Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Livre
Acesso mais rápido do que o navegador!
E sem anúncios!

H-III

Família de foguetes H-III H-III (HX) é um sistema de lançamento descartável em desenvolvimento no Japão.

14 relações: Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial, Órbita, Órbita de transferência geoestacionária, Órbita terrestre baixa, Centro Espacial de Tanegashima, H-I (foguete), H-II (família de foguetes), H-IIA (foguete), Japão, Mitsubishi, N (família de foguetes), Sistema de lançamento descartável, 2020, 2021.

Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial

Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial ou, é a agência espacial do Japão.

Novo!!: H-III e Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial · Veja mais »

Órbita

elíptica hiperbólica parabólica Em física, órbita é a trajetória que um corpo percorre ao redor de outro sob a influência de alguma força (normalmente gravítica).

Novo!!: H-III e Órbita · Veja mais »

Órbita de transferência geoestacionária

Uma Órbita de transferência geoestacionária, em inglês Geostationary Transfer Orbit (GTO), é uma Órbita de transferência de Hohmann usada para atingir uma órbita geossíncrona ou órbita geoestacionária.

Novo!!: H-III e Órbita de transferência geoestacionária · Veja mais »

Órbita terrestre baixa

ciano), bem próximo a superfície da Terra, representa a "LEO". Uma órbita terrestre baixa (LEO), do inglês Low Earth Orbit) é uma órbita em que os objectos, como satélites, se encontram abaixo de 2000 km. Esta região se situa abaixo da órbita terrestre média (MEO) e substancialmente abaixo da órbita geostacionária, mas geralmente entre 350 e os 1400 km acima da superfície da Terra. As órbitas inferiores a esta não são estáveis, e serão alvo de arrastamento atmosférico. Os satélites numa LEO viajam a cerca de 27 400 km/h (8 km/s), o que representa uma revolução de cerca de 90 minutos. Os objectos em órbita terrestre baixa encontram gases atmosféricos na termosfera (aproximadamente 80–500 km acima da superfície) ou exosfera (aproximadamente 500 km acima), dependendo do comprimento da órbita.

Novo!!: H-III e Órbita terrestre baixa · Veja mais »

Centro Espacial de Tanegashima

O (TNSC) é uma das instalações de desenvolvimento espacial do Japão.

Novo!!: H-III e Centro Espacial de Tanegashima · Veja mais »

H-I (foguete)

Foguete H-I O H-I (ou H-1) foi um foguete japonês que voou entre 1986 e 1992.

Novo!!: H-III e H-I (foguete) · Veja mais »

H-II (família de foguetes)

Família de foguetes H-II A série H-II é uma família de foguetes japoneses que presta serviço desde 1994.

Novo!!: H-III e H-II (família de foguetes) · Veja mais »

H-IIA (foguete)

Foguete H-IIA O H-IIA ou (H-2A) é um veículo de lançamento descartável japonês de combustão líquida fabricado pela Mitsubishi Heavy Industries (MHI) para a Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial (JAXA), que presta serviços de lançamento de satélite artificial em órbita geoestacionária.

Novo!!: H-III e H-IIA (foguete) · Veja mais »

Japão

Japão (Nihon ou Nippon; oficialmente 日本国, ou Nihon koku) é um país insular da Ásia Oriental.

Novo!!: H-III e Japão · Veja mais »

Mitsubishi

O Grupo Mitsubishi é um conglomerado japonês constituído por uma série de empresas autónomas que partilham a marca Mitsubishi.

Novo!!: H-III e Mitsubishi · Veja mais »

N (família de foguetes)

N-I N-II A série N é uma família de foguetes japoneses que prestou serviço a partir de 1970.

Novo!!: H-III e N (família de foguetes) · Veja mais »

Sistema de lançamento descartável

Cabo Canaveral. Um sistema de lançamento descartável (expendable launch system ou ELS) é um sistema de lançamento que usa um veículo de lançamento descartável (VLD) (expendable launch vehicle ou ELV) para conduzir cargas úteis ao espaço.

Novo!!: H-III e Sistema de lançamento descartável · Veja mais »

2020

Sem descrição

Novo!!: H-III e 2020 · Veja mais »

2021

Muitos dos livros de Isaac Asimov se passam em 2021, o "futuro da terra".

Novo!!: H-III e 2021 · Veja mais »

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »