma série de conflitos travados de 1337 a 1453 pela Casa Plantageneta, governantes do Reino da Inglaterra, contra a Casa de Valois, governantes do Reino da França, sobre a sucessão do trono francês.

Novo!!: Armada Espanhola e Guerra dos Cem Anos · Veja mais »

Henrique III de Castela

Henrique III de Castela, o Enfermiço (Burgos, 4 de Agosto de 1379 — Toledo, 25 de Dezembro de 1406) foi rei de Castela e Leão desde 1390 até à sua morte.

Novo!!: Armada Espanhola e Henrique III de Castela · Veja mais »

Idade Média

p.

Novo!!: Armada Espanhola e Idade Média · Veja mais »

Império Espanhol

É denominado Império Espanhol o conjunto de territórios conquistados, herdados e reclamados pela Espanha ou pelas dinastias reinantes na Espanha, entre os séculos XVI e XX, abrangendo países agora independentes na Europa, Américas, África, Ásia e Oceania; ainda que em alguns deles, tais como as grandes pradarias da América do Norte ou a mais ao sul da América do Sul, a presença estável espanhola foi muitas vezes mais teórica que real.

Novo!!: Armada Espanhola e Império Espanhol · Veja mais »

Jean de Bettencourt

XVI). Jean de Bettencourt (Héricourt-en-Caux, Grainville-la-Teinturière, Ducado da Normandia, 1362 - † 1425), também conhecido por Jean de Béthencourt, Jean de Ventancorto ou João de Bentancour, foi um fidalgo normando e iniciador da conquista cristã das Canárias.

Novo!!: Armada Espanhola e Jean de Bettencourt · Veja mais »

Língua castelhana

O castelhano (castellano) ou espanhol (español) é uma língua românica ocidental do grupo ibero-românico que evoluiu a partir de vários dialetos do latim falados no centro-norte da Península Ibérica por volta do século IX.

Novo!!: Armada Espanhola e Língua castelhana · Veja mais »

Madrid

Madrid ou Madri (apenas em português brasileiro) (Madrid) é a capital e a maior cidade da Espanha.

Novo!!: Armada Espanhola e Madrid · Veja mais »

Mar Mediterrâneo

O mar Mediterrâneo é um mar entre a Europa e a África, tendo abertura e comunicação direta com o Atlântico através do estreito de Gibraltar e o Oriente Médio como limite oriental.

Novo!!: Armada Espanhola e Mar Mediterrâneo · Veja mais »

Marinha

A marinha é o conjunto das organizações e dos meios (pessoal, equipamentos, infraestruturas e outros recursos) dedicados às atividades marítimas, sobre tempo de guerra ou paz.

Novo!!: Armada Espanhola e Marinha · Veja mais »

Mezzogiorno

O termo Mezzogiorno (literalmente meio-dia em italiano) indica, para fins sociais, econômicos e políticos, o sul da Itália.

Novo!!: Armada Espanhola e Mezzogiorno · Veja mais »

Mouros

"Mouriscos do Reino de Granada, passeando pelo campo com mulher e criança". Desenho de Christoph Weiditz (1529) Mouros, mauritanos, mauros ou sarracenos são considerados, originalmente, os povos oriundos do Norte de África, praticantes do Islão, nomeadamente Marrocos, Argélia, Mauritânia e Saara Ocidental, invasores da região da Península Ibérica, Sicília, Malta e parte de França, durante a Idade Média.

Novo!!: Armada Espanhola e Mouros · Veja mais »

Nau

Santa Maria'', o maior dos navios comandados por Cristóvão Colombo em 1492, no porto do Funchal Nau é denominação genérica dada a navios de grande porte com capacidade de 200 pessoas, até o usados em viagens de grande percurso.

Novo!!: Armada Espanhola e Nau · Veja mais »

Navio de assalto anfíbio

Navios de assalto anfíbio são uma gama de classes de navios de combate empregadas no desembarque e apoio a forças terrestres através de um assalto anfíbio ao território inimigo.

Novo!!: Armada Espanhola e Navio de assalto anfíbio · Veja mais »

Navio de guerra de minas

Com a utilização de minas na guerra naval, a partir de finais do século XIX, foram criados diversos tipos de Navios de Guerra de Minas.

Novo!!: Armada Espanhola e Navio de guerra de minas · Veja mais »

Oceano Pacífico

O oceano Pacífico é o maior oceano da Terra, situado entre a América, a leste, a Ásia e a Austrália, a oeste, e a Antártida, ao sul.

Novo!!: Armada Espanhola e Oceano Pacífico · Veja mais »

Portugal

Portugal, oficialmente República Portuguesa, é um país soberano unitário localizado no sudoeste da Europa, cujo território se situa na zona ocidental da Península Ibérica e em arquipélagos no Atlântico Norte. O território português tem uma área total de, sendo delimitado a norte e leste por Espanha e a sul e oeste pelo oceano Atlântico, compreendendo uma parte continental e duas regiões autónomas: os arquipélagos dos Açores e da Madeira. Portugal é a nação mais a ocidente do continente europeu. O nome do país provém da sua segunda maior cidade, Porto, cujo nome latino-celta era Portus Cale. O território dentro das fronteiras atuais da República Portuguesa tem sido continuamente povoado desde os tempos pré-históricos: ocupado por celtas, como os galaicos e os lusitanos, foi integrado na República Romana e mais tarde colonizado por povos germânicos, como os suevos e os visigodos. No século VIII, as terras foram conquistadas pelos mouros. Durante a Reconquista cristã foi formado o Condado Portucalense,  estabelecido no século XI por Vímara Peres, um vassalo do rei das Astúrias. O condado tornou-se parte do Reino de León em 1097, e os condes de Portugal estabeleceram-se como governantes independentes do reino no século XII, após a batalha de São Mamede. Com o estabelecimento do Reino de Portugal em 1139, cuja independência foi reconhecida em 1143. Em 1297 foram definidas as fronteiras no tratado de Alcanizes, tornando Portugal no mais antigo Estado-nação da Europa. Nos séculos XV e XVI, como resultado de pioneirismo na Era dos Descobrimentos (ver: descobrimentos portugueses), Portugal expandiu a influência ocidental e estabeleceu um império que incluía possessões na África, Ásia, Oceânia e América do Sul, tornando-se a potência económica, política e militar mais importante de todo o mundo. O Império Português foi o primeiro império global da História e também o mais duradouro dos impérios coloniais europeus, abrangendo quase 600 anos de existência, desde a conquista de Ceuta em 1415, até à transferência de soberania de Macau para a China em 1999. No entanto, a importância internacional do país foi bastante reduzida durante o século XIX, especialmente após a independência do Brasil, a sua maior colónia. Com a Revolução de 1910, a monarquia terminou, tendo desde 1139 até 1910, 34 monarcas. A Primeira República Portuguesa foi muito instável, devido ao elevado parlamentarismo. O regime deu lugar à ditadura militar devido a um levantamento em 28 de maio de 1926. Em 1933, um novo regime autoritário, o Estado Novo, presidido por Salazar até 1968, geriu o país até 25 de abril de 1974. A democracia representativa foi instaurada após a Revolução dos Cravos, em 1974, que terminou a Guerra Colonial Portuguesa. As províncias ultramarinas de Portugal tornaram-se independentes, sendo as mais proeminentes Angola e Moçambique. Portugal é um país desenvolvido, com um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) considerado como muito elevado. O país foi classificado na 19.ª posição em qualidade de vida (em 2005), tem um dos melhores sistemas de saúde do planeta e é, também, uma das nações mais globalizadas e pacíficas do mundo. É membro da Organização das Nações Unidas (ONU), da União Europeia (incluindo a Zona Euro e o Espaço Schengen), da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO), da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Portugal também participa em diversas missões de manutenção de paz das Nações Unidas.

Novo!!: Armada Espanhola e Portugal · Veja mais »

Quartel Geral da Armada Espanhola

O Quartel Geral da Armada é um conjunto de órgãos com a finalidade de auxiliar ao Almirante Chefe do Estado Maior no exercício de comando da Armada Espanhola.

Novo!!: Armada Espanhola e Quartel Geral da Armada Espanhola · Veja mais »

Reconquista

Reconquista é o processo histórico em que os reinos cristãos da Península Ibérica procuraram dominar a região durante o período do Alandalus.

Novo!!: Armada Espanhola e Reconquista · Veja mais »

Reino de Aragão

O Reino de Aragão (em aragonês: Reino d'Aragón) foi um dos reinos cristãos que nasceram na Península Ibérica durante a Reconquista.

Novo!!: Armada Espanhola e Reino de Aragão · Veja mais »

Reino de Castela

O Reino de Castela foi um dos antigos reinos da Península Ibérica formados durante a Reconquista.

Novo!!: Armada Espanhola e Reino de Castela · Veja mais »

República de Gênova

A República de GênovaPB ou GénovaPE (mais precisamente Sereníssima República de Gênova) foi um Estado independente situado na Ligúria, no noroeste da Península Itálica.

Novo!!: Armada Espanhola e República de Gênova · Veja mais »

República de Veneza

A Sereníssima República de Veneza (em vêneto: Serenìsima Repùblica Vèneta e em italiano Serenissima Repubblica di Venezia) foi um Estado no nordeste da península Itálica, com capital na cidade de Veneza.

Novo!!: Armada Espanhola e República de Veneza · Veja mais »

Sardenha

A Sardenha (Sardegna) é uma ilha do mar Mediterrâneo ocidental e uma região autónoma da Itália insular, com uma área de e capital em Cálhari.

Novo!!: Armada Espanhola e Sardenha · Veja mais »

Século XIII

Sem descrição

Novo!!: Armada Espanhola e Século XIII · Veja mais »

Século XIV

Sem descrição

Novo!!: Armada Espanhola e Século XIV · Veja mais »

Século XV

O Século XV foi o século do calendário Juliano de 1401 até 1500.

Novo!!: Armada Espanhola e Século XV · Veja mais »

Século XVI

O Século XVI começou no calendário Juliano no ano 1501 e terminou no calendário Juliano e Gregoriano no ano 1600.

Novo!!: Armada Espanhola e Século XVI · Veja mais »

Século XVII

O século XVII durou de 1601 a 1700 no Calendário Gregoriano.

Novo!!: Armada Espanhola e Século XVII · Veja mais »

Século XVIII

O século XVIII iniciou no dia 1 de Janeiro de 1701 e acabou no dia 31 de Dezembro de 1800, segundo o Calendário gregoriano.

Novo!!: Armada Espanhola e Século XVIII · Veja mais »

Sicília

A Sicília (em italiano e siciliano Sicilia) é uma região autônoma com estatuto especial da Itália meridional com 25 710 km² e 5 milhões de habitantes, cuja capital é Palermo, que com 660 mil habitantes, é a quinta maior cidade italiana.

Novo!!: Armada Espanhola e Sicília · Veja mais »

Submarino

SSBM classe Ohio convertido para SSGN. Submarino é uma embarcação especializada para operar submersa, tendo sido largamente usada pela primeira vez na Primeira Guerra Mundial, sendo empregada por todas as grandes marinhas atualmente.

Novo!!: Armada Espanhola e Submarino · Veja mais »

Urdaneta

Sem descrição

Novo!!: Armada Espanhola e Urdaneta · Veja mais »

16 de julho

Sem descrição

Novo!!: Armada Espanhola e 16 de julho · Veja mais »

Redireciona aqui:

Armada Español, Armada Española, Armada da Espanha, Armada de Espanha, Armada espanhola, Marinha Espanhola, Marinha da Espanha, Marinha da espanha, Marinha espanhola.

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »