Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Livre
Acesso mais rápido do que o navegador!
 

Afonso I, Duque de Bragança

Afonso de Portugal, depois Afonso I de Bragança (Veiros - Estremoz, 10 de agosto de 1377 - Chaves, 15 de dezembro de 1461) foi o 8º conde de Barcelos, 2º conde de Neiva e o 1º Duque de Bragança.

60 relações: Afonso de Bragança, Marquês de Valença, Afonso Henriques, conde de Gijón e Noronha, Alentejo, África, Batalha de Alfarrobeira, Beatriz Pereira de Alvim, Chaves (Portugal), Conde de Neiva, Conde de Ourém, Conquista de Ceuta, Constança de Noronha, Dinastia de Avis, Dom (título), Duarte I de Portugal, Duque de Barcelos, Duque de Bragança, Duque de Coimbra, Duque de Viseu, Entre Douro e Minho, Estremadura, Fernando I, Duque de Bragança, Frielas, Guimarães, Henrique II de Castela, Henrique, Duque de Viseu, Inês Pires, Isabel de Barcelos, João I de Portugal, João IV de Portugal, João, Condestável de Portugal, Leonor de Aragão, Rainha de Portugal, Marquês de Valença, Mesão Frio, Nuno Álvares Pereira, Pedro de Portugal, 1.º Duque de Coimbra, Portugal, Rio Douro, Santos, Tânger, Veiros (Estremoz), 1 de novembro, 10 de agosto, 1360, 1377, 1380, 1401, 1415, 1420, 1431, 1442, ..., 1449, 1460, 1461, 1470, 1480, 15 de dezembro, 1562, 23 de novembro, 30 de dezembro, 5 de agosto. Expandir índice (10 mais) »

Afonso de Bragança, Marquês de Valença

Afonso de Portugal, depois Afonso de Bragança, o primeiro do apelido de Portugal (Lisboa, 1400 - 9 de agosto de 1460 na vila de Tomar), era filho primogénito de Afonso I de Bragança e, por via materna (Beatriz Pereira de Alvim, Condessa de Ourém).

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Afonso de Bragança, Marquês de Valença · Veja mais »

Afonso Henriques, conde de Gijón e Noronha

Afonso Henriques, conde de Noronha, nasceu em Gijón, em 1355 e morreu exilado em Marans, França 27 de Agosto de 1395).

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Afonso Henriques, conde de Gijón e Noronha · Veja mais »

Alentejo

O NUT II do Alentejo é uma região do centro-sul de Portugal.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Alentejo · Veja mais »

África

A África é o terceiro continente mais extenso (depois da Ásia e da América) com cerca de 30 milhões de quilômetros quadrados, cobrindo 20,3 % da área total da terra firme do planeta.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e África · Veja mais »

Ano-novo

Ano-novo ou ano-bom é o momento em que um novo ano civil começa e um novo calendário anual é iniciado.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Ano-novo · Veja mais »

Batalha de Alfarrobeira

A Batalha de Alfarrobeira foi o recontro travado entre o jovem rei D. Afonso V e o Infante D. Pedro seu tio, em 20 de Maio de 1449, junto da ribeira do lugar de Alfarrobeira, em Vialonga, perto de Alverca.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Batalha de Alfarrobeira · Veja mais »

Beatriz Pereira de Alvim

D.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Beatriz Pereira de Alvim · Veja mais »

Chaves (Portugal)

Chaves (OTE) é uma cidade portuguesa do Distrito de Vila Real, Região Norte, sub-região do Alto Tâmega, com cerca de 18 500 habitantes no seu perímetro urbano, sendo por isso a segunda maior cidade do Distrito de Vila Real.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Chaves (Portugal) · Veja mais »

Conde de Neiva

Conde de Neiva é um título nobiliárquico criado por D. Fernando I de Portugal em 1373, a favor de D. Gonçalo Teles de Meneses, Senhor de Cantanhede.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Conde de Neiva · Veja mais »

Conde de Ourém

Armas de D. Nuno Álvares Pereira, 3º conde de Ourém. Armas de D. Afonso, 4.º conde de Ourém. Armas de D. Pedro de Menezes, 7º conde de Ourém Armas de D. Jaime I de Bragança, 8º conde de Ourém. Principe D. Teodósio, 13º conde de Ourém Conde de Ourém é um título de nobreza de Portugal.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Conde de Ourém · Veja mais »

Conquista de Ceuta

A Conquista de Ceuta, cidade islâmica no Norte de África, por tropas portuguesas sob o comando de João I de Portugal, deu-se a 21 de Agosto de 1415.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Conquista de Ceuta · Veja mais »

Constança de Noronha

Armas da ''Sereníssima Casa de Bragança'': Escudo de prata, uma aspa de vermelho brocante, carregada de cinco escudetes com as quinas de Portugal. Armas (estilo moderno) da Casa de Bragança, após 1581. Brasão de Armas da família Noronha. Constança de Noronha (1395 - Coimbra, 26 de janeiro de 1480 - Guimarães) foi 1ª Duquesa de Bragança.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Constança de Noronha · Veja mais »

Dinastia de Avis

A Dinastia de Avis, ou Dinastia Joanina, foi a segunda dinastia a reinar em Portugal.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Dinastia de Avis · Veja mais »

Dom (título)

Dom (do latim dominus, em português senhor, dono ou mestre), ou, no feminino, Dona, é um pronome de tratamento concedido a monarcas, príncipes, infantes e nobres portugueses, espanhóis, ibero-americanos e italianos; a bispos católicos, abades e sacerdotes beneditinos, cartuxos e trapistas, sempre seguido do prenome.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Dom (título) · Veja mais »

Duarte I de Portugal

Duarte I (Viseu, – Tomar), apelidado de "o Eloquente" e "o Rei-Filósofo", foi o Rei de Portugal e Algarve de 1433 até à sua morte.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Duarte I de Portugal · Veja mais »

Duque de Barcelos

O título de Duque de Barcelos foi criado pelo Rei D. Sebastião de Portugal, por carta de 5 de Agosto de 1562 a favor de D. João de Bragança, futuro 6.º Duque de Bragança.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Duque de Barcelos · Veja mais »

Duque de Bragança

O título de duque de Bragança é um dos mais importantes de Portugal.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Duque de Bragança · Veja mais »

Duque de Coimbra

O título Duque de Coimbra foi criado pelo rei D. João I de Portugal em 1415, na sequência da conquista de Ceuta, nesse ano, a favor do seu segundo filho D. Pedro, Infante de Portugal.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Duque de Coimbra · Veja mais »

Duque de Viseu

O título de Duque de Viseu foi criado pelo rei D. João I de Portugal em 1415, a favor do seu terceiro filho, o Infante D. Henrique, na sequência da conquista de Ceuta, naquele ano.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Duque de Viseu · Veja mais »

Entre Douro e Minho

O Entre-Douro-e-Minho foi uma província do Norte Atlântico de Portugal, composta pelos atuais distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto e parte dos distritos de Aveiro, Viseu e Vila Real, no tempo da monarquia portuguesa.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Entre Douro e Minho · Veja mais »

Estremadura

A Estremadura é uma província portuguesa estabelecida na Idade Média e extinta no século XIX, devendo o seu nome derivar do latim Extrema Durii (extremos do Douro), por designar os territórios adquiridos, na sequência da Reconquista cristã, para Sul do Douro (tal é, de resto, também a origem etimológica do nome da região espanhola da Estremadura); com a progressão da reconquista para Sul, a noção de Estremadura, como terra de fronteira, foi também alargando-se, de tal forma que, no século XV, a Estremadura correspondia, grosso modo, aos distritos de Lisboa, Setúbal e Leiria.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Estremadura · Veja mais »

Fernando I, Duque de Bragança

Fernando de Portugal, depois Fernando I de Bragança (— Vila Viçosa) foi o 2º Duque de Bragança, filho segundo do 1º duque D. Afonso I. Sucedeu no ducado por morte de seu pai, em 1461.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Fernando I, Duque de Bragança · Veja mais »

Frielas

Frielas é uma antiga freguesia portuguesa do concelho de Loures, com 5,57 km² de área e 2 171 habitantes (2011).

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Frielas · Veja mais »

Guimarães

Guimarães MHSE é uma cidade portuguesa situada no Distrito de Braga, região do Norte e sub-região do Ave (uma das sub-regiões mais industrializadas do país) e ainda à antiga província do Minho, com uma população de, repartidos por uma malha urbana de, em 20 freguesias e com uma densidade populacional de 2223,9 hab./km²., Direcção Geral do Ordenamento do Território e Desenvolvimento Urbano, acedido em 21 de Novembro de 2006 É sede de um município com Instituto Geográfico Português, (ficheiro Excel zipado)).

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Guimarães · Veja mais »

Henrique II de Castela

Henrique II de Castela, o das Mercês (Sevilha, 13 de Janeiro de 1334 - Santo Domingo de la Calzada, La Rioja, 29 de Maio de 1379), foi rei de Castela, filho ilegítimo de Afonso XI de Castela e Leonor de Gusmão e como tal meio-irmão de Pedro I de Castela.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Henrique II de Castela · Veja mais »

Henrique, Duque de Viseu

Painel Infante D Henrique. O Infante Dom Henrique de Avis, 1.º duque de Viseu e 1.º senhor da Covilhã (Porto, – Sagres), foi um infante português e a mais importante figura do início da era das descobertas, popularmente conhecido como Infante de Sagres ou O Navegador.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Henrique, Duque de Viseu · Veja mais »

Inês Pires

Inês Peres (por vezes erradamente chamada Inês Peres Esteves) (Borba, Matriz) foi amante do Mestre da Ordem de Avis e futuro Rei D. João I de Portugal.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Inês Pires · Veja mais »

Isabel de Barcelos

Isabel de Bragança e Pereira ou Isabel de Bragança, também conhecida como Isabel de Barcelos (Barcelos, — Arévalo), foi uma nobre portuguesa, filha de Afonso I, Duque de Bragança e 8.º conde de Barcelos e de Beatriz Pereira de Alvim, além de ser neta de Nuno Álvares Pereira, condestável do reino.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Isabel de Barcelos · Veja mais »

João I de Portugal

João I de Portugal (Lisboa, – Lisboa), conhecido como o Mestre de Avis e apelidado de "o de Boa Memória", foi o rei de Portugal e dos Algarves de 1385 até sua morte, sendo o primeiro monarca português da Casa de Avis.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e João I de Portugal · Veja mais »

João IV de Portugal

João IV (Vila Viçosa, – Lisboa), apelidado de João, o Restaurador, foi o Rei de Portugal e Algarves de 1640 até à sua morte, e Duque de Bragança entre 1630 e 1645.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e João IV de Portugal · Veja mais »

João, Condestável de Portugal

João de Portugal (Santarém, 13 de Janeiro de 1400 – Alcácer do Sal, 18 de Outubro de 1442) foi um infante de Portugal da dinastia de Avis, filho do rei D. João I e de sua mulher, a rainha Filipa de Lencastre.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e João, Condestável de Portugal · Veja mais »

Leonor de Aragão, Rainha de Portugal

Leonor de Aragão (Elionor d'Aragó;2 de maio de 1402 — Toledo, 19 de fevereiro de 1445), foi uma infanta aragonesa que viria a ser rainha de Portugal por casamento com o rei D. Duarte, e regente durante a menoridade do seu filho D. Afonso V.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Leonor de Aragão, Rainha de Portugal · Veja mais »

Marquês de Valença

Marquês de Valença é um título nobiliárquico português de juro e herdade criado por D. Afonso V de Portugal, por carta de 11 de Outubro de 1451, em favor a D. Afonso de Portugal, 4.º conde de Ourém, filho primogénito de D. Afonso, 1º duque de Bragança, e neto primogénito do Condestável e 3º Conde de Ourém D. Nuno Álvares Pereira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Marquês de Valença · Veja mais »

Mesão Frio

Mesão Frio é uma vila portuguesa pertencente ao Distrito de Vila Real, à Região Norte, à sub-região do Douro e à antiga província de Trás-os-Montes e Alto Douro, conhecida como a Porta do Douro, devido a estarem colocados no seu território os primeiros marcos Pombalinos da região vinícola mais antiga do Mundo - A Região Demarcada do Douro — e também, por ser o concelho que se localiza no derradeiro limite desta região.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Mesão Frio · Veja mais »

Natal

Natal ou Dia de Natal é um feriado e festival religioso cristão comemorado anualmente em 25 de dezembro (nos países eslavos e ortodoxos, cujos calendários eram baseados no calendário juliano, o Natal é comemorado no dia 7 de janeiro).

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Natal · Veja mais »

Nuno Álvares Pereira

Nuno Álvares Pereira (O.Carm.), também conhecido como o Santo Condestável, formalmente São Nuno de Santa Maria ou simplesmente Nun' Álvares (Paço do Bonjardim ou Flor da Rosa, Rau, Virgínia. Estudos de história medieval. Editorial Presença, 1986. Pág. 55. – Lisboa), foi um nobre e general português do século XIV.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Nuno Álvares Pereira · Veja mais »

Pedro de Portugal, 1.º Duque de Coimbra

Pedro, infante de Portugal, 1º Duque de Coimbra, (* 9 de dezembro de 1392 – † 20 de maio de 1449) foi um príncipe da dinastia de Avis, filho do rei João I e de Filipa de Lencastre.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Pedro de Portugal, 1.º Duque de Coimbra · Veja mais »

Portugal

Portugal, oficialmente República Portuguesa, é um país soberano unitário localizado no sudoeste da Europa, cujo território se situa na zona ocidental da Península Ibérica e em arquipélagos no Atlântico Norte. O território português tem uma área total de, sendo delimitado a norte e leste por Espanha e a sul e oeste pelo oceano Atlântico, compreendendo uma parte continental e duas regiões autónomas: os arquipélagos dos Açores e da Madeira. Portugal é a nação mais a ocidente do continente europeu. O nome do país provém da sua segunda maior cidade, Porto, cujo nome latino-celta era Portus Cale. O território dentro das fronteiras atuais da República Portuguesa tem sido continuamente povoado desde os tempos pré-históricos: ocupado por celtas, como os galaicos e os lusitanos, foi integrado na República Romana e mais tarde colonizado por povos germânicos, como os suevos e os visigodos. No século VIII, as terras foram conquistadas pelos mouros. Durante a Reconquista cristã foi formado o Condado Portucalense,  estabelecido no século XI por Vímara Peres, um vassalo do rei das Astúrias. O condado tornou-se parte do Reino de León em 1097, e os condes de Portugal estabeleceram-se como governantes independentes do reino no século XII, após a batalha de São Mamede. Com o estabelecimento do Reino de Portugal em 1139, cuja independência foi reconhecida em 1143. Em 1297 foram definidas as fronteiras no tratado de Alcanizes, tornando Portugal no mais antigo Estado-nação da Europa. Nos séculos XV e XVI, como resultado de pioneirismo na Era dos Descobrimentos (ver: descobrimentos portugueses), Portugal expandiu a influência ocidental e estabeleceu um império que incluía possessões na África, Ásia, Oceânia e América do Sul, tornando-se a potência económica, política e militar mais importante de todo o mundo. O Império Português foi o primeiro império global da História e também o mais duradouro dos impérios coloniais europeus, abrangendo quase 600 anos de existência, desde a conquista de Ceuta em 1415, até à transferência de soberania de Macau para a China em 1999. No entanto, a importância internacional do país foi bastante reduzida durante o século XIX, especialmente após a independência do Brasil, a sua maior colónia. Com a Revolução de 1910, a monarquia terminou, tendo desde 1139 até 1910, 34 monarcas. A Primeira República Portuguesa foi muito instável, devido ao elevado parlamentarismo. O regime deu lugar à ditadura militar devido a um levantamento em 28 de maio de 1926. Em 1933, um novo regime autoritário, o Estado Novo, presidido por Salazar até 1968, geriu o país até 25 de abril de 1974. A democracia representativa foi instaurada após a Revolução dos Cravos, em 1974, que terminou a Guerra Colonial Portuguesa. As províncias ultramarinas de Portugal tornaram-se independentes, sendo as mais proeminentes Angola e Moçambique. Portugal é um país desenvolvido, com um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) considerado como muito elevado. O país foi classificado na 19.ª posição em qualidade de vida (em 2005), tem um dos melhores sistemas de saúde do planeta e é, também, uma das nações mais globalizadas e pacíficas do mundo. É membro da Organização das Nações Unidas (ONU), da União Europeia (incluindo a Zona Euro e o Espaço Schengen), da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO), da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Portugal também participa em diversas missões de manutenção de paz das Nações Unidas.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Portugal · Veja mais »

Rio Douro

O rio Douro (Duero) é um rio que nasce em Espanha na província de Sória, nos picos da Serra de Urbião, GPS (42.007121, -2.879944), (Sierra de Urbión), a 2160 metros de altitude e atravessa o norte de Portugal.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Rio Douro · Veja mais »

Santos

Santos é um município portuário sede da Região Metropolitana da Baixada Santista, localizado no litoral do estado de São Paulo, no Brasil.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Santos · Veja mais »

Tânger

Vista noturna da cidade a partir da zona hoteleira no lado oriental da praia, com o porto e a parte antiga ao fundo Tânger (Tangier; em e: Tingis) é uma cidade do norte de Marrocos, capital da prefeitura de Tânger-Arzila e da região de Tânger-Tetuão.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Tânger · Veja mais »

Véspera de Ano-Novo

A Véspera de Ano-Novo, também chamada de réveillon, virada de ano, ou passagem de ano refere-se ao dia 31 de dezembro, precedente ao Dia de Ano-Novo nos países que seguem o calendário gregoriano.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Véspera de Ano-Novo · Veja mais »

Véspera de Natal

Véspera de Natal refere-se à noite ou todo dia que precede o dia de Natal, um festival que comemora o nascimento de Jesus de Nazaré.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Véspera de Natal · Veja mais »

Veiros (Estremoz)

Veiros é uma freguesia portuguesa do concelho de Estremoz, na região do Alentejo, com 39,72 km² de área e 1 036 habitantes (2011).

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e Veiros (Estremoz) · Veja mais »

1 de novembro

Sem descrição

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1 de novembro · Veja mais »

10 de agosto

Sem descrição

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 10 de agosto · Veja mais »

1360

---- 1360 (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XIV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram E e D (53 semanas), teve início a uma quarta-feira e terminou a uma quinta-feira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1360 · Veja mais »

1377

---- 1377 (na numeração romana) foi um ano comum do século XIV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi D (53 semanas), teve início a uma quinta-feira e terminou também a uma quinta-feira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1377 · Veja mais »

1380

---- 1380 (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XIV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram A e G (52 semanas), teve início a um domingo e terminou a uma segunda-feira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1380 · Veja mais »

1401

---- (na numeração romana) foi um ano comum, o primeiro do século XV, do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi B (52 semanas), teve início a um sábado e terminou também a um sábado.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1401 · Veja mais »

1415

---- 1415 (na numeração romana) foi um ano comum do século XV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi F (52 semanas), teve início a uma terça-feira e terminou também a uma terça-feira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1415 · Veja mais »

1420

---- (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram G e F (52 semanas), teve início a uma segunda-feira e terminou a uma terça-feira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1420 · Veja mais »

1431

---- 1431 (na numeração romana) foi um ano comum do século XV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1431 · Veja mais »

1442

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1442 · Veja mais »

1449

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi E (52 semanas), teve início a uma quarta-feira, terminou também a uma quarta-feira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1449 · Veja mais »

1460

---- (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram F e E (52 semanas), teve início a uma terça-feira e terminou a uma quarta-feira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1460 · Veja mais »

1461

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi D (53 semanas), teve início a uma quinta-feira e terminou também a uma quinta-feira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1461 · Veja mais »

1470

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1470 · Veja mais »

1480

---- (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram B e A (52 semanas), teve início a um sábado e terminou a um domingo.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1480 · Veja mais »

15 de dezembro

Sem descrição

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 15 de dezembro · Veja mais »

1562

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XVI do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi D (53 semanas), teve início a uma quinta-feira e terminou também a uma quinta-feira.

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 1562 · Veja mais »

23 de novembro

Sem descrição

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 23 de novembro · Veja mais »

30 de dezembro

Sem descrição

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 30 de dezembro · Veja mais »

5 de agosto

Sem descrição

Novo!!: Afonso I, Duque de Bragança e 5 de agosto · Veja mais »

Redireciona aqui:

Afonso I de Bragança, Afonso i de bragança, Afonso i, duque de bragança, Afonso, 1.° Duque de Bragança, Afonso, 1º duque de Bragança, Afonso, Duque de Bragança, Afonso, duque de Bragança, Afonso, duque de bragança, D. Afonso I, Duque de Bragança.

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »