Logotipo
Unionpédia
Comunicação
Disponível no Google Play
Novo! Faça o download do Unionpédia em seu dispositivo Android™!
Instalar
Acesso mais rápido do que o navegador!
E sem anúncios!

3.º governo republicano (Portugal)

O 3.º governo da Primeira República Portuguesa,Se o Governo Provisório (1910–1911), sendo um governo provisório e ainda não constitucional, não for contabilizado, então este governo será o 2.º governo da Primeira República Portuguesa.

19 relações: Alberto da Silveira, Augusto de Vasconcelos, Celestino de Almeida, Estêvão de Vasconcelos, Governo Provisório da República Portuguesa, José de Freitas Ribeiro, Lista de chefes de governo de Portugal, Ministério da Administração Interna, Ministério da Guerra (Portugal), Ministério da Justiça (Portugal), Ministério da Marinha (Portugal), Ministério das Colónias, Ministério das Finanças (Portugal), Ministério do Fomento, Ministério dos Negócios Estrangeiros (Portugal), Portugal, Primeira República Portuguesa, Sidónio Pais, Silvestre Falcão.

Alberto da Silveira

Alberto Carlos da Silveira OA • GOA • GCA • MOCE (Lagos, 23 de Fevereiro de 1859) — (Lisboa, 22 de Abril de 1927), foi um militar e político português.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Alberto da Silveira · Veja mais »

Augusto de Vasconcelos

Augusto César de Almeida de Vasconcelos Correia GCSE (Lisboa, 25 de setembro de 1867 — Lisboa, 27 de setembro de 1951), mais conhecido por Augusto de Vasconcelos, foi um médico e professor de Medicina, político e diplomata português do período da Primeira República.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Augusto de Vasconcelos · Veja mais »

Celestino de Almeida

Celestino Germano Pais de Almeida (Vila de Frades, Vidigueira, 28 de Maio de 1864 — Lisboa, 10 de Agosto de 1922) foi um médico e político com actividade relevante durante a Primeira República Portuguesa que, entre outras funções de destaque, foi deputado à Assembleia Nacional Constituinte, Ministro das Colónias no governo presidido por João Chagas (3 de Setembro a 12 de Novembro de 1911), Ministro da Marinha no governo de Augusto de Vasconcelos (12 de Novembro de 1911 a 16 de Junho de 1912).

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Celestino de Almeida · Veja mais »

Estêvão de Vasconcelos

José Estêvão Brosselard Pais de Vasconcelos (Olhão, 13 de novembro de 1868 — Lisboa, 15 de maio de 1917) foi um médico e político português.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Estêvão de Vasconcelos · Veja mais »

Governo Provisório da República Portuguesa

O Governo Provisório da República Portuguesa foi o directório que, após a proclamação da República Portuguesa em 5 de Outubro de 1910, ficou encarregado de dirigir superiormente a Nação até que fosse aprovada uma nova Lei fundamental.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Governo Provisório da República Portuguesa · Veja mais »

José de Freitas Ribeiro

José de Freitas Ribeiro ComTE • ComA (Cascais, Parede, 23 de Maio de 1868 — Cascais, Cascais, 3 de Novembro de 1929) foi um oficial da Armada Portuguesa e político do tempo da Primeira República Portuguesa.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e José de Freitas Ribeiro · Veja mais »

Lista de chefes de governo de Portugal

Esta é uma lista de chefes de governo de Portugal desde a instituição oficial do cargo em 1834, com o restabelecimento da Monarquia Constitucional, com o nome de presidente do Conselho de Ministros, até ao presente.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Lista de chefes de governo de Portugal · Veja mais »

Ministério da Administração Interna

O Ministério da Administração Interna (MAI), designado entre 1910 e 1974 por Ministério do Interior é o departamento do Governo de Portugal responsável pela execução das políticas de segurança pública, de proteção e socorro, de imigração e asilo, de prevenção e segurança rodoviária e pela administração dos assuntos eleitorais.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Ministério da Administração Interna · Veja mais »

Ministério da Guerra (Portugal)

Entradas do antigo Ministério no Complexo ministerial do Terreiro do Paço, ainda hoje ostentando as inscrições "Ministério do Exército". O Ministério da Guerra (MG) era o antigo departamento governamental de Portugal responsável pela administração dos assuntos relativos ao Exército Português.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Ministério da Guerra (Portugal) · Veja mais »

Ministério da Justiça (Portugal)

O Ministério da Justiça (MJ) é um departamento do Governo de Portugal, responsável pela gestão dos assuntos respeitantes ao Sistema Judicial Português.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Ministério da Justiça (Portugal) · Veja mais »

Ministério da Marinha (Portugal)

O Ministério da Marinha (MM) era o antigo departamento do Governo de Portugal que se ocupava dos assuntos marítimos, tanto militares como civis.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Ministério da Marinha (Portugal) · Veja mais »

Ministério das Colónias

O Ministério das Colónias (1911 — 1951) foi um departamento ministerial do Governo de Portugal que tinha como responsabilidade a condução das políticas civis especificamente dirigidas aos territórios sob domínio colonial português, incluindo a adaptação e aplicação a esses territórios das políticas que no então território metropolitano da República Portuguesa eram responsabilidade de outros ministérios.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Ministério das Colónias · Veja mais »

Ministério das Finanças (Portugal)

O Ministério das Finanças (MF) é o departamento do Governo de Portugal que tem por missão definir e conduzir a política financeira do Estado e as políticas para a Administração Pública.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Ministério das Finanças (Portugal) · Veja mais »

Ministério do Fomento

Ministério do Fomento foi a designação dada, na sequência do golpe republicano de 5 de outubro de 1910, ao anterior Ministério das Obras Públicas, Comércio e Indústria.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Ministério do Fomento · Veja mais »

Ministério dos Negócios Estrangeiros (Portugal)

O Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE) é, em Portugal, o departamento governamental responsável pela formulação, coordenação e execução da política externa.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Ministério dos Negócios Estrangeiros (Portugal) · Veja mais »

Portugal

Portugal, oficialmente República Portuguesa, é um país soberano unitário localizado no sudoeste da Europa, cujo território se situa na zona ocidental da Península Ibérica e em arquipélagos no Atlântico Norte. O território português tem uma área total de, sendo delimitado a norte e leste por Espanha e a sul e oeste pelo oceano Atlântico, compreendendo uma parte continental e duas regiões autónomas: os arquipélagos dos Açores e da Madeira. Portugal é a nação mais a ocidente do continente europeu. O nome do país provém da sua segunda maior cidade, Porto, cujo nome latino-celta era Portus Cale. O território dentro das fronteiras atuais da República Portuguesa tem sido continuamente povoado desde os tempos pré-históricos: ocupado por celtas, como os galaicos e os lusitanos, foi integrado na República Romana e mais tarde colonizado por povos germânicos, como os suevos e os visigodos. No século VIII, as terras foram conquistadas pelos mouros. Durante a Reconquista cristã foi formado o Condado Portucalense, primeiro como parte do Reino da Galiza e depois integrado no Reino de Leão. Com o estabelecimento do Reino de Portugal em 1139, cuja independência foi reconhecida em 1143. Em 1297 foram definidas as fronteiras no tratado de Alcanizes, tornando Portugal no mais antigo Estado-nação da Europa. Nos séculos XV e XVI, como resultado de pioneirismo na Era dos Descobrimentos (ver: descobrimentos portugueses), Portugal expandiu a influência ocidental e estabeleceu um império que incluía possessões na África, Ásia, Oceânia e América do Sul, tornando-se a potência económica, política e militar mais importante de todo o mundo. O Império Português foi o primeiro império global da História e também o mais duradouro dos impérios coloniais europeus, abrangendo quase 600 anos de existência, desde a conquista de Ceuta em 1415, até à transferência de soberania de Macau para a China em 1999. No entanto, a importância internacional do país foi bastante reduzida durante o século XIX, especialmente após a independência do Brasil, a sua maior colónia. Com a Revolução de 1910, a monarquia terminou, tendo desde 1139 até 1910, 34 monarcas. A Primeira República Portuguesa foi muito instável, devido ao elevado parlamentarismo. O regime deu lugar à ditadura militar devido a um levantamento em 28 de maio de 1926. Em 1933, um novo regime autoritário, o Estado Novo, presidido por Salazar até 1968, geriu o país até 25 de abril de 1974. A democracia representativa foi instaurada após a Revolução dos Cravos, em 1974, que terminou a Guerra Colonial Portuguesa. As províncias ultramarinas de Portugal tornaram-se independentes, sendo as mais proeminentes Angola e Moçambique. Portugal é um país desenvolvido, com um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) considerado como muito elevado. O país foi classificado na 19.ª posição em qualidade de vida (em 2005), tem um dos melhores sistemas de saúde do planeta e é, também, uma das nações mais globalizadas e pacíficas do mundo. É membro da Organização das Nações Unidas (ONU), da União Europeia (incluindo a Zona Euro e o Espaço Schengen), da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO), da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Portugal também participa em diversas missões de manutenção de paz das Nações Unidas.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Portugal · Veja mais »

Primeira República Portuguesa

A Primeira República Portuguesa (também referida como República Parlamentar) e cujo nome oficial era apenas República Portuguesa, foi o sistema político vigente em Portugal após a queda da Monarquia Portuguesa, entre a revolução republicana de 5 de outubro de 1910 e o golpe de 28 de maio de 1926, que deu origem à Ditadura Militar, mais tarde Ditadura Nacional e posteriormente Estado Novo.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Primeira República Portuguesa · Veja mais »

Sidónio Pais

Sidónio Bernardino Cardoso da Silva Pais (Caminha, — Lisboa) foi um militar e político que, entre outras funções, exerceu os cargos de deputado, de ministro do Fomento, de ministro das Finanças, de embaixador de Portugal em Berlim, de ministro da Guerra, de ministro dos Negócios Estrangeiros, de presidente da Junta Revolucionária de 1917, de presidente do Ministério e de presidente da República Portuguesa.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Sidónio Pais · Veja mais »

Silvestre Falcão

Silvestre José Falcão de Sousa Pereira de Berredo (Castro Marim, 29 de Junho de 1866 — Lisboa, 18 de Março de 1927), mais conhecido por Silvestre Falcão, foi um médico, formado pela Universidade de Coimbra, membro do Comité Académico da Revolução de 31 de Janeiro, 1.º governador civil do Distrito de Coimbra após a implantação da República Portuguesa.

Novo!!: 3.º governo republicano (Portugal) e Silvestre Falcão · Veja mais »

Redireciona aqui:

3º governo republicano (Portugal).

CessanteEntrada
Ei! Agora estamos em Facebook! »