Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Livre
Acesso mais rápido do que o navegador!
 

António Caetano de Sousa

António Caetano de Sousa (Lisboa, 30 de Maio de 1674 — Lisboa, 5 de Julho de 1759) foi um escritor, bibliógrafo e genealogista português que pertenceu ao grupo inicial de académicos da Academia Real de História Portuguesa.

35 relações: Academia Real da História Portuguesa, Amesterdão, Bibliografia, Bula da Cruzada, Ceuta, Genealogia, Hagiológio, João V de Portugal, Jorge Cardoso, Lisboa, Literatura, Lovaina, Porto, Portugal, São Nicolau (Porto), Sismo de Lisboa de 1755, Tânger, Teatinos, 1674, 1690, 1691, 1708, 1720, 1723, 1725, 1735, 1739, 1742, 1748, 1749, 1755, 1759, 25 de janeiro, 30 de maio, 5 de julho.

Academia Real da História Portuguesa

Gravura de Vieira Lusitano alusiva à criação da Academia Real de História Portuguesa. A Academia Real da História Portuguesa (1720 – 1776) foi uma instituição académica portuguesa fundada por decreto de 8 de Dezembro de 1720 do rei D. João V de Portugal.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Academia Real da História Portuguesa · Veja mais »

Amesterdão

(Amsterdam) é a capital e a cidade mais populosa do Reino dos Países Baixos.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Amesterdão · Veja mais »

Ano-novo

Ano-novo ou ano-bom é o momento em que um novo ano civil começa e um novo calendário anual é iniciado.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Ano-novo · Veja mais »

Bibliografia

Bibliografia é a fonte de onde se retira uma determinada informação que está especializada na pesquisa de textos impressos ou multigrafados para indicá-los, descrevê-lo e classifica-los com a finalidade de estabelecer instrumentos (de busca) e organizar serviços apropriados a facilitar o trabalho intelectual.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Bibliografia · Veja mais »

Bula da Cruzada

Bula da Cruzada, ou Bula da Santa Cruzada, foi a designação dada às sucessivas concessões de indulgências aos fiéis da Igreja Católica em Portugal e suas possessões que contribuíssem com os seus bens para fins considerados como de interesse para a expansão do Catolicismo.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Bula da Cruzada · Veja mais »

Ceuta

Mapa de Ceuta Ceuta é uma cidade autónoma de Espanha situada na margem africana da desembocadura oriental do estreito de Gibraltar, na pequena península de Almina, em frente a Algeciras e ao território britânico de Gibraltar, situadas no lado oposto do estreito.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Ceuta · Veja mais »

Genealogia

A genealogia é uma ciência auxiliar da história que estuda a origem, evolução e disseminação das famílias e respectivos sobrenomes ou apelidos.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Genealogia · Veja mais »

Hagiológio

Hagiológio é o nome que se dá à descrição, estudo e tratado sobre a vida dos santos, no cristianismo, ciência também conhecida como hagiologia.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Hagiológio · Veja mais »

João V de Portugal

João V (Lisboa, – Lisboa), apelidado de "o Magnânimo", foi Rei de Portugal e Algarves de 1706 até sua morte.

Novo!!: António Caetano de Sousa e João V de Portugal · Veja mais »

Jorge Cardoso

* Jorge Cardoso (presbítero) (1606-1669) — presbítero, historiador e hagiógrafo português.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Jorge Cardoso · Veja mais »

Lisboa

Lisboa GCTE é a capital de Portugal e a cidade mais populosa do país.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Lisboa · Veja mais »

Literatura

A Literatura é a técnica de compor e expor textos escritos, em prosa ou em verso, de acordo com princípios teóricos e práticos; o exercício dessa técnica ou da eloquência e poesia.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Literatura · Veja mais »

Lovaina

Lovaina ou, mais raramente, Lovânia (em neerlandês Leuven, em francês Louvain, em alemão Löwen) é uma cidade e um município da Bélgica localizado no distrito que leva o seu mesmo nome, parte da província de Brabante Flamengo, região da Flandres.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Lovaina · Veja mais »

Natal

Natal ou Dia de Natal é um feriado e festival religioso cristão comemorado anualmente em 25 de dezembro (nos países eslavos e ortodoxos, cujos calendários eram baseados no calendário juliano, o Natal é comemorado no dia 7 de janeiro).

Novo!!: António Caetano de Sousa e Natal · Veja mais »

Porto

Porto OTE é a segunda cidade e o quarto município mais populoso de Portugal, situada no noroeste do país e capital da Área Metropolitana do Porto (NUTS III e área metropolitana), da região Norte (NUTS II) e do Distrito do Porto.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Porto · Veja mais »

Portugal

Portugal, oficialmente República Portuguesa, é um país soberano unitário localizado no sudoeste da Europa, cujo território se situa na zona ocidental da Península Ibérica e em arquipélagos no Atlântico Norte. O território português tem uma área total de, sendo delimitado a norte e leste por Espanha e a sul e oeste pelo oceano Atlântico, compreendendo uma parte continental e duas regiões autónomas: os arquipélagos dos Açores e da Madeira. Portugal é a nação mais a ocidente do continente europeu. O nome do país provém da sua segunda maior cidade, Porto, cujo nome latino-celta era Portus Cale. O território dentro das fronteiras atuais da República Portuguesa tem sido continuamente povoado desde os tempos pré-históricos: ocupado por celtas, como os galaicos e os lusitanos, foi integrado na República Romana e mais tarde colonizado por povos germânicos, como os suevos e os visigodos. No século VIII, as terras foram conquistadas pelos mouros. Durante a Reconquista cristã foi formado o Condado Portucalense,  estabelecido no século XI por Vímara Peres, um vassalo do rei das Astúrias. O condado tornou-se parte do Reino de León em 1097, e os condes de Portugal estabeleceram-se como governantes independentes do reino no século XII, após a batalha de São Mamede. Com o estabelecimento do Reino de Portugal em 1139, cuja independência foi reconhecida em 1143. Em 1297 foram definidas as fronteiras no tratado de Alcanizes, tornando Portugal no mais antigo Estado-nação da Europa. Nos séculos XV e XVI, como resultado de pioneirismo na Era dos Descobrimentos (ver: descobrimentos portugueses), Portugal expandiu a influência ocidental e estabeleceu um império que incluía possessões na África, Ásia, Oceânia e América do Sul, tornando-se a potência económica, política e militar mais importante de todo o mundo. O Império Português foi o primeiro império global da História e também o mais duradouro dos impérios coloniais europeus, abrangendo quase 600 anos de existência, desde a conquista de Ceuta em 1415, até à transferência de soberania de Macau para a China em 1999. No entanto, a importância internacional do país foi bastante reduzida durante o século XIX, especialmente após a independência do Brasil, a sua maior colónia. Com a Revolução de 1910, a monarquia terminou, tendo desde 1139 até 1910, 34 monarcas. A Primeira República Portuguesa foi muito instável, devido ao elevado parlamentarismo. O regime deu lugar à ditadura militar devido a um levantamento em 28 de maio de 1926. Em 1933, um novo regime autoritário, o Estado Novo, presidido por Salazar até 1968, geriu o país até 25 de abril de 1974. A democracia representativa foi instaurada após a Revolução dos Cravos, em 1974, que terminou a Guerra Colonial Portuguesa. As províncias ultramarinas de Portugal tornaram-se independentes, sendo as mais proeminentes Angola e Moçambique. Portugal é um país desenvolvido, com um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) considerado como muito elevado. O país foi classificado na 19.ª posição em qualidade de vida (em 2005), tem um dos melhores sistemas de saúde do planeta e é, também, uma das nações mais globalizadas e pacíficas do mundo. É membro da Organização das Nações Unidas (ONU), da União Europeia (incluindo a Zona Euro e o Espaço Schengen), da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO), da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Portugal também participa em diversas missões de manutenção de paz das Nações Unidas.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Portugal · Veja mais »

São Nicolau (Porto)

São Nicolau é uma antiga freguesia portuguesa do concelho do Porto que, pela Lei n.º 11-A/2013 de 28 de janeiro, foi integrada na União das Freguesias de Cedofeita, Santo Ildefonso, Sé, Miragaia, São Nicolau e Vitória.

Novo!!: António Caetano de Sousa e São Nicolau (Porto) · Veja mais »

Sismo de Lisboa de 1755

O Sismo de 1755, também conhecido por Terramoto de 1755, ocorreu no dia 1 de novembro de 1755, resultando na destruição quase completa da cidade de Lisboa, especialmente na zona da Baixa, e atingindo ainda grande parte do litoral do Algarve e Setúbal.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Sismo de Lisboa de 1755 · Veja mais »

Tânger

Vista noturna da cidade a partir da zona hoteleira no lado oriental da praia, com o porto e a parte antiga ao fundo Tânger (Tangier; em e: Tingis) é uma cidade do norte de Marrocos, capital da prefeitura de Tânger-Arzila e da região de Tânger-Tetuão.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Tânger · Veja mais »

Teatinos

A Ordem dos Clérigos Regulares ou Teatinos (Latim: Ordo Clericorum Regularium vulgo Theatinorum), também designada no Brasil Ordem de São Caetano, é uma ordem religiosa masculina católica fundada no dia 14 de setembro de 1524 por Caetano de Thiene, Bonifácio de Colli, Paulo Consiglieri e João Pedro Carafa, bispo de Chiete (nome latino: Theate), de que provém o gentílico teatino.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Teatinos · Veja mais »

Véspera de Ano-Novo

A Véspera de Ano-Novo, também chamada de réveillon, virada de ano, ou passagem de ano refere-se ao dia 31 de dezembro, precedente ao Dia de Ano-Novo nos países que seguem o calendário gregoriano.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Véspera de Ano-Novo · Veja mais »

Véspera de Natal

Véspera de Natal refere-se à noite ou todo dia que precede o dia de Natal, um festival que comemora o nascimento de Jesus de Nazaré.

Novo!!: António Caetano de Sousa e Véspera de Natal · Veja mais »

1674

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XVII do Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1674 · Veja mais »

1690

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XVII do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi A (52 semanas), teve início a um domingo e terminou também a um domingo.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1690 · Veja mais »

1691

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XVII do Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1691 · Veja mais »

1708

---- (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XVIII do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram A e G (52 semanas), teve início a um domingo e terminou a uma segunda-feira.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1708 · Veja mais »

1720

---- (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XVI do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram G e F (52 semanas), teve início a uma segunda-feira e terminou a uma terça-feira.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1720 · Veja mais »

1723

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XVIII do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi C, teve 52 semanas, início a uma sexta-feira e terminou também a uma sexta-feira.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1723 · Veja mais »

1725

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XVIII do Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1725 · Veja mais »

1735

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XVIII do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi B (52 semanas), teve início a um sábado e terminou também a um sábado.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1735 · Veja mais »

1739

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XVIII do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi D (53 semanas), teve início a uma quinta-feira e terminou também a uma quinta-feira.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1739 · Veja mais »

1742

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XVIII do Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1742 · Veja mais »

1748

1748 (MDCCXLVIII, na numeração romana) foi um ano bissexto do calendário gregoriano, com 366 dias e as suas letras dominicais foram G e F, teve início numa segunda-feira e terminou numa terça-feira.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1748 · Veja mais »

1749

---- 1749 (na numeração romana) foi um ano comum do século XVIII do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi E (52 semanas), teve início a uma quarta-feira e terminou também a uma quarta-feira.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1749 · Veja mais »

1755

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XVIII do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi E (52 semanas), teve início a uma quarta-feira e terminou também a uma quarta-feira.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1755 · Veja mais »

1759

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XVIII do Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 1759 · Veja mais »

25 de janeiro

Protestos no Cairo durante a Revolução Egípcia de 2011.

Novo!!: António Caetano de Sousa e 25 de janeiro · Veja mais »

30 de maio

Sem descrição

Novo!!: António Caetano de Sousa e 30 de maio · Veja mais »

5 de julho

Sem descrição

Novo!!: António Caetano de Sousa e 5 de julho · Veja mais »

Redireciona aqui:

António caetano de sousa, D. António Caetano de Sousa.

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »