Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Livre
Acesso mais rápido do que o navegador!
 

Absolutismo

Índice Absolutismo

Absolutismo é uma teoria política que defende que alguém (em geral, um monarca) deve ter o poder absoluto, isto é, independente de outro órgão.

56 relações: América do Norte, Assembleia dos Estados Gerais, Burguesia, Calvinismo, Casa de Valois, Catolicismo, Chanceler, Ciência política, Despotismo, Deus, Direito divino dos reis, Espanha, Federação, Fernando II de Aragão, Filipe II de Espanha, França, Guerra Civil Inglesa, Henrique de Bourbon, Henrique III de França, Henrique VIII de Inglaterra, Hugo Grócio, Idade Moderna, Inglaterra, Invencível Armada, Isabel I de Castela, Isabel I de Inglaterra, Jacques-Bénigne Bossuet, Jaime VI da Escócia e I de Inglaterra, Jean Bodin, João V de Portugal, Jules Mazarin, Leviatã (livro), Luís XIV de França, Mercantilismo, Miguel I de Portugal, Miguelista, Monarca, Monarquia, Monarquia absoluta, Monarquia constitucional, Monarquia tradicional, Nicolau Maquiavel, Parlamento, Parlamento do Reino Unido, Poder, Portugal, Primeiro-ministro, Reconquista, Reino de Portugal, Revolução Gloriosa, ..., Serviço militar, The Stanford Encyclopedia of Philosophy, Thomas Hobbes, 1469, 1509, 2002. Expandir índice (6 mais) »

América do Norte

A América do Norte é um subcontinente que compreende a porção setentrional do continente americano.

Novo!!: Absolutismo e América do Norte · Veja mais »

Assembleia dos Estados Gerais

Na França do Antigo Regime, a Assembleia dos Estados Gerais, ou simplesmente Estados Gerais (em francês, États Généraux) era uma assembleia consultiva e legislativa das três classes sociais (estados) do país.

Novo!!: Absolutismo e Assembleia dos Estados Gerais · Veja mais »

Burguesia

O estereótipo do burguês no Monsieur Jourdain, personagem principal da comédia ''Le Bourgeois gentilhomme'', de Molière Burguesia é um termo com vários significados históricos, sociais e culturais.

Novo!!: Absolutismo e Burguesia · Veja mais »

Calvinismo

O calvinismo (também chamado de Tradição Reformada, Fé Reformada ou Teologia Reformada) é tanto um movimento religioso protestante quanto um sistema teológico bíblico com raízes na Reforma Protestante, iniciado por João Calvino em Genebra no século XVI.

Novo!!: Absolutismo e Calvinismo · Veja mais »

Casa de Valois

A Casa de Valois é o ramo da dinastia capetiana que reinou na França entre 1328 e 1589.

Novo!!: Absolutismo e Casa de Valois · Veja mais »

Catolicismo

Catolicismo (katholikos; com o significado de "geral" ou "universal") é um termo amplo para o corpo da fé católica, a sua teologia, doutrinas, liturgia, princípios éticos, e características comportamentais, bem como um povo religioso como um todo.

Novo!!: Absolutismo e Catolicismo · Veja mais »

Chanceler

Chanceler ou cancelário (do Latim cancellarius: guarda da cancela que separava o público de um tribunal de justiça) é um título atribuído em diversas instituições cuja organização é inspirada no Império Romano.

Novo!!: Absolutismo e Chanceler · Veja mais »

Ciência política

Ciência política ou Análise política é o estudo da política — dos sistemas políticos, das organizações e dos processos políticos.

Novo!!: Absolutismo e Ciência política · Veja mais »

Despotismo

Despotismo é uma forma de governo na qual uma única entidade governa com poder absoluto.

Novo!!: Absolutismo e Despotismo · Veja mais »

Deus

Deus é um conceito de Ser Supremo presente em diversas religiões monoteístas, henoteístas ou politeístas, sendo geralmente definido como o espírito infinito e eterno, criador e preservador do Universo.

Novo!!: Absolutismo e Deus · Veja mais »

Direito divino dos reis

O direito divino dos reis é uma doutrina política e religiosa segundo a qual o poder dos reis tem como fundamento a vontade de Deus.

Novo!!: Absolutismo e Direito divino dos reis · Veja mais »

Espanha

Espanha (España), também conhecido como Reino de/da Espanha Reino de España é um país situado na Europa meridional, na Península Ibérica.

Novo!!: Absolutismo e Espanha · Veja mais »

Federação

Federação (do latim: foederatio, de foedus: “liga, tratado, aliança”) ou Estado Federal é um Estado composto por diversas entidades territoriais autônomas dotadas de governo próprio.

Novo!!: Absolutismo e Federação · Veja mais »

Fernando II de Aragão

Fernando II & V (Sos, – Madrigalejo), apelidado de "o Católico", foi o Rei de Aragão e das Coroas Aragonesas como Fernando II de 1479 até sua morte, e também Rei de Castela e Leão como Fernando V entre 1475 e 1504 em direito de sua esposa a rainha Isabel I. Além disso, ele foi regente de sua filha Joana em Castela e Leão de 1508 até sua morte e imperador titular do Império Bizantino de 1502 a 1516.

Novo!!: Absolutismo e Fernando II de Aragão · Veja mais »

Filipe II de Espanha

Filipe II (Felipe II; Valladolid, 21 de maio de 1527 – Escorial, 13 de setembro de 1598) foi Rei da Espanha de 1556 até sua morte e também Rei de Portugal e Algarves como Filipe I a partir de 1581.

Novo!!: Absolutismo e Filipe II de Espanha · Veja mais »

França

França (France; 10px ouça), oficialmente República Francesa (République française) é um país, ou, mais especificamente, um Estado unitário desconcentrado, localizado na Europa Ocidental, com várias ilhas e territórios ultramarinos noutros continentes.

Novo!!: Absolutismo e França · Veja mais »

Guerra Civil Inglesa

A Guerra Civil Inglesa, que aconteceu durante a Revolução Inglesa, foi uma guerra civil entre os partidários do rei Carlos I da Inglaterra e do Parlamento, liderado por Oliver Cromwell.

Novo!!: Absolutismo e Guerra Civil Inglesa · Veja mais »

Henrique de Bourbon

Henrique Maria Fernando Carlos Francisco Luís (Sevilha, 17 de abril de 1823 – Madri, 12 de março de 1870) foi infante de Espanha e duque de Sevilha, neto do rei Carlos IV.

Novo!!: Absolutismo e Henrique de Bourbon · Veja mais »

Henrique III de França

Henrique III (Fontainebleau, – Saint-Cloud) foi o Rei da Polônia e Grão-Duque da Lituânia entre 1573 e 1575 e também Rei da França de 1574 até seu assassinato.

Novo!!: Absolutismo e Henrique III de França · Veja mais »

Henrique VIII de Inglaterra

Henrique VIII (–) foi o Rei da Inglaterra de 1509 até sua morte, e também Lorde e depois Rei da Irlanda.

Novo!!: Absolutismo e Henrique VIII de Inglaterra · Veja mais »

Hugo Grócio

Hugo Grócio, Hugo Grotius, Huig de Groot ou Hugo de Groot (Delft, — Rostock) foi um jurista a serviço da República dos Países Baixos.

Novo!!: Absolutismo e Hugo Grócio · Veja mais »

Idade Moderna

A Idade Moderna é um período específico da História do Ocidente que se inicia no final da Idade Média.

Novo!!: Absolutismo e Idade Moderna · Veja mais »

Inglaterra

Inglaterra (England) é uma das nações constituintes do Reino Unido.

Novo!!: Absolutismo e Inglaterra · Veja mais »

Invencível Armada

A Invencível Armada ou Armada Invencível (em castelhano: "Grande y Felicísima Armada"), também referida como "la Armada Invencible" (castelhano) ou "the Invincible Fleet" (inglês), com certo tom irônico, pelos ingleses no século XVI, foi uma esquadra reunida pelo rei Filipe II de Espanha em 1588 para invadir a Inglaterra. A Batalha Naval de Gravelines foi o maior combate da não declarada Guerra Anglo-Espanhola e a tentativa de Filipe II de neutralizar a influência inglesa sobre a política dos Países Baixos Espanhóis e reafirmar hegemonia na guerra nos mares. A armada era composta por 130 navios bem artilhados, tripulados por 8 000 marinheiros, transportando 18 000 soldados e estava destinada a embarcar mais um exército de 30 000 infantes. No comando, o Duque de Medina-Sidônia seguia num galeão português, o São Martinho. No combate no Canal da Mancha, os ingleses impediram o embarque das tropas em terra, frustraram os planos de invasão e obrigaram a Armada a regressar contornando as Ilhas Britânicas. Na viagem de volta, devido às tempestades, cerca de metade dos navios se perdeu. O episódio da armada foi uma grave derrota política e estratégica para a coroa espanhola e teve grande impacto positivo para a identidade nacional inglesa.

Novo!!: Absolutismo e Invencível Armada · Veja mais »

Isabel I de Castela

Isabel I (Madrigal de las Altas Torres, – Medina del Campo), apelidada de "a Católica", foi a Rainha de Castela e Leão de 1474 até sua morte, além de Rainha Consorte de Aragão a partir de 1479 e Imperatriz titular do Império Bizantino de 1502 até sua morte.

Novo!!: Absolutismo e Isabel I de Castela · Veja mais »

Isabel I de Inglaterra

Isabel I (Greenwich, – Richmond), também chamada de "A Rainha Virgem", "Gloriana" ou "Boa Rainha Bess", foi a Rainha da Inglaterra e Irlanda de 1558 até sua morte e a quinta e última monarca da Casa de Tudor.

Novo!!: Absolutismo e Isabel I de Inglaterra · Veja mais »

Jacques-Bénigne Bossuet

Jacques-Bénigne Bossuet (Dijon, 27 de setembro de 1627 Paris, 12 de abril de 1704) foi um bispo e teólogo francês, um dos principais teóricos do absolutismo por direito divino, defendendo o argumento que o governo era divino e que os reis recebiam seu poder de Deus.

Novo!!: Absolutismo e Jacques-Bénigne Bossuet · Veja mais »

Jaime VI da Escócia e I de Inglaterra

Jaime VI & I (Edimburgo, – Cheshunt) foi o Rei da Escócia como Jaime VI e Rei da Inglaterra e Irlanda pela União das Coroas como Jaime I. Ele reinou na Escócia desde 1567 e na Inglaterra a partir de 1603 até sua morte.

Novo!!: Absolutismo e Jaime VI da Escócia e I de Inglaterra · Veja mais »

Jean Bodin

Jean Bodin nasceu em Angers, França 1530, e faleceu em Laon, também na França em 1596, foi um jurista francês, membro do Parlamento de Paris e professor de Direito em Toulouse.Também adepto da teoria do direito divino dos reis, Jean Bodin tornou-se conhecido como o Procurador Geral do Diabo devido a sua incansável perseguição a feiticeiras e hereges.

Novo!!: Absolutismo e Jean Bodin · Veja mais »

João V de Portugal

João V (Lisboa, – Lisboa), apelidado de "o Magnânimo", foi Rei de Portugal e Algarves de 1706 até sua morte.

Novo!!: Absolutismo e João V de Portugal · Veja mais »

Jules Mazarin

Jules Mazarin, nascido Giulio Raimondo Mazzarino, Mazarino, Mazarini, ou Mazzarini e conhecido como Cardeal Mazarino (Pescina, 14 de julho de 1602 — 9 de março de 1661), foi um estadista italiano radicado na França que serviu como primeiro-ministro da França de 1642 até à data da sua morte.

Novo!!: Absolutismo e Jules Mazarin · Veja mais »

Leviatã (livro)

Leviatã ou Matéria, Palavra e Poder de um Governo Eclesiástico e Civil, comumente chamado de Leviatã, é um livro escrito por Thomas Hobbes e publicado em 1651.

Novo!!: Absolutismo e Leviatã (livro) · Veja mais »

Luís XIV de França

Luís XIV (Saint-Germain-en-Laye, – Versalhes), apelidado de "o Grande" e "Rei Sol", foi o Rei da França e Navarra de 1643 até à sua morte.

Novo!!: Absolutismo e Luís XIV de França · Veja mais »

Mercantilismo

Quadro de Claude Lorrain que representa um porto de mar francês de 1638, no momento fundamental do mercantilismo. Mercantilismo é o nome dado a um conjunto de práticas econômicas desenvolvido na Europa na Idade Moderna, entre o século XV e o final do século XVIII.

Novo!!: Absolutismo e Mercantilismo · Veja mais »

Miguel I de Portugal

Miguel I (nome completo: Miguel Maria do Patrocínio João Carlos Francisco de Assis Xavier de Paula Pedro de Alcântara António Rafael Gabriel Joaquim José Gonzaga Evaristo; Queluz, 26 de outubro de 1802 – Wertheim, 14 de novembro de 1866), apelidado de "o Absolutista" e "o Tradicionalista", foi o Rei de Portugal e Algarves entre 1828 e 1834 e pretendente ao trono português entre 1834 e 1866, tendo sido o terceiro filho varão do rei D. João VI de Portugal e de D. Carlota Joaquina de Bourbon (ver secção: Questão da paternidade) e o irmão mais novo do rei D. Pedro IV, imperador Pedro I do Brasil.

Novo!!: Absolutismo e Miguel I de Portugal · Veja mais »

Miguelista

Miguelista é o nome dado na historiografia portuguesa aos apoiantes do chamado Miguelismo, nomeadamente os que lutaram pela legitimidade permanente do ex-infante D. Miguel de Bragança na linha de sucessão ao trono português e que vieram depois a fundar o Partido Legitimista e o Partido Realista que nele se integrou.

Novo!!: Absolutismo e Miguelista · Veja mais »

Monarca

Um monarca exerce a posição de chefe de estado e chefe de governo de uma entidade política nacional ou somente de chefe de estado de uma entidade política nacional, concedida ao indivíduo que a ocupa normalmente em caráter vitalício e/ou hereditário.

Novo!!: Absolutismo e Monarca · Veja mais »

Monarquia

Monarquia é a mais antiga forma de governo ainda em vigor.

Novo!!: Absolutismo e Monarquia · Veja mais »

Monarquia absoluta

Monarquia absoluta ou absolutista, que se opõe à monarquia tradicional e à monarquia constitucional, é segundo a definição clássica a forma de governo monárquico ou monarquia na qual o monarca ou rei exerce o poder absoluto, isto é, independente e superior ao poder de outros órgãos do Estado.

Novo!!: Absolutismo e Monarquia absoluta · Veja mais »

Monarquia constitucional

Uma monarquia constitucional ou monarquia parlamentarista, que se opõe à monarquia tradicional e à monarquia absolutista, é um sistema político em monarquia que reconhece um rei eleito ou hereditário como chefe do Estado, mas em que há uma constituição (série de leis fundamentais) que limita os poderes do mesmo monarca.

Novo!!: Absolutismo e Monarquia constitucional · Veja mais »

Monarquia tradicional

A monarquia tradicional, que foi defendida pelo miguelismo e depois pelo integralismo lusitano, a mesma que se opõe à monarquia constitucional partidocrática e à monarquia absolutista, não é senão uma monarquia regida pelos princípios do tradicionalismo ou da tradição, organizada na base da família e da propriedade, que foi sacrificada pelo pombalismo, pelo absolutismo e pelo republicanismo.

Novo!!: Absolutismo e Monarquia tradicional · Veja mais »

Nicolau Maquiavel

Nicolau Maquiavel (Florença, 3 de maio de 1469 — Florença, 21 de junho de 1527) foi um historiador, poeta, diplomata e músico de origem florentina do Renascimento.

Novo!!: Absolutismo e Nicolau Maquiavel · Veja mais »

Parlamento

Parlamento é a assembleia composta por membros eleitos, denominado "parlamentares", para a representação política dos cidadãos dentro da estrutura governamental de um regime constitucional.

Novo!!: Absolutismo e Parlamento · Veja mais »

Parlamento do Reino Unido

O Parlamento do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte é o corpo legislativo supremo do Reino Unido e territórios britânicos ultramarinos.

Novo!!: Absolutismo e Parlamento do Reino Unido · Veja mais »

Poder

Poder (do latim potere) é a capacidade de deliberar arbitrariamente, agir e mandar e também, dependendo do contexto, a faculdade de exercer a autoridade, a soberania, o império.

Novo!!: Absolutismo e Poder · Veja mais »

Portugal

Portugal, oficialmente República Portuguesa, é um país soberano unitário localizado no sudoeste da Europa, cujo território se situa na zona ocidental da Península Ibérica e em arquipélagos no Atlântico Norte. O território português tem uma área total de, sendo delimitado a norte e leste por Espanha e a sul e oeste pelo oceano Atlântico, compreendendo uma parte continental e duas regiões autónomas: os arquipélagos dos Açores e da Madeira. Portugal é a nação mais a ocidente do continente europeu. O nome do país provém da sua segunda maior cidade, Porto, cujo nome latino-celta era Portus Cale. O território dentro das fronteiras atuais da República Portuguesa tem sido continuamente povoado desde os tempos pré-históricos: ocupado por celtas, como os galaicos e os lusitanos, foi integrado na República Romana e mais tarde colonizado por povos germânicos, como os suevos e os visigodos. No século VIII, as terras foram conquistadas pelos mouros. Durante a Reconquista cristã foi formado o Condado Portucalense,  estabelecido no século XI por Vímara Peres, um vassalo do rei das Astúrias. O condado tornou-se parte do Reino de León em 1097, e os condes de Portugal estabeleceram-se como governantes independentes do reino no século XII, após a batalha de São Mamede. Com o estabelecimento do Reino de Portugal em 1139, cuja independência foi reconhecida em 1143. Em 1297 foram definidas as fronteiras no tratado de Alcanizes, tornando Portugal no mais antigo Estado-nação da Europa. Nos séculos XV e XVI, como resultado de pioneirismo na Era dos Descobrimentos (ver: descobrimentos portugueses), Portugal expandiu a influência ocidental e estabeleceu um império que incluía possessões na África, Ásia, Oceânia e América do Sul, tornando-se a potência económica, política e militar mais importante de todo o mundo. O Império Português foi o primeiro império global da História e também o mais duradouro dos impérios coloniais europeus, abrangendo quase 600 anos de existência, desde a conquista de Ceuta em 1415, até à transferência de soberania de Macau para a China em 1999. No entanto, a importância internacional do país foi bastante reduzida durante o século XIX, especialmente após a independência do Brasil, a sua maior colónia. Com a Revolução de 1910, a monarquia terminou, tendo desde 1139 até 1910, 34 monarcas. A Primeira República Portuguesa foi muito instável, devido ao elevado parlamentarismo. O regime deu lugar à ditadura militar devido a um levantamento em 28 de maio de 1926. Em 1933, um novo regime autoritário, o Estado Novo, presidido por Salazar até 1968, geriu o país até 25 de abril de 1974. A democracia representativa foi instaurada após a Revolução dos Cravos, em 1974, que terminou a Guerra Colonial Portuguesa. As províncias ultramarinas de Portugal tornaram-se independentes, sendo as mais proeminentes Angola e Moçambique. Portugal é um país desenvolvido, com um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) considerado como muito elevado. O país foi classificado na 19.ª posição em qualidade de vida (em 2005), tem um dos melhores sistemas de saúde do planeta e é, também, uma das nações mais globalizadas e pacíficas do mundo. É membro da Organização das Nações Unidas (ONU), da União Europeia (incluindo a Zona Euro e o Espaço Schengen), da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO), da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Portugal também participa em diversas missões de manutenção de paz das Nações Unidas.

Novo!!: Absolutismo e Portugal · Veja mais »

Primeiro-ministro

O título de primeiro-ministro (do inglês, prime minister) é aquele que é frequentemente utilizado para designar o chefe de governo nos Estados em que o cargo é diferenciado do chefe de estado.

Novo!!: Absolutismo e Primeiro-ministro · Veja mais »

Reconquista

Reconquista é o processo histórico em que os reinos cristãos da Península Ibérica procuraram dominar a região durante o período do Alandalus.

Novo!!: Absolutismo e Reconquista · Veja mais »

Reino de Portugal

O Reino de Portugal era a denominação de Portugal sob a governação de um regime monárquico, e no início ainda sem o reino dos Algarves.

Novo!!: Absolutismo e Reino de Portugal · Veja mais »

Revolução Gloriosa

A Revolução Gloriosa foi um evento, em grande parte não violento (por vezes chamado de revolução sem sangue), que teve lugar no Reino Unido entre 1688 e 1689, no qual o rei Jaime II, da dinastia Stuart, católico, foi removido do trono da Inglaterra, Escócia e País de Gales, sendo substituído por neerlandês Guilherme III de Orange e sua esposa Maria Stuart.

Novo!!: Absolutismo e Revolução Gloriosa · Veja mais »

Serviço militar

Serviço militar é o período com duração e obrigatoriedade variada, em que os cidadãos de um país ou de uma região devem receber treinamento militar em quartéis ou portos, visando a sua preparação para uma eventual guerra.

Novo!!: Absolutismo e Serviço militar · Veja mais »

The Stanford Encyclopedia of Philosophy

The Stanford Encyclopedia of Philosophy (Enciclopédia de Filosofia de Stanford ou S.E.P.) é uma enciclopédia online, colaborativa e de livre acesso projetada em 1995 por John Perry, que foi diretor do Center for the Study of Language and Information (CSLI) da Universidade de Stanford.

Novo!!: Absolutismo e The Stanford Encyclopedia of Philosophy · Veja mais »

Thomas Hobbes

Thomas Hobbes (5 de abril de 1588 — 4 de dezembro de 1679) foi um matemático, teórico político e filósofo inglês, autor de Leviatã (1651) e Do cidadão (1651).

Novo!!: Absolutismo e Thomas Hobbes · Veja mais »

1469

---- (na numeração romana) foi um ano comum do século XV do Calendário Juliano, da Era de Cristo, a sua letra dominical foi A (52 semanas), teve início a um domingo e terminou também a um domingo.

Novo!!: Absolutismo e 1469 · Veja mais »

1509

(na numeração romana) foi um ano comum do século XVI do Calendário Juliano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi G (52 semanas), teve início numa segunda-feira e terminou também numa segunda-feira.

Novo!!: Absolutismo e 1509 · Veja mais »

2002

Foi designado como.

Novo!!: Absolutismo e 2002 · Veja mais »

Redireciona aqui:

A base social do estado moderno, Absolutismo francês, Absolutismo político, Absolutismo real, Absolutista, Absolutistas, Estado Absolutista, Estado absolutista, Estados absolutistas, Ideais absolutistas, Monarquia Absoluta, Regime Absolutista, Regime absolutista, Teorias absolutistas.

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »