Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Livre
Acesso mais rápido do que o navegador!
E sem anúncios!

Histona

Em biologia, as histonas são as principais proteínas que compõem o nucleossomo.

18 relações: Acetilação, Albrecht Kossel, Archaea, Arginina, Biologia, Célula, Eukaryota, Fosforilação, Genética, Gene, Intérfase, Lisina, Metilação, Núcleo, Núcleo celular, Nucleossoma, Proteína, 1884.

Acetilação

Acetilação (ou na nomenclatura IUPAC, etanoilação) descreve uma reação que introduz um grupo funcional acetila em um composto orgânico.

Novo!!: Histona e Acetilação · Veja mais »

Albrecht Kossel

Ludwig Karl Martin Leonhard Albrecht Kossel (Rostock, Alemanha, em 16 de setembro de 1853 - Heidelberg, 5 de julho de 1927) foi um bioquímico alemão pioneiro no estudo da genética.

Novo!!: Histona e Albrecht Kossel · Veja mais »

Archaea

Archaea (do grego: antigo, velho; acessodata, arquéia, arqueiaAO 1990, arquaia) é a designação de um dos domínios de seres vivos, morfologicamente semelhantes às bactérias mas genética e bioquimicamente tão distintas destas como dos eucariotas.

Novo!!: Histona e Archaea · Veja mais »

Arginina

Arginina (ácido 2-amino-5-guanidino-pentanoico) é um aminoácido polar básico.

Novo!!: Histona e Arginina · Veja mais »

Biologia

camomila. Biologia (do grego βιος - bios.

Novo!!: Histona e Biologia · Veja mais »

Célula

Células do gênero Allium em diferentes fases do ciclo celular As células são as unidades estruturais e funcionais dos organismos vivos.

Novo!!: Histona e Célula · Veja mais »

Eukaryota

O domínio taxonômico Eukariota, Eukaria, Eukarya, Eukaryota, também referido como eucariotas ou eucariontes (do grego ευ, translit.: eu, "bom, perfeito"; e κάρυον, translit.: karyon, noz ou amêndoa, núcleo) inclui todos os seres vivos com células eucarióticas, ou seja, com um núcleo celular rodeado por uma membrana (DNA compartimentado, consequentemente separado do citoplasma) e com vários organelos.

Novo!!: Histona e Eukaryota · Veja mais »

Fosforilação

Em bioquímica, fosforilação é a adição de um grupo fosfato (PO4) a uma proteína ou outra molécula.

Novo!!: Histona e Fosforilação · Veja mais »

Genética

Para uma introdução ao tema mais geral e menos técnica, veja Introdução à genética. Genética (do grego geno; fazer nascer) é a ciência dos genes, da hereditariedade e da variação dos organismos.

Novo!!: Histona e Genética · Veja mais »

Gene

Gene, na definição da genética clássica, é a unidade fundamental da hereditariedade.

Novo!!: Histona e Gene · Veja mais »

Intérfase

Na fase de síntese (S) da interfase a quantidade de DNA aumenta até dobrar. A intérfase (ou interfase) é o período do ciclo celular em que a célula aumenta o seu volume, tamanho e número de organelas.

Novo!!: Histona e Intérfase · Veja mais »

Lisina

A Lisina é um aminoácido polar básico, codificado pelos códons AAA e AAG. Altamente solúvel em água, foi descoberta em 1889 por Edmund Drechsel, que a isolou pela primeira vez a partir da caseína. Sua estrutura foi elucidada três anos depois. Em humanos, o aminoácido lisina é exclusivamente cetogênico. A degradação do aminoácido lisina em mamíferos ocorre através de duas vias catabólicas: a via de sacaropina e a via do ácido pipecólico. Ambas as vias geram acetil-CoA, importante componente do Ciclo de Krebs. Em circunstâncias normais, um ser humano consome quantidade suficiente de lisina através da alimentação. A falta desse aminoácido pode ocasionar crescimento lento, fadiga, náusea, tontura, perda de apetite e distúrbios reprodutivos. É encontrada principalmente em alimentos ricos em proteínas como: carnes, frutos do mar, produtos à base de soja, leite e derivados. Em menor concentração, é encontrada em verduras e legumes. O excesso de lisina no organismo pode resultar em diarreia, dor de estômago, aumento do colesterol, danos hepáticos e renais. O aminoácido lisina começou a ser adicionado na ração de animais de abate na segunda metade do século passado. Para alguns animais, como porcos, é um aminoácido limitante. A suplementação com lisina proporciona a utilização de rações com componentes mais baratos, porém mantém boas taxas de proteínas e crescimento para os animais. Estima-se que a produção anual do aminoácido ultrapasse 600.000 toneladas.

Novo!!: Histona e Lisina · Veja mais »

Metilação

Metilação é o termo usado em ciências químicas para denominar a ligação ou substituição de um grupo metila sobre vários substratos.

Novo!!: Histona e Metilação · Veja mais »

Núcleo

Núcleo pode referir-se a.

Novo!!: Histona e Núcleo · Veja mais »

Núcleo celular

O núcleo celular, primeiramente descrito por Franz Bauer, em 1802, é uma estrutura presente nas células eucariontes, que contém o ADN (ou DNA) da célula.

Novo!!: Histona e Núcleo celular · Veja mais »

Nucleossoma

Nucleossomo é o nome dado, nos seres eucariontes, à unidade fundamental da cromatina.

Novo!!: Histona e Nucleossoma · Veja mais »

Proteína

Proteínas são macromoléculas biológicas constituídas por uma ou mais cadeias de aminoácidos.

Novo!!: Histona e Proteína · Veja mais »

1884

---- (na numeração romana) foi um ano bissexto do século XIX do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e as suas letras dominicais foram F e E (52 semanas), teve início a uma terça-feira e terminou a uma quarta-feira.

Novo!!: Histona e 1884 · Veja mais »

Redireciona aqui:

H2A, H2B, H2a, H2b, H5, Histonas.

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »